Por Raquel Freire, para o TechTudo


A Shure é uma das referências mundiais no segmento de áudio, principalmente microfones, com catálogo bastante versátil. Alguns modelos são voltados para shows, a exemplo do SM58, que sai por cerca de R$ 1.190, enquanto outros são indicados para estúdios de TV, situação do Shure SM7B que custa a partir de R$ 3.473. Já o Shure MV7 pode ser uma boa opção para gravar podcasts em casa com preço próximo de R$ 1.944.

Entre modelos com ou sem fio, a qualidade do áudio é o fator de destaque para quem quer investir em equipamentos profissionais, seja para palestras, shows ou gravações para o YouTube. Abaixo, o TechTudo apresenta as características de oito microfones da fabricante, voltados para diferentes perfis.

Conheça oito modelos de Microfone Shure para comprar no Brasil em 2021 — Foto: Divulgação/Shure

1. Shure PGA48 - a partir de R$ 314

O Shure PGA48 é um microfone dinâmico, que promete ser bastante resistente à pressão sonora, e indicado para vozes, seja falada ou cantada. Ele possui padrão polar cardioide — ou seja, o aparelho capta o que está na frente da cápsula e descarta o som que vem da parte de trás. O design é bastante tradicional, com globo redondo prata e corpo em metal preto, onde está localizada a chave liga/desliga.

O dispositivo é fabricado em três versões: o PGA48-LC, que não oferece cabo; o PGA48-QTR, que acompanha cabo XLR para QTR; e o PGA48-XLR, que vem com o cabo XLR para XLR. O primeiro é o mais barato e pode ser comprado por R$ 314. Todas as variantes vêm com presilha para microfone, bolsa de couro com zíper e manual do usuário. A garantia da fabricante é de dois anos.

Shure PGA48 é fabricado em três versões — Foto: Divulgação/Shure

2. Shure CVG12 - a partir de R$ 899

O Shure CVG12 é um microfone condensador, que possui diafragma fino e tende a proporcionar um som mais fiel. Ele é indicado para palestras, congressos e discursos de maneira geral. O padrão polar é o cardioide, com resposta ajustada para a fala. O design é pescoço de ganso, também chamado gooseneck, com a haste do microfone articulada em duas partes, permitindo colocá-lo em diferentes posições. O preço no varejo nacional é de aproximadamente R$ 899.

O modelo CVG12 possui cerca de 52 cm de altura (sendo 30 cm para o "pescoço"), vem com flange de montagem e windscreen, espuma que serve como filtro contra interferências sonoras causadas pelo deslocamento de ar. Além disso, ele conta com tecnologia CommShield, que protege contra interferências RF, emitidas por smartphones e outros dispositivos sem fio. A versão vendida no Brasil é a padrão CVG12B/C, que não possui interruptor mudo nem indicador de anel luminoso.

Shure CVG12B/C tende a proporcionar som fiel — Foto: Divulgação/Shure

3. Shure SM58 - a partir de R$ 1.190

O SM58 é descrito pela Shure como um "microfone para voz principal e backing vocal, perfeito para gravações em estúdio e shows ao vivo". Um dos mais usados no mundo da música, o Shure SM58 é um microfone dinâmico com padrão polar cardioide uniforme, conhecido por isolar o ruído de fundo e do manuseio. Outro destaque do microfone é o funcionamento em condições difíceis, como a chuva.

O aparelho pesa 298 g e traz uma cápsula esférica em malha de aço prateada com acabamento fosco. A parte de segurar é feita em metal fundido, com acabamento esmaltado cinza escuro, ostentando o conector XLR na base. As especificações técnicas incluem resposta de frequência de 50 Hz a 15 kHz, impedância nominal de 150 Ohms e impedância real de 300 Ohms. O modelo pode ser encontrado por preços a partir de R$ 1.190 para a versão SM58-LC, sem cabo. Há ainda as variantes SM58-CN, com cabo incluído; e SM58S, que traz interruptor liga/desliga.

Shure SM58 é voltado para gravações em estúdios e shows ao vivo — Foto: Divulgação/Shure

4. Shure BETA 57A - a partir de R$ 1.368

O Shure BETA 57A é um microfone de instrumento, especialmente os de alto volume. O modelo é do tipo dinâmico e tem padrão polar supercardioide, o que significa que a área de captação de sons é ainda menor do que a de um cardioide comum. O resultado é a rejeição quase completa dos sons que vêm de trás do acessório, tornando-o ideal para a gravação em estúdio. Ele é vendido por valores a partir de R$ 1.368.

Pesando 275 gramas, o BETA 57A traz um globo com design compacto achatado, além de acabamento fosco na estrutura em metal fundido esmaltado e pintado em azul e prateado. Sua ficha técnica inclui resposta de frequência de 50 Hz a 16 kHz, sensibilidade de -51 dBV/Pa (2,8 mV) e impedância de saída de 290 Ohms. O modelo acompanha bolsa de transporte, adaptador de pedestal giratório e adaptador roscado de 5/8" a 3/8".

Shure BETA 57A é um microfone dinâmico supercardioide para instrumentos — Foto: Divulgação/Shure

5. Shure MV88 - a partir de R$ 1.450

Desenvolvido para uso exclusivo no iOS, o Shure MV88 tem como proposta transformar o iPhone ou iPad em um gravador profissional. O modelo, do tipo condensador, traz um conector Lightning para encaixar nos dispositivos Apple, possibilitando fazer os ajustes por meio do app de vídeo e áudio ShurePlus MOTIV. Ele é indicado para gravar vídeos para o YouTube, entrevistas e podcasts, por exemplo. O preço inicial no varejo é de R$ 1.450.

O MV88 conta com duas cápsulas: uma cardioide, que capta os sons emitidos na ponta do acessório, e uma bidirecional, apontada para os lados. Assim, o usuário pode ajustar a largura (área de captação) do estéreo e ainda ter boa compatibilidade de mono. A cabeça gira em 90º, permitindo direcionar o microfone para vários lugares. O MV88 pesa apenas 40,5 g e pode ser transportado no bolso, embora acompanhe case para transporte, além da espuma windscreen e do cabo adaptador para fone de ouvido.

Shure MV88 é voltado para dispositivos iOS — Foto: Divulgação/Shure

6. Shure MV7 - a partir de R$ 1.944

O Shure MV7 é criado especialmente para a gravação de podcasts fora de um ambiente de estúdio. Ele possui tecnologia de isolamento de voz e conta com entrada para fone de ouvido de 3,5 mm integrada, permitindo monitorar o som e fazer ajustes diversos por meio do painel de toque intuitivo. O microfone dinâmico tem saídas XLR e USB, o que permite usá-lo tanto em interfaces de áudio profissionais quanto em computadores Windows e Mac.

O aplicativo ShurePlus MOTIV para desktop oferece configurações adicionais, como o modo de nível automático. O recurso permite que o usuário selecione o tom de voz preferido e indique a distância do microfone, deixando o software fazer os ajustes necessários em tempo real. Além do microfone, a caixa inclui dois cabos de três metros, um com conector USB-C e outro com conector USB-A. O MV7 pesa 550 g e está disponível nas cores preto e prata, sendo vendido por a partir de R$ 1.944.

Shure MV7 é voltado para a gravação de podcasts — Foto: Divulgação/Shure

7. Shure BLX24/PG58 - a partir de R$ 2.832

O BLX24/PG58 é um sistema sem fio que inclui o receptor de um canal BLX4 e o microfone PG58, modelo de mão dinâmico com padrão cardioide. O receptor deve ser conectado à fonte de alimentação, enquanto o microfone funciona com duas pilhas AA, que proporcionam autonomia de até 14 horas de uso contínuo. Os dois dispositivos podem ficar até 91 metros de distância um do outro.

Indicado para uso no palco, a dupla é ideal para shows em ambientes menores, como bares. A resposta de frequência é de 50 Hz a 15 kHz e há saídas XLR e 1/4". Além dos dois componentes, a embalagem inclui as duas pilhas AA, clipe de microfone e manual do usuário. O combo sai por R$ 2.832 e é vendido na cor preta.

Sistema sem fio com microfone de mão Shure BLX24/PG58 — Foto: Divulgação/Shure

8. Shure SM7B - a partir de R$ 3.473

O Shure SM7B é um microfone dinâmico cardioide para uso em rádio, televisão e até podcasts. Ele pode ser utilizado tanto no estúdio quanto em externas, sendo indicado para fala aproximada. Robusto, o modelo de 765 gramas promete excelente blindagem contra ruídos eletromagnéticos gerados por dispositivos diversos, como computadores e lâmpadas neon.

As especificações técnicas englobam resposta de frequência entre 50 Hz e 20 kHz, impedância de 150 Ohms e nível de ruído de 11 dB. A caixa inclui espuma corta-vento e placa para cobertura do interruptor. Para comprá-lo é preciso investir cifras próximas de R$ 3.473.

Shure SM7B é um microfone robusto que pode ser usado para gravar podcasts — Foto: Divulgação/Shure

Com informações de Shure

Fire TV Stick: Qual escolher?

Fire TV Stick: Qual escolher?

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques.

Mais do TechTudo