Publicidade

Por Igor Oliveira, para o TechTudo


Jogar videogames no Brasil ficou mais caro nos últimos anos, principalmente por conta da alta do dólar. Para se ter ideia, games lançados para PlayStation 5 (PS5), PlayStation 4 (PS4) e Xbox Series X/S, se considerados AAA, chegam às lojas custando cerca de R$ 350,00. Dessa forma, muitos consumidores que adquirem consoles ou PC gamer encontram dificuldades para abastecer o seu catálogo pessoal de jogos para aproveitar.

Ficar de olho em promoções é necessário para economizar, mas existem outras ações que os consumidores podem tomar. Por exemplo, no Brasil há mercados de mídias físicas usadas, mas também existem opções de serviços de assinatura que concedem games gratuitos para seus assinantes. Por isso, o TechTudo reuniu, a seguir, seis dicas para economizar na hora de comprar jogos.

Jogos muito caros? 6 dicas para comprar na promoção e economizar — Foto: Rubens Achilles/TechTudo

Crie alerta de preços

Compare TechTudo é um comparador de preços ideal para quem quer economizar com jogos — Foto: Reprodução/Raquel Freire

Na Internet existem plataformas como o site Buscapé, que compara preços de produtos, indicando qual o menor no momento. Além disso, também é possível criar alertas para quando um item desejado atingir um valor especificado. Dessa forma, é uma boa opção ativar a função para conseguir games por um preço mais em conta. Além do Buscapé, o Compare TechTudo é outra saída para comparar o custo dos jogos e encontrar o que atenda o seu bolso. Por fim, o Steam, loja de games da Valve, também possui a opção de ativar alerta de preço para jogos do catálogo que entram em promoção.

Não compre no lançamento

Elden Ring será lançado mês que vem, mas o preço estará inchado — Foto: Divulgação/From Software

O marketing das desenvolvedoras é pesado e muitas vezes é difícil resistir ao desejo de adquirir aquele game logo no lançamento. Mas a verdade é que o preço dos jogos recentes, normalmente, estão mais altos. Assim, é proveitoso driblar o hype e controlar a ansiedade na hora de comprar os lançamentos. Jogar Elden Ring ou Horizon: Forbbiden West em seu lançamento pode ser atraente para muitos, mas pode doer no bolso. Dependendo da plataforma, a queda do preço destes jogos não demora para acontecer.

Compare preços entre mídia física e digital

Xbox Series S não traz leitor de discos, aceitando somente jogos digitais — Foto: Divulgação/Microsoft

É bem legal ter a mídia física dos games e ostentar uma coleção em casa. No entanto, é necessário ficar de olho e comparar os preços das mídias físicas e digitais, uma vez que as lojas digitais costumam realizar promoções com maior frequência. Abrir mão da caixinha do jogo pode fazer com que a biblioteca pessoal de games aumente de forma significativa. Aliás, neste sentido é importante ressaltar que as versões sem leitor de discos dos consoles de última geração são mais baratas e fáceis de encontrar no mercado.

Compre jogos de mídia fisica usados

Jogos usados costumam ser mais baratos que os novos (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo

Na contramão da dica de cima, é verdade que jogos digitais são encontrados em promoção com maior frequência. Entretanto, os jogos físicos possuem a vantagem de revenda. Assim, o mercado de games usados é uma excelente opção na hora de economizar. Vale ressaltar que são várias as opções na hora de procurar jogos utilizados, como por exemplo grupos do Facebook, WhatsApp e afins. Contudo, para os mais desconfiados, plataformas como Mercado Livre e Shopee proporcionam uma segurança maior na hora de comprar jogos usados por um preço em conta.

Aproveite serviços de assinatura

A PS Plus oferece jogos gratuitos todos os meses para seus assinantes — Foto: Reprodução/PlayStation Blog

Para donos de consoles Xbox, a assinatura do Game Pass é uma excelente opção para ter diversas opções de games para aproveitar e gastar menos. Isso porque por R$ 29,99 ao mês – no plano mais simples –, os usuários têm acesso a um catálogo com mais de 100 jogos. Contudo, este não é o único serviço de assinatura que pode ajudar nesse sentido. Plataformas como PS Plus, Prime Gaming e Xbox Live Gold oferecem jogos gratuitos todos os meses para os seus assinantes, além de algumas outras vantagens.

Além destes que englobam plataformas, algumas desenvolvedoras também estão abraçando a tendência e lançando serviços de assinatura próprios. A Ubisoft lançou o Ubisoft+, enquanto a Electronic Arts disponibilizou o EA Play, por exemplo. Ambos os serviços disponibilizam boa parte do catálogo das empesas, incluindo lançamentos recentes. No caso do EA Play, alguns dos jogos estão inclusos também na assinatura do Game Pass Ultimate.

Busque promoções gratuitas

Jogos resgatados na Epic Games Store são do usuário para sempre — Foto: Reprodução/Bruno Magalhães

Além dos serviços de assinatura, existem opções totalmente gratuitas para conseguir jogos. A mais famosa é a Epic Games Store, que semanalmente oferece pelo menos um jogo gratuito para PC. Existem promoções que também concedem games temporariamente, como por exemplo o “Dias para jogar de graça” do Xbox. Esta ação da empresa fornece três jogos para serem aproveitados durante o final de semana sem nenhum gasto. O detalhe é que, normalmente, os games disponibilizados entram em promoção nos dias seguintes aos testes gratuitos. Por fim, o Steam também conta com ações esporádicas onde oferece jogos gratuitos, então é bom ficar de olho.

Com informações de Epic Games Store

Mais do TechTudo