Qual Comprar?
Publicidade

Por Fernando Sousa, para o TechTudo


Comprar uma placa de vídeo com 6 GB pode ser interessantes para quem busca rodar jogos com gráficos realistas e programas pesados no computador. A quantidade de VRAM ou memória de vídeo da GPU permite que o componente possa oferecer uma qualidade visual e resolução mais altas. Empresas como Asus, Gigabyte e Galax comercializam peças da Nvidia por preços a partir de R$ 2.929, como é o caso da GeForce GTX 1660 Ti, que apresenta um visual arrojado e oferece um sistema de arrefecimento mais robusto.

Já a GeForce GTX 1650 OC permite overclock e promete entregar bom desempenho em jogos em Full HD por valores que partem de R$ 3.394. Outra alternativa é a GeForce RTX 2060, que traz recursos como Ray Tracing e DLSS por cerca de R$ 3.649. Confira a seguir cinco placas de vídeo de 6 GB para comprar no Brasil em 2022.

Placa de vídeo 6 GB: empresas como Gigabyte, Asus e Galax oferecem modelos por preços que variam entre R$ 2.929 e R$ 3.649 — Foto: Reprodução/Unsplash

Quanto custa um PC gamer? Tire suas dúvidas no Fórum TechTudo

1. Galax GTX 1660 Ti – a partir de R$ 2.929

A GTX 1660 Ti, da Galax, é uma solução que traz um visual arrojado e oferece um sistema de arrefecimento mais robusto. A GTX 1660 Ti promete desempenho para rodar resolução Full HD em alta qualidade. Ela utiliza tecnologia GDDR6 e interface de 192-bit, sendo uma placa com índice de aprovação de 85% de seus consumidores na Amazon.

As saídas de vídeo disponíveis são DisplayPort, HDMI e DVI, o que é uma característica comum a placas do segmento. O modelo tem ainda visual mais agressivo e condizente com o segmento gamer. O produto é encontrado na Amazon por cifras que partem de R$ 2.929.

  • Prós: bom desempenho, visual, duas ventoinhas
  • Contras: consumo elevado

GeForce GTX 1660 Ti tem sistema de arrefecimento mais robusto — Foto: Divulgação/Galax

2. Asus TUF GTX 1660 Super – a partir de R$ 3.256

A TUF GTX 1660 Super é uma placa da Asus que promete oferecer performance e qualidade visual em jogos. O modelo traz um par de ventoinhas, o que tende a fazer com que a peça opere em temperaturas mais adequadas e pode inibir o thermal throttling, fenômeno quando a placa reduz as frequências para manter a temperatura estável. Esta opção é vendida na Amazon por valores a partir de R$ 3.256.

Na parte de conexões, a GTX 1660 Super não é diferente de outras soluções do mesmo segmento. Ela traz uma porta HDMI, uma DisplayPort e uma DVI, prometendo suporte para até três monitores e com visual que tende a agradar entusiastas. O componente é aprovado em 77% das avaliações.

  • Prós: clock elevado, duas ventoinhas e visual
  • Contras: preço elevado

Asus TUF GTX 1660 Super promete evitar o thermal throttling — Foto: Divulgação/Asus

A placa de vídeo da ASUS é uma opção com chip GTX 1650 em uma versão com overclock de fábrica. Isto significa que ela promete um ganho em frequências em relação aos modelos padrão, mesmo sendo uma GPU voltada para o público de entrada. Apesar de prometer frequências elevadas, o componente conta com apenas uma ventoinha, o que pode ser um problema durante uso extremo. É possível comprar a peça por cerca de R$ 3.394.

A placa traz as saídas DVI, HDMI e DisplayPort e como alimentação complementar requer apenas um conector de oito pinos. Segundo a fabricante, a placa requer ainda uma fonte de ao menos 450 W para operação, comum em PCs gamer de entrada, o que é o perfil ideal para a placa que deve entregar bom desempenho em jogos em Full HD em níveis de detalhes intermediários. Ela tem avaliação positiva de 62% dos compradores.

  • Prós: boas frequências e preço mais acessível
  • Contras: apenas uma ventoinha

Asus GeForce GTX 1650 OC permite overclock — Foto: Divulgação/Asus

4. Gigabyte GTX 1660 Super OC – a partir de R$ 3.409

A GTX 1660 Super OC, da Gigabyte, é um modelo que promete extrair o máximo do chip da GPU, já que leva o clock ao extremo para melhor desempenho. Apesar da promessa de boa performance, a placa não é das mais modernas da Nvidia. Os consumidores precisam desembolsar valores a partir de R$ 3.409 na Amazon.

A GTX 1660 Super OC traz um visual moderno e duas ventoinhas, tendo ainda três saídas DisplayPort e uma HDMI, o que pode ser ideal para quem utiliza mais de um monitor de alta resolução, como usuários profissionais e jogadores que fazem streaming de suas partidas. Mesmo sendo uma placa um pouco mais refinada, a GTX 1660 Super OC não deve entregar muito mais desempenho que outras soluções mais em conta que usam o mesmo chip. Ela tem aprovação de cerca de 79% de seus usuários.

  • Prós: visual moderno, bom desempenho, opções de saídas de vídeo
  • Contras: similar a outros modelos mais baratos

Gigabyte GTX 1660 Super OC tem duas ventoinhas — Foto: Divulgação/Gigabyte

5. Asus RTX 2060 – a partir de R$ 3.649

A RTX 2060, da Asus, é o modelo mais moderno da lista, sendo o único de arquitetura Turing, que é a mesma utilizada na linha RTX da Nvidia. A safra reúne placas modernas que contam com compatibilidade com os recursos mais avançados, como Ray-Tracing e DLSS. Ela é encontrada por preços que partem de R$ 3.649.

A placa, que entrega clock de até 1.785 MHz e tem interface de 192-bit, aparece com um índice de aprovação de 77% na Amazon, sendo ainda uma GPU com as conexões DVI, HDMI 2.0 e DisplayPort. Estas características trazem mais versatilidade ao modelo, que promete ser uma escolha mais equilibrada atualmente.

  • Prós: tecnologia mais recente, bom desempenho e mais opções de conectividade
  • Contras: custo alto

Asus RTX 2060 entrega clock de até 1.785 MHz e tem interface de 192-bit — Foto: Divulgação/Asus

Veja também: como montar um PC gamer com pouco dinheiro

5 dicas para comprar um PC gamer bom e "barato"

5 dicas para comprar um PC gamer bom e "barato"

Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques. Os valores indicados no texto são referentes ao mês de março de 2022.

Mais do TechTudo