Sistemas operacionais

Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Smartphones com sistema Android oferecem uma série de configurações que podem deixar o celular mais seguro e eficiente. Alterações como aplicar um endereço MAC aleatório, fixar um servidor DNS, racionalizar o uso da bateria por apps em segundo plano ou mesmo checar o nível de segurança das suas senhas fazem parte dos recursos disponíveis nos celulares com o sistema operacional do Google.

Mesmo assim, esses ajustes importantes podem passar despercebidos pelos usuários por estarem "escondidos" na seção de configurações do celular. Na lista abaixo, você descobre como ativar e usar esses e outros recursos do Android para proteger o seu smartphone e dados pessoais.

Configurações protegem privacidade, deixam seu celular mais seguro e ajudam a poupar bateria — Foto: Fernando Teles/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

1. Mudar endereço MAC

Endereço MAC (Media Access Control) é um identificador único associado a equipamentos de hardware com algum tipo de conectividade de rede. Atualmente, é possível usar o endereço MAC de um dispositivo para monitorar seu comportamento, como as redes que acessa, gerando assim um mapa dos lugares que você visita.

Usar MAC aleatório torna seu celular mais seguro e protege a sua privacidade — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

A boa notícia é que celulares com Android 10 podem ativar um recurso que altera o endereço MAC toda vez que o dispositivo conecta a uma rede, impedindo assim qualquer tipo de violação da privacidade do usuário. Para fazer isso, abra as “Configurações”, vá nas opções de rede e escolha a rede Wi-Fi que você está usando no momento. Em “Avançado” você encontra a opção de “Usar MAC aleatório”.

2. Otimizar o consumo de bateria

No Android, é possível filtrar apps e determinar que eles sejam bloqueados de rodar em segundo plano. Isso impede que determinado aplicativo execute tarefas, mesmo com o celular em repouso, sendo uma medida importante para economizar a bateria do celular. Também é possível escolher apps que você considera interessante deixar rodando em segundo plano, como mensageiros e redes sociais, de forma a garantir que você receba notificações e mensagens.

Opções permitem determinar que apps você quer impedir de funcionar em segundo plano para economizar bateria — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Para fazer tudo isso, acesse as “Configurações” e, dentro de “Bateria”, escolha “Gerenciamento de energia de aplicativos”. No grupo “Aplicativo em suspensão profunda”, você deve escolher aqueles que deseja bloquear. Já em “App que não serão suspensos”, você pode inserir os aplicativos que considera importante deixar rodando em segundo plano, como apps de mensagens, redes sociais, e-mail e etc.

3. Mudar o endereço DNS do celular

Servidor DNS é um componente essencial para o uso da Internet: ele é responsável por traduzir endereços de IP em endereços amigáveis de forma que você não precise decorar que 172.217.29.228 é o endereço do Google na Internet, por exemplo. Extremamente úteis, os DNS são passíveis a problemas de segurança e ataques, além de falhas que podem impedir você de ter acesso a sites e serviços.

Fixar um DNS pode garantir mais segurança e privacidade, além de performance superior ao navegar na Internet — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Uma forma de contornar esses problemas é fixando um endereço de servidor DNS confiável no seu dispositivo. Existem várias opções, mas uma das mais rápidas e estáveis são as oferecidas pelo Google ou pela CloudFlare. Para fixar um servidor DNS no seu celular, busque “DNS privado” nas “Configurações”, selecione privado e insira “dns.google” para usar o servidor do Google ou “1dot1dot1dot1.cloudflare-dns.com” para usar o CloudFlare (saiba como fixar um DNS em celulares com Android 8 ou edições anteriores).

4. Desativar personalização de anúncios

O Google usa dados coletados a seu respeito para ajustar sugestões de anúncios: se você fizer uma busca por TVs, começará a ver anúncios de televisores em todos os lugares. O mesmo funciona para qualquer outro tipo de produto ou serviço.

Desligar a personalização de anúncios é uma opção para quem deseja mais privacidade — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Embora fugir dos anúncios seja mais difícil, é possível desligar o mecanismo que usa seus dados para sugerir anúncios vinculados aos seus hábitos de pesquisa na Internet. Para fazer isso, abra as “Configurações”, escolha o “Google” e selecione a opção pelo menu “Anúncios” e selecione “Desativar a personalização de anúncios”.

5. Conferir senhas no gerenciador de senhas do Android

O Android dá acesso ao gerenciador de senhas da sua conta do Google. Com ele, você pode visualizar todas as senhas de acesso a sites e serviços que estão atreladas à sua conta, com direito inclusive ao acesso a uma ferramenta de checagem que analisa se alguma dessas senhas está comprometida por vazamentos na Internet, ou mesmo se ela é muito fraca e merece sua revisão.

Você pode usar o gerenciador da sua conta do Google para checar a segurança das suas senhas — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Para fazer a checagem, abra as “Configurações” do celular e localize a opção “Google”. Escolha “Gerencie sua Conta do Google” e, em seguida, na aba “Segurança”, encontre o campo de “Gerenciador de senhas”. Para checar a segurança, selecione “Verificar senhas” e siga os passos de autenticação: o Google irá mostrar um status do seu histórico, mostrando se senhas estão comprometidas e se precisam da sua atenção.

Google Play Store: como resolver os principais problemas

Google Play Store: como resolver os principais problemas

Mais do TechTudo