Campeonatos

Por Bruna Telles, para o TechTudo


League of Legends (LoL) terminou a temporada 10 e o ano de 2020 com um total de 153 campeões. A Riot Games disponibiliza atualizações (patch notes) periódicas para fazer o balanceamento dos personagens e com lançamentos de novos campeões. No entanto, alguns bonecos dominaram o metagame na última season. O TechTudo preparou uma lista com as estatísticas dos campeões mais usados por rota nos torneios oficiais do LoL. Os dados são do portal Gol.gg. Veja a seguir.

Topo

Na rota do topo do LoL não teve para ninguém: Ornn foi o grande nome — Foto: Divulgação/Riot Games

Embora Sett e Volibear tenham tido um winrate maior ao longo da temporada, Ornn se estabilizou como uma escolha proeminente na rota do topo. O espírito Freljordano teve 64% de pick/ban (1909 picks e 1892 bans) e um winrate de 50,1%. Ornn se mostrou forte contra Darius, Zac e Malphite, porém fraco contra Kalista, Galio e Zoe. Já os melhores jogadores com o personagem foram Xie "Langx" Zhen-Ying, Mauno "beansu" Tälli e Kim "Rascal" Kwang-hee.

Selva

Lee Sin foi uma escolha confiável para selva, embora seu winrate não tenha sido dos melhores — Foto: Divulgação/Riot Games

Lee Sin foi uma escolha contraditória para selva em 2020. Por um lado, o campeão foi bastante popular e confiável, com 42% de pick/ban (1607 picks e 915 bans). Por outro, ele teve 48,4% de winrate, uma das menores taxas de vitórias entre os personagens "top tier". Ao longo da temporada, o monge cego foi forte contra Skarner, Xin Zhao e Hecarim, e fraco contra Wukong, Qiyana e Lillia. Seus principais jogadores foram Hung "Karsa" Hao-Hsuan, Seo "Kanavi" Jin-hyeok e Lucjan "Shlatan" Ahmad.

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Meio

Syndra dominou a rota do meio durante a temporada 2020 do LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Em uma temporada onde os magos de controle voltaram ao meta do LoL, Syndra foi destaque. A campeã termina 2020 com 64% de pick/ban (1249 picks e 2318 bans), sendo a personagem mais pickada e banida da sua posição - fato raro no competitivo. Com winrate de 52,4%, a soberana sombria foi forte contra Diana, Nautilus e Cassiopeia, e fraca contra Vladimir, Malzahar e Pantheon. Seus principais jogadores foram Zhuo "knight" Ding, Xiang "Angel" Tao e Chen "Uniboy" Chang-Chu.

Atirador

Aphelios desbancou atiradores populares como Ashe e Ezreal na temporada 2020 do LoL — Foto: Divulgação/Riot Games

Apesar da ascensão no competitivo de atiradores, como Ezreal e Ashe, nenhum dominou a função tanto quanto Aphelios. Mesmo tendo recebido múltiplos nerfs ao longo de 2020, o atirador terminou a temporada com 64% de pick/ban (2000 picks e 1843 bans). A arma dos devotos fecha o ano com 55,2% de winrate, tendo sido forte contra Jinx, Vayne e Maokai, e fraca contra Sivir, Tristana e Soraka. Os principais players foram Kwon "Light" Sun-ho, Ding "Puff" Wang e Wong "Unified" Chun Kit.

Suporte

No ano dos tanques com durabilidade, Nautilus foi o suporte preferido dos jogadores — Foto: Divulgação/Riot Games

Nautilus roubou a cena entre os suportes em um ano onde a função girou em torno de tanks com durabilidade. O titã das profundezas teve 50% de pick/ban (2072 picks e 975 bans) e 48,5% de winrate. Com a maior quantidade de picks entre todos os personagens do jogo, Nautilus foi forte contra Blitzcrank, Karma e Shen, e fraco contra Miss Fortune, Syndra e Galio. Os principais jogadores foram Liu "Crisp" Qing-Song, Tian "Meiko" Ye e Shi "Ming" Sen-Ming.

Nunca jogou LoL? Saiba como mandar bem em sua primeira partida

Nunca jogou LoL? Saiba como mandar bem em sua primeira partida

Mais do TechTudo