Áudio e vídeo

Por Carol Fernandes, para o TechTudo


Ganhar inscritos no YouTube é importante para ter acesso aos recursos de monetização da rede social. Além disso, o número de assinantes também indica ao algoritmo da rede que os vídeos postados são relevantes para o público. Assim, o conteúdo tende a aparecer para mais pessoas e, consequentemente, o canal tem um aumento em seu engajamento e na sua popularidade.

Em meio a tantas produções na plataforma, pode parecer difícil conseguir se destacar da concorrência e obter o sonhado sucesso, mas não é impossível. Se deseja crescer na rede de forma rápida e gratuita, confira, a seguir, dicas práticas que podem ajudar a ganhar inscritos no YouTube.

Descubra maneiras de conquistar inscritos no canal de graça — Foto: Carolina Ochsendorf/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

1. Usar palavras-chave

Uma das principais formas utilizadas para encontrar um vídeo no YouTube é usando palavras-chave, ou seja, expressões que tenham relação direta com o conteúdo. Quando o usuário faz a busca por meio de um termo, os vídeos que geralmente aparecem primeiro são os que contém as mesmas palavras pesquisadas.

Por isso, é importante otimizar tanto o título quanto a descrição do vídeo com os termos mais procurados pelos usuários da rede. Por exemplo, em vez de intitular uma publicação com “Minha maquiagem”, talvez seja mais interessante colocar “Maquiagem de festa”.

2. Publicar com frequência

Gravar e editar conteúdos para o YouTube pode dar bastante trabalho, e mesmo que o vídeo seja bem produzido, não há garantias de que o número de visualizações será alto. No entanto, é importante ressaltar que a frequência de postagens gera conexão com os inscritos no canal.

Dessa forma, os seguidores podem esperar por vídeos todo dia ou toda semana, por exemplo, e se tornam mais fiéis ao conteúdo. Além disso, essa prática demonstra ao próprio YouTube seu propósito de colaborar com produções relevantes na plataforma.

3. Usar os cartões do YouTube

Usar os cartões do YouTube é uma opção para deixar seus vídeos mais interativos. O recurso permite exibir vídeos, listas de reprodução, canais ou links durante os últimos 20 segundos do seu vídeo. A ideia dos cartões é complementar as produções e melhorar a experiência do espectador com informações relevantes. Além disso, também contribuem para que o usuário continue navegando na plataforma, caso os links redirecionem para outros vídeos ou canais.

4. Criar miniaturas atraentes

Quem deseja ter sucesso com um canal no YouTube deve entender que a escolha da miniatura do vídeo é tão importante quanto o conteúdo. Afinal, ela é a capa da produção e, por isso, precisa chamar a atenção dos visitantes e se conectar com eles de alguma forma. Uma dica é colocar uma imagem atraente que tenha a ver com o que o público acha interessante consumir. Lembre-se: a capa do vídeo é a primeira impressão que o internauta terá do seu trabalho.

A capa do vídeo deve chamar a atenção do público — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

5. Produzir conteúdo de qualidade

Para que o conteúdo alcance um bom resultado, é preciso que as produções tenham qualidade. Antes de iniciar a gravação, procure fazer um roteiro para garantir que conteúdo seja interessante e tenha início, meio e fim bem estruturados.

Também é importante pensar em uma boa iluminação e em possíveis cenários para prender a atenção de quem estiver assistindo ao vídeo. Invista em bons equipamentos para gravar, captar o áudio e em softwares ou aplicativos para edição, como o Adobe Premiere Pro, o After Effects ou o Sony Vegas.

Investir em bons equipamentos faz com o que os vídeos tenham mais qualidade — Foto: Melissa Cruz/TechTudo

6. Divulgar o link do canal do YouTube em outras redes sociais

A maioria das pessoas está conectada em outras redes sociais além do YouTube. Por isso, é importante ampliar as formas de divulgar o endereço do seu canal. No perfil do Instagram, por exemplo, é possível colocar o link na bio para que o público também possa acessar o conteúdo do YouTube facilmente. E, caso tenha mais de 10 mil seguidores, outra opção é usar o “Arrasta para cima” nos Stories, para que o usuário seja redirecionado automaticamente. Também vale criar uma página própria do canal no Facebook e no Twitter para tornar seu trabalho mais conhecido.

É possível divulgar o link do canal em diversas redes sociais — Foto: Nicolly Vimercate/TechTudo

Veja também: Como colocar vídeo do YouTube nos Stories do Instagram

Como colocar vídeo do YouTube nos Stories do Instagram

Como colocar vídeo do YouTube nos Stories do Instagram

7. Escolher temas que estão sendo procurados pelo público

“O que o meu público gostaria de assistir no YouTube?”. Esta é uma pergunta que todo criador de conteúdo deveria se fazer antes de começar a gravar um vídeo. Embora seja interessante que o canal se destaque por suas características próprias, vale lembrar a importância de saber quais os tipos de informação e formatos de vídeos estão em alta na rede.

Produzir vídeos sobre os assuntos mais buscados do momento aumenta as visualizações — Foto: Reprodução/Carol Fernandes

Por isso, fazer publicações sobre os temas mais abordados do momento é uma ótima forma de atrair visualizações e novos inscritos. Ainda é possível contar com a ajuda de aplicativos ou sites como Google Trends para descobrir quais são os assuntos mais buscados.

8. Utilizar o método CTA (Call to Action)

A estratégia do “call to action”, ou CTA, muito usada por profissionais de marketing, pode ser um método eficaz para conquistar mais inscritos no YouTube. Como a tradução literal do termo sugere, a ideia é chamar o espectador para uma ação. Um exemplo é a frase “Se você gostou do conteúdo, não esqueça de se inscrever no canal”, que geralmente é inserida nos primeiros minutos ou no final do vídeo.

Outra frase para motivar os espectadores a engajarem com o vídeo é "clicar no joinha" ou "deixar o like". A quantidade de curtidas também ajuda o algoritmo da plataforma a identificar que seu trabalho tem qualidade e relevância.

Mais do TechTudo