Streaming

Por Leandro Eduardo, para o TechTudo


O Facebook Gaming é uma plataforma de streaming de jogos disponível em versão web para PC, e em aplicativo (app) para download em celulares Android e iPhone (iOS). Para garantir uma comunidade segura, o Facebook têm diretrizes da comunidade que devem ser seguidas pelos espectadores e streamers. Discurso de ódio e promoção de atividades ilegais são alguns exemplos de ações que podem até banir canais. Veja, a seguir, cinco práticas proibidas na plataforma do Facebook.

Facebook Gaming é o serviço de streaming do Facebook para jogos e campeonatos — Foto: Divulgação/Facebook

Quer comprar jogos, consoles e PC's com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Discurso de ódio

O discurso de ódio durante as transmissões ou no chat é uma prática reprimida pelo Facebook Gaming. A prática, de acordo com a plataforma, cria um ambiente de intimidação que, em algumas ocasiões, pode partir para violência no mundo real. O Facebook Gaming classifica como discurso de ódio: discursos violentos ou degradantes e declarações de inferioridade ou incentivo à exclusão ou segregação de pessoas. Além disso, também não é admitido a promoção de ódio por intermédio de insultos raciais ou misóginos.

Atividades ilegais

O Facebook Gaming também não aceita promoção e divulgação de crimes violentos, roubos ou fraudes. Além disso, também não é permitido o detalhamento de atividades criminosas ou a confissão de crimes cometidos por uma pessoa ou associados a ela. Atividade terrorista, ódio organizado, assassinato em massa ou chacina, tráfico humano e violência organizada são algumas das práticas que se encaixam em atividades ilegais.

Publicação de informações pessoais

A publicação de dados pessoais de outras pessoas sem o consentimento delas é outra atitude proibida no Facebook Gaming. A prática, conhecida como “dooxing”, fere dois valores fundamentais do serviço: a privacidade e a proteção de informações pessoais. Desta forma, é coibida a publicação de conteúdo com número de identidade nacional, laudos médicos ou psicológicos, informações financeiras, número de telefone ou endereço particulares.

Nudez ou atividade sexual

Os usuários que exibirem imagens com nudez ou atividades sexuais também terão suas atividades restringidas no Facebook Gaming. A plataforma remove as imagens de cunho sexuais para impedir a disseminação de conteúdo não consentido ou de menores de idades. Vale ressaltar que as diretrizes sobre nudez são flexíveis, pois podem ser compartilhadas por vários motivos, inclusive como protesto ou motivações médicas e educacionais.

Promoção de suicídio

A plataforma do Facebook também não permite a publicação de informações que promova, incentiva, coordene ou forneça instruções sobre suicídio, autoagressão ou distúrbios alimentares. Ou seja, isso inclui pedir a outras pessoas que auxiliem você a se violentar ou ajudar outros usuários a praticarem comportamentos suicidas ou de autoagressão. O Facebook Gaming recomenda que, caso alguém esteja em risco, ligue imediatamente para os serviços de emergência locais, como o SAMU.

Via Facebook

Mais do TechTudo