Sistemas operacionais

Por Beatriz Maxima, para o TechTudo


As novidades do Android 12 reveladas no evento virtual Google I/O são principalmente novas funções, com foco em interface, privacidade e segurança. O sistema operacional da Google tem lançamento previsto para setembro e traz alguns recursos que já estão presentes no rival iPhone (iOS).

Entre as funções semelhantes, estão a localização aproximada em apps e o aviso de acesso à área de transferência, por exemplo. A seguir, confira seis funções que chegam ao Android 12 que já existiam no iOS.

NOVO ANDROID 12 - CONHEÇA AS NOVIDADES!

NOVO ANDROID 12 - CONHEÇA AS NOVIDADES!

Android 12 trouxe novo visual ao sistema — Foto: Divulgação/Google

1. Localização aproximada em apps

O Android 12 permitirá que você forneça apenas a localização aproximada do seu smartphone aos apps. Essa é uma forma de manter a privacidade dos usuários, permitindo utilizar serviços sem compartilhar nenhum tipo de endereço pessoal sem real necessidade. Vale lembrar que o recurso não vale para aplicativos que precisam deste tipo de informação para funcionar, como os de delivery ou transporte, por exemplo.

A Apple trouxe esse recurso no lançamento do iOS 14, lançado em junho de 2020, quase um ano antes do software da Google. Ambos os mecanismos podem ser ajustados nas configurações dos celulares, mas no Android a opção para habilitar ou desabilitar a localização aproximada tem acesso mais fácil a partir de uma janela na hora de abrir o app.

Aviso de localização aproximada no Android 12 — Foto: Divulgação/Google

2. Aviso de acesso ao microfone e câmera

Quando o iOS 14 foi lançado, os usuários ficaram intrigados com bolinhas verdes ou laranjas na barra de status ao lado do ícone de bateria. A ferramenta, porém, faz parte do recurso de segurança da empresa para avisar que algum app está acessando o microfone ou câmera do celular.

O Android 12 também trará um ícone verde, em formato de câmera ou microfone, na tela para fazer esse aviso. O serviço na plataforma da Google também oferecerá um “Painel de Privacidade” para ver quais aplicativos utilizaram a câmera, o microfone ou a localização do smartphone. Além disso, será possível ver quando e por quanto tempo tiveram acesso às informações.

Android 12 traz ícones indicativos para mostrar quando apps acessam a câmera e o microfone do dispositivo — Foto: Divulgação/Google

3. Chave do carro

Agora será possível travar, destravar e dar partida em veículos usando o seu dispositivo Android. A chave digital utiliza um sensor com a tecnologia Ultra Wideband (UWB), que tem funcionamento similar à transmissão de rádio, captando a direção do sinal como pequeno radar. Dessa forma, a antena do celular identifica o carro e consegue destravá-lo sem que o usuário tire o telefone do bolso.

O iOS 14 trouxe o Car Key, sistema coordenado pelo Apple Wallet do iPhone ou Apple Watch, que destrava o veículo quando o smartphone se aproxima da maçaneta. O mecanismo dispõe do leitor NFC, outra tecnologia de radiofrequência, e pode confirmar a ação com o Face ID, Touch ID ou até mesmo sem o uso de biometria.

As chaves digitais do iOS e Android podem ser compartilhadas com outros amigos e/ou familiares que usam o mesmo software. Por enquanto, porém, os serviços só estão disponíveis para os modelos de carro BMW Série 5.

Mecanismo de chave digital para veículos disponível no Android 12 — Foto: Divulgação/Google

4. Aviso de acesso à área de transferência

Entre as novidades relacionadas à privacidade do usuário, o iOS 14 também trouxe um alerta para quando os aplicativos acessam a área de transferência dos dispositivos. O aviso envia notificações para o topo da tela assim que os aplicativos acessam a área de transferência do iPhone.

O mecanismo da Google é muito semelhante ao do iOS, mas seus avisos trazem os ícones de cada aplicativo que acessam dados da área de transferência. Para evitar que os usuários se confundam com as informações, os pop-ups trarão os símbolos ao lado das mensagens de alerta.

Android 12 terá aviso sobre o acesso à área de transferência — Foto: Divulgação/Google

5. Toque atrás do celular

O novo recurso do Android 12 permitirá que os usuários tirem print da tela do celular apenas tocando na parte de trás do smartphone. A lista de ações que podem ser acionadas com o movimento ainda é pequena se comparada com as do iOS 14, consistindo apenas em tirar screenshots, reproduzir e pausar mídias, abrir a barra de notificações e iniciar a Google Assistente.

A Apple trouxe a ferramenta como parte do atalho de acessibilidade, podendo ser habilitada com dois ou três toques. O mecanismo possui uma lista grande de recursos que podem ser ativados no lugar da captura, como o aumento do volume, bloqueio da tela, central de controles, tela de início, mute, seletor de aplicativos, Siri e Spotlight.

Evento digital Google I/O Para o lançamento do Android 12 — Foto: Divulgação/Google

6. Controle remoto

Em setembro de 2018, quase quatro anos atrás, a Apple integrou o recurso de controle remoto para a Apple TV na central de controle do software. O mecanismo também existia no aplicativo TV Remote, que foi descontinuado pela empresa em outubro de 2020.

Seguindo o mesmo caminho, o Android 12 agora trará as funcionalidades do controle remoto para a Android TV como um serviço nativo do sistema. Por isso, o usuário não precisará fazer instalação alguma. O serviço é bastante completo, incluindo função de teclado que torna mais fácil digitar senhas e pesquisar por programas diretamente no aparelho.

Aplicativo de controle remoto para TV Android disponível no Android 12 — Foto: Divulgação/Google

Com informações de CNet (1 e 2), 9To5Google, The Verge, Wired e MakeUseOf

Quer comprar celular, TV e outros produtos com desconto? Conheça o Compare TechTudo

Mais do TechTudo