Streamers

Por Nícolas Munoz, para o TechTudo


Plataformas de streaming de jogos, como a Twitch TV e o Facebook Gaming, cresceram muito nos últimos anos. Com todo o sucesso, algumas celebridades começaram a fazer transmissões ao vivo de games como Among Us, Free Fire, Fall Guys, Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO), entre outros títulos. É o caso da cantora Anitta, o jogador de futebol Neymar e o rapper americano Snoop Dogg. O TechTudo separou cinco personalidades que começaram a realizar streams de jogos e também estão fazendo sucesso no mundo gamer.

Neymar

Neymar atingiu a marca de 100 mil viewers em sua primeira stream — Foto: Reprodução/Twitch TV

Neymar começou a fazer streams na Twitch TV mais ativamente em outubro de 2020, e, desde então, vem ganhando bastante popularidade. O atacante do Paris Saint-Germain consegue milhares de espectadores sempre que fica online, e atingiu a marca de cerca de 100 mil viewers logo em sua primeira live.

O jogador faz transmissões de jogos como CS:GO e Among Us, geralmente com amigos, e interage bastante com o chat. No dia 9 de novembro de 2020, Neymar foi banido por sete dias da plataforma, por vazar, acidentalmente, o número de telefone de seu amigo e companheiro de seleção, Richarlison, jogador do Everton.

Anitta

Anitta fez uma stream com o youtuber Fred, jogando Fifa 21 — Foto: Reprodução/Facebook Gaming

Outra celebridade que também se rendeu às streams foi a Anitta. A cantora dos hits “Show das Poderosas”, “Bang”, “Vai Malandra”, entre outros, fechou uma parceria com o Facebook Gaming em agosto de 2020 para realizar streams de diversos jogos semanalmente. A funkeira joga games de diferentes estilos em suas transmissões, como Free Fire, GTA V, Fall Guys e até mesmo Fifa 21, com o ex-jogador profissional de futsal e youtuber, Fred.

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Snopp Dogg

Snopp Dogg começou sua carreira de streamer três anos atrás, jogando o Battle Royale SOS — Foto: Reprodução/Twitch TV

Snoop Dogg também resolveu investir no mundo das streams. O rapper que fez fama com músicas como “Drop It Like It’s Hot” e “Young, Wild and Free” iniciou sua carreira de streamer na Twitch três anos atrás, com uma transmissão do game de Battle Royale SOS, mas recentemente tem focado seu conteúdo no jogo de futebol americano Madden NFL 21. Antigamente o cantor deixava sua câmera e seu microfone ligados e interagia com o chat, porém, em streams mais recentes, Snopp Dogg só transmitiu a gameplay de NFL 21, sem mostrar o rosto ou falar com os viewers.

Soulja Boy

Soulja Boy faz bastante conteúdo relacionado ao jogo Tony Hawk's Pro Skater 1+2 — Foto: Reprodução/Twitch TV

Outro rapper que decidiu se dedicar às streams foi Soulja Boy. O cantor de músicas de sucesso dos anos 2000 como “Crank That” e “Kiss Me Thru the Phone” começou a fazer streams na Twitch em 2018, porém fez uma pausa por algum tempo pois foi preso, devido à uma violação de sua liberdade condicional.

Recentemente o rapper voltou a streamar e seu conteúdo é bastante diverso. Além de Tony Hawk's Pro Skater 1+2, Soulja Boy joga Among Us, Apex Legends e Call Of Duty: Warzone. Além desses títulos, o cantor também já fez transmissões de jogos, no mínimo, surpreendentes para seus fãs, como do antigo MMORPG Runescape e de um jogo de xadrez 3D.

Brendon Urie

O vocalista da banda Panic! at the Disco, Brendon Urie, também tem um canal na Twitch. O cantor começou a streamar casualmente no final de 2018, focando mais em conversar com os seus fãs ao invés de jogar. Entretanto, recentemente ele começou a ser mais ativo no canal, fazendo lives jogando Fortnite e Broforce. Ele deixa a câmera desligada, mas mantém o microfone ligado, conversando com seus viewers e seus companheiros de equipe.

Brendon Urie faz streams com a câmera desligada mas com o microfone ligado, conversando com seu chat e seus companheiros de equipe — Foto: Reprodução/Twitch TV

Além disso, Brendon também realizou lives beneficentes com outros artistas para arrecadar fundos para a High Hopes Fundation, fundação criada pelo cantor para ajudar pessoas que sofrem discriminações e abusos por conta de gênero, etnia, religião e orientação sexual. Todas as doações das streams do vocalista também vão para a fundação.

Mais do TechTudo