Battle Royale

Por Igor Dantas, para o TechTudo


Free Fire é um game mobile que também pode rodar no PC por meio de emuladores como Nox App, MSI App Player e Bluestacks, entre outros. Vale ressaltar que a Garena não dá suporte oficial para esse tipo de acesso ao Battle Royale. Ainda assim, os fãs do título abraçaram os emuladores, e há inclusive um cenário competitivo com ligas como a NFA no Brasil. Confira a seguir uma lista com alguns dos melhores emuladores para jogar Free Fire no PC.

Veja como jogar Free Fire no seu computador — Foto: Reprodução/Garena

Bluestacks

O Bluestacks é o emulador de sistema Android mais popular para se jogar Free Fire. Isso porque ele possui uma versão otimizada feita especialmente para rodar o Battle Royale da Garena. Nela, os jogadores encontram uma melhor experiência de jogo, com precisão de mira aprimorada, jogabilidade ultra-suave e controles inteligentes.

Para executar o BlueStacks em seu computador, é necessário ter, no mínimo, Windows 7, processador dual-core Intel ou AMD, 4 GB de memória RAM e 5 GB de espaço livre no disco rígido. Vale lembrar que um computador potente vai permitir ao jogador rodar Free Fire a até 90 quadros por segundo.

BlueStacks rodando Free Fire — Foto: Reprodução/BlueStacks

MEmu Play

Segundo o benchmark do site oficial, o MEmu Play se destaca por possuir o melhor desempenho entre os principais emuladores de Android do mercado, chegando a ter o dobro de performance que os concorrentes. Fora isso, ele possui todos os recursos comuns a esse tipo de aplicativo, como controles inteligentes e a possibilidade de múltiplas instâncias, ou seja, ter vários jogos rodando simultaneamente.

Os requisitos mínimos para rodar o MEmu Play são Windows XP S3 (ou superior), processador dual-core Intel ou AMD, 2 GB de memória RAM (ou 4 GB para sistemas x64), placa com suporte ao DirectX 11 e 5 GB de espaço livre no disco rígido. Assim como no caso do Bluestack, uma melhor configuração do seu computador permite que Free Fire rode a taxas mais altas.

MSI App Player

Famosa fabricante de hardware para computador, a MSI também possui seu próprio emulador, o MSI App Player. Ele foi feito em parceria com a BlueStacks e possui diversos recursos interessantes. Os principais são o Modo Console, recurso presente em muitos games de PC que permite ao jogador um controle maior sobre as configurações, além de rodar títulos a até 240 fps.

Apesar de robusto, os requisitos para rodar o MSI App Player são modestos. É preciso ter Windows 7 ou superior, processador dual-core Intel ou AMD, 4 GB de memória RAM e 4 GB de espaço livre no disco rígido.

Nox Player

O Nox Player é um dos emuladores mais populares entre os jogadores de Free Fire. Além de um visual bem bonito, ele possui todos os recursos existentes nos principais aplicativos do tipo no mercado, como controles inteligentes e a possibilidade de jogar em diversas instâncias. O emulador já está em sua sétima versão, sendo constantemente otimizado para melhorar a performance e a experiência do usuário.

O principal diferencial do Nox está nos seus requisitos mínimos: além de rodar em Windows XP SP3 (ou superior), bastam 1,5 GB de memória RAM disponíveis. O espaço necessário em HD também é o menor entre os concorrentes, com os mesmos 1,5 GB livres.

Nox Player rodando Free Fire — Foto: Reprodução/Nox Player

GameLoop

O GameLoop é bastante conhecido mundo afora, principalmente por ser o emulador oficial de PUBG Mobile. Ele é desenvolvido pela Tencent, uma das maiores empresas de jogos do mundo, e tem como grande diferencial um sistema anti-cheat próprio, o que ajuda a manter a jogatina livre de trapaças. Além disso, o aplicativo possui a AOW Engine, recurso que permite uma melhor performance em diversos jogos.

A desvantagem do GameLoop é que seus requisitos são maiores que os concorrentes. Isso porque é necessário ter, no mínimo, Windows 7 (ou superior), processador Intel Core i3 560 de 3.3 GHz ou AMD Phenom II X4 945 de 3.0 GHz, 3 GB de memória RAM, placa de vídeo GeForce GTX 460, da Nvidia, ou AMD Radeon HD 5870 e 1 GB de espaço livre no HD.

PUBG Mobile rodando no GameLoop — Foto: Reprodução/GameLoop

Cenário competitivo de emulador

Mesmo sem o suporte oficial da Garena, a cena de Free Fire para PC é bem rica, tendo inclusive campeonatos e times profissionais. A principal competição é a Liga NFA, que conta com a participação de organizações como Fluxo, paiN e LOUD, nomes fortes da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF). A NFA está atualmente em sua sexta temporada e distribuirá R$ 75 mil para os três primeiros colocados. Além do prêmio em dinheiro, as equipes também se classificarão para a Liga das Américas, torneio que reúne os principais times sul-americanos de emulador.

Mais do TechTudo