Redes sociais

Por Caroline Doms, para o TechTudo


O Siga Social é um site destinado a interações automáticas no Instagram. Lançada no início de 2020, a ferramenta promete pagar os usuários que cadastrarem suas contas do Instagram na plataforma e realizarem ações como seguir os perfis sugeridos, curtir e comentar publicações. No entanto, o site pode ferir as Diretrizes de Comunidade da rede social, que não permite uso de aplicativos de terceiros para ações automáticas ou para ganhar curtidas e seguidores, por exemplo.

Como a plataforma é nova, ainda não há reclamações na Internet sobre o seu funcionamento ou pagamentos realizados. Por isso, vale tomar alguns cuidados com o site antes de começar a utilizá-lo para ganhar dinheiro com ações automáticas de seguir perfis, curtir e comentar postagens. A seguir, entenda como funciona o Siga Social e conheça alguns riscos que ele pode oferecer aos usuários. Vale ressaltar que o TechTudo não atesta a segurança do site e que não testamos a ferramenta a ponto de fazer os saques.

Siga Social promete recompensar usuários com dinheiro por cada interação realizada no Instagram — Foto: Caroline Doms/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

O que é o Siga Social?

O site Siga Social é uma plataforma destinada a gerar interações nos perfis do Instagram. Os usuários se cadastram e podem receber dinheiro para cada ação executada, como seguir os perfis, curtir e comentar publicações. É possível realizar 300 ações por dia em cada conta cadastrada no Siga Social. As funções do site são bastante semelhantes ao Dizu, que também paga por interação.

Os usuários devem entrar com as informações de login e senha do Instagram no Siga Social. Após isso, o robô da ferramenta seleciona as contas automaticamente para realizar as ações. Caso a pessoa deixe de seguir os perfis, é banido da plataforma e não recebe pelas interações.

Usuários cadastram login e senha do Instagram para que o site selecione as ações automaticamente — Foto: Reprodução/Caroline Doms

Siga Social é seguro?

O Siga Social foi lançado no início de 2020 e, até o momento, não há nenhum registro de reclamação sobre ele no Reclame Aqui. Desta forma, é importante tomar cuidado antes de se cadastrar no site para receber dinheiro por interações, pois a promessa de recompensa pode não ser viável. Na sessão de perguntas e respostas do Siga Social, o site afirma ser confiável e aconselha o usuário a cadastrar uma conta paralela do Instagram para testar, antes de informar os dados do perfil pessoal na rede social.

Até o momento não há reclamações sobre o Siga Social no Reclame Aqui — Foto: Reprodução/Caroline Doms

Como é feito o pagamento?

Para receber pelas ações realizadas no Siga Social, o usuário deve informar os dados de uma conta bancária no Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Bradesco, Santander, Itaú, Nubank ou Banco Inter. Para as ações automáticas, ou seja, realizadas pelo próprio robô do site, a pessoa recebe R$ 0,10 por cada comentário, R$ 0,010 por conta seguida e R$ 0,005 por curtida. Já para as ações manuais, o site paga R$ 0,15 por comentário, R$ 0,012 para cada conta seguida e R$ 0,007 por curtida em publicação.

Nos quatro primeiros saques, só é possível transferir o dinheiro para a conta cadastrada depois de atingir, no mínimo, R$ 20. Após esse período, o valor mínimo de saques passa a ser R$ 70. Como o site permite realizar 300 ações por dia em cada conta cadastrada nele, o pagamento pode variar de acordo com a atividade do usuário.

Siga Social realiza pagamentos aos usuários com conta em diferentes bancos — Foto: Reprodução/Caroline Doms

Veja também: Como o Instagram funciona? Entenda o algoritmo

Como o Instagram funciona? Entenda o algoritmo

Como o Instagram funciona? Entenda o algoritmo

Quais são os riscos?

Os usuários que utilizam aplicativos de terceiros para conseguir curtidas, seguidores ou para gerar interações que não são autênticas podem ter funções bloqueadas no Instagram. Isso ocorre porque sites com esse objetivo ferem as Diretrizes da Comunidade da rede social. Além disso, os termos de uso da rede social não permitem fornecer os dados de login e senha para outras pessoas ou aplicativos de terceiros com o objetivo de aumentar o engajamento. Por isso, antes de começar a usar o Siga Social, vale a pena avaliar com calma os riscos de utilizar a ferramenta.

É possível deleter a conta no Siga Social se o Instagram punir o usuário — Foto: Reprodução/Caroline Doms

Como revogar o acesso do Siga Social ao Instagram?

O usuário pode cancelar sua conta a qualquer momento no site do Siga Social. Para isso, basta acessar a aba “Configurações”, ir até o final da página e encontrar a opção “Deseja excluir sua conta?”. Então, basta confirmar a exclusão. No entanto, vale ressaltar que quem deletar o perfil do Siga Social não poderá retornar para o site.

Além disso, é possível revogar o acesso do site no próprio aplicativo do Instagram. Para isso, basta acessar as configurações do app, clicar em “Segurança”, encontrar a opção “Aplicativos e sites”, selecionar os que estão ativos e remover o acesso ao site.

Ao acessar as configurações do Instagram, é possível ver todos e apps e sites com acesso à sua conta e revogar o acesso — Foto: Reprodução/Caroline Doms

Via Siga Social e Suporte do Instagram (1 e 2)

Como colocar música no Instagram? Descubra no Fórum do TechTudo

Mais do TechTudo