Redes sociais

Por Mayanne Bader, para o TechTudo


O MSN Messenger, um dos mensageiros favoritos dos anos 2000, ainda hoje é lembrado por algumas de suas funções exclusivas, cuja falta é muito sentida no WhatsApp. Criado em 1999, o programa para PC permitia "ficar invisível", jogar com amigos nos chats e até “chamar a atenção” dos contatos de diferentes formas. O software, contudo, foi descontinuado pela Microsoft em 2012, e, antes disso, o app de mensagens da Meta já havia conquistado o público - de forma que as comparações foram inevitáveis. Veja, a seguir, seis funções do MSN que fazem falta no WhatsApp.

WhatsApp x MSN — Foto: Arte/TechTudo

Qual função do MSN vocês gostariam que o WhatsApp liberasse? Participe da discussão no Fórum do TechTudo.

Seis funções do MSN Messenger que fazem falta no WhatsApp

1. Fontes diferentes para usar nas mensagens

Mensagens com fontes personalizadas ou até mesmo manuscritas podiam ser enviadas em uma conversa no mensageiro. O MSN Messenger permitia que o usuário escolhesse o tipo de letra, o tamanho, a cor e até mesmo incluir efeitos de “riscado” e “sublinhado” nos textos. Na janela de uma conversa, ainda aparecia a opção de tocar em uma pena sobre um papel e enviar uma mensagem escrita à mão. Além disso, também era possível instalar plugins que ofereciam a opção de personalizar o “nick” - o nome de usuário exibido para os contatos - com fontes diferentes.

O usuário podia mudar o tamanho e a cor da fonte — Foto: Reprodução/The Daily Touch

2. Botão de "chamar a atenção" do usuário

Uma das funções mais curiosas e mencionadas por antigos usuários do MSN Messenger é o botão de “chamar a atenção”. O recurso, que podia ser usado várias vezes seguidas, emitia um alerta no chat que fazia a tela tremer e emitir um som alto. O intuito era fazer a pessoa do outro lado responder à conversa, coisa que não é possível com o WhatsApp. Se a função estivesse presente no mensageiro da Meta, ninguém mais poderia dar a desculpa de que "não viu a mensagem"...

O botão de "chamar a atenção" do MSN fazia a janela do outro usuário tremer — Foto: Divulgação/MSN

3. Jogos para brincar em dupla ou em grupo

O MSN também contava com uma função que permitia jogar e conversar ao mesmo tempo, sendo uma boa maneira para se distrair. Várias opções estavam disponíveis para jogar em dupla ou em grupo, como Campo Minado, Paciência, Xadrez, Damas e Jogo de Velha. Para que a partida começasse, era necessário que todas as partes aceitassem a um convite. Então, a tela do mensageiro era dividida em duas: de um lado, a conversa; do outro, o game.

No MSN, tinha a opção de jogar em dupla ou em grupos enquanto conversava com os amigos — Foto: Reprodução/MSN

4. Usar "Winks" para reagir à mensagens

Imagine uma figurinha enorme sendo exibida na tela do computador sem aviso prévio. Assim eram os "Winks" do MSN Messenger, figurinhas animadas que se assemelham aos GIFs utilizados atualmente no WhatsApp. O recurso tinha o objetivo de divertir os usuários, com temas e sons diversos, como beijo, risadas, dança, peidos até mesmo uma mão que simulava uma batida na porta.

Figurinhas animadas e com som do MSN apareciam em boa parte da tela — Foto: Reprodução/MSN

5. Definir status de atividade

No MSN Messenger, era possível escolher o status de atividade do mensageiro entre "disponível", "ausente", "ocupado" ou "invisível". O WhatsApp até possui uma função similar, que informa quando alguém está online pela barra abaixo do nome do contato, mas não deixa habilitar outros modos de atividade.

Vale ressaltar que o recurso de ficar invisível do MSN, muito requisitado por usuários de WhatsApp atualmente, permitia conversar sem precisar ficar disponível para todos os outros contatos. Hoje em dia, no mensageiro disponível para Android e iPhone (iOS), só é possível desabilitar a função de "Visto por último".

Era possível ficar invisível no MSN e, ainda assim, conversar com os amigos — Foto: TechTudo

6. Entrar e sair do programa para a plaquinha de notificação subir

Outra ferramenta do MSN Messenger para chamar a atenção de alguém era utilizar a plaquinha de notificação. A cada vez que um usuário ficava online, uma placa era exibida, no canto inferior direito da tela, para todos os contatos da lista. Por isso, era comum tentar chamar a atenção de alguém ao sair e entrar no programa várias vezes, de modo que o alerta aparecia para os contatos.

Estratégia de sair e entrar várias vezes era usada para chamar atenção com plaquinha de notificação — Foto: Divulgação/MSN

Veja também: 5 Aplicativos gratuitos que você precisa ter no celular!

5 Aplicativos gratuitos que você precisa ter no celular!

5 Aplicativos gratuitos que você precisa ter no celular!

Mais do TechTudo