Redes sociais

Por Beatriz Maxima, para o TechTudo


É possível proteger o WhatsApp de clonagens e roubos de dados com algumas funções do próprio app para Android e iPhone (iOS). Ativar uma proteção extra na hora de acessar o mensageiro também pode impedir que curiosos bisbilhotem suas conversas. A lista a seguir traz quatro formas de colocar senha no WhatsApp, como ativando a verificação biométrica ou em duas etapas, e baixando aplicativos da Google Play que bloqueiam o acesso não autorizado ao mensageiro.

WhatsApp tem desbloqueio de tela por biometria facial ou digital — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Ativar a verificação em duas etapas

Habilitar a verificação em duas etapas é uma opção para proteger o WhatsApp de clonagem. O recurso de segurança consiste no usuário criar uma senha de seis dígitos que é solicitada toda vez que o número é cadastrado em um celular novo. A função dificulta golpes de clonagem porque, por mais que o criminoso obtenha o código enviado por SMS para ativar sua conta, também será requerida a senha personalizada para usar o seu WhatsApp em outro smartphone.

O recurso está disponível no iPhone a partir dos ajustes do WhatsApp, na opção “Conta”. Então, selecione “Confirmação em duas etapas” e ative a proteção para gerar sua senha de seis dígitos. É necessário informar um endereço de e-mail ao WhatsApp para recuperar o código caso o esqueça. Por fim, aperte “OK” para ativar a dupla verificação.

Selecionando ativar e escolhendo o PIN de seis dígitos para confirmar a ativação do WhatsApp — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

No Android, selecione os três pontinhos no canto superior direito da tela inicial do WhatsApp. Vá para “Configurações” e, depois, acesse “Conta”. Escolha a opção “Confirmação em duas etapas” e aperte “Ativar” para inserir uma senha de seis dígitos. O aplicativo requer que você confirme o código duas vezes para, então, pedir um e-mail para a recuperação do código. Para finalizar, assinale a opção “Salvar”.

Acessando "Configurações" e selecionando "Conta" no WhatsApp pelo Android — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Bloquear aplicativo com digital

Além da verificação em duas etapas, o WhatsApp oferece a proteção biométrica para que o acesso ao mensageiro seja liberado apenas mediante a verificação de digital ou rosto. Quem tem iPhone 5S ou superior (até o iPhone 8 Plus) pode ativar o Touch ID no aplicativo. No caso do iPhone X e modelos mais recentes, a autenticação acontece por meio do Face ID. Já no sistema Android, o recurso de segurança é oferecido segundo a disponibilidade de biometria no smartphone.

Como desbloquear o WhatsApp com digital; saiba ativar

Como desbloquear o WhatsApp com digital; saiba ativar

Para ativar o Touch ID ou Face ID para o WhatsApp em celulares da Apple, vá até as “Configurações” do mensageiro, selecione “Conta” e, depois, “Privacidade”. Procure por “Bloqueio de tela” e selecione a opção correspondente para habilitar a biometria. Você também pode definir se a verificação será feita no momento em que acessar o aplicativo, ou depois de um período com o WhatsApp aberto.

Acessando "Bloqueio de Tela" e ativando a proteção dia Face ID do WhatsApp no iPhone — Foto: Reprodução/Anna Kellen Bull

Em celulares Android, acesse “Configurações”, depois “Conta” e selecione “Privacidade” no WhatsApp. Role a tela até o fim para assinalar a opção “Bloqueio por impressão digital”. Pressione “Desbloquear com impressão digital” e coloque o dedo cadastrado no sensor para confirmar a biometria.

Ativando desbloqueio por impressão digital do WhatsApp no Android — Foto: Reprodução/Helito Beggiora

Usar a verificação biométrica no WhatsApp Web

A autenticação biométrica também está disponível na versão Web do WhatsApp e requer a confirmação no celular toda vez que ler o QR Code para iniciar uma sessão nova no WhatsApp Web. O recurso é automaticamente ativado para usuários que têm a verificação digital ou facial habilitada no smartphone.

Após configurar a biometria do sistema nas configurações do celular, quando você se conectar no WhatsApp Web, será necessário desbloquear o celular com a digital após selecionar a opção “Conectar um aparelho”.

Conectando um novo aparelho e desbloqueando no celular para scanear o QR Code do WhatsApp Web — Foto: Reprodução/Clara Fabro

Apps para colocar senha no WhatsApp

Celulares Android têm a opção de baixar apps de terceiros para proteger o acesso ao WhatsApp com senhas ou padrões. Serviços como Norton App Lock, Lockdown Pro, Locx: App Lock e Bloqueio AppLock impedem que abram apps do celular, como o Gmail ou Facebook, sem o código configurado pelo usuário. A proteção extra dificulta o acesso de hackers e possíveis vazamentos de informações pessoais.

Interface de bloqueio do app Locx: App Lock no Android — Foto: Reprodução/Raquel Freire

WhatsApp: qual função ainda falta no app? Deixe sua opinião no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo