Produtividade
Publicidade

Por Clara Fabro, para o TechTudo


Liberar a memória do celular pode ser uma boa solução para deixá-lo mais rápido, já que pouco espaço de armazenamento livre no smartphone pode ser o motivo de travamentos e lentidão. Aplicativos não muito utilizados pelo usuário, por exemplo, podem acumular cache desnecessariamente e inflar a memória do telefone, de modo a fazer com que ele fique pouco responsivo e cause transtornos. Para evitar que isso aconteça, o TechTudo reuniu cinco dicas de como liberar espaço no celular Android e iPhone (iOS). Confira a seguir.

Celular lento e travando? Veja dicas de como liberar memória para deixá-lo mais rápido — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Por que meu WiFi está lento no celular? Descubra no Fórum do TechTudo.

Como saber quais apps estão ocupando mais espaço no celular?

É possível descobrir quais são os apps que estão ocupando mais espaço no Android e no iPhone (iOS) acessando as configurações dos dispositivos. Nos ajustes do Android, toque sobre "Armazenamento" e, depois, em "Gerenciar armazenamento". O aplicativo do Google Files será aberto e, por lá, será possível conferir quais categorias ocupam mais espaço. Ao pressionar em "Apps", você poderá conferir quais são os mais pesados e, então, excluir os que quiser.

Além disso, o Google Files também envia algumas sugestões para poder liberar memória do smartphone, como excluir lixo eletrônico, capturas de tela antigas e aplicações pouco utilizadas pelo usuário.

Checando apps pesados pelo Files do Google no Android — Foto: Reprodução/Clara Fabro

Já no iPhone (iOS), é necessário abrir os "Ajustes" e ir até "Geral". Depois, pressione em "Armazenamento do iPhone". Lá, o usuário consegue checar quais são os apps que ocupam mais memória no dispositivo, além de também poder ativar as recomendações sugeridas pela Apple para liberar espaço.

Verificando o armazenamento do iPhone (iOS) — Foto: Reprodução/Clara Fabro

Faça Backup e limpe a galeria de fotos

Fotos e vídeos salvos na galeria do celular podem ocupar uma grande quantidade de memória de maneira desnecessária, já que é possível salvar essas mídias em plataformas de armazenamento em nuvem - como com o Google Fotos. O aplicativo é capaz de sincronizar as fotos salvas no celular com a nuvem, de forma a permitir a exclusão das mídias para liberar memória, e sem correr o risco de perdê-las para sempre.

Além do Android, o Google Fotos também é uma solução válida para usuários do sistema da Apple, já que, ao utilizá-lo para fazer o backup de fotos e vídeos, é possível deixar mais espaço de armazenamento livre no iCloud - que pode ser preenchido com outros documentos.

Fazendo backup e sincronizando mídias pelo Google Fotos — Foto: Reprodução/Clara Fabro

Para sincronizar as fotos da galeria com o Google Fotos, abra o app e toque sobre sua foto, no canto superior direito da tela. Em seguida, pressione em "Configurações de Google Fotos", "Backup e sincronização" e habilite a chave como indicado na imagem. Depois que a sincronização estivar ativada e as fotos forem salvas na nuvem, é possível excluir as fotos da galeria para liberar espaço no celular.

Além disso, documentos muito pesados também podem ser transferidos para a nuvem e apagados no celular para liberar memória. Nesse caso, apps como o Google Drive e iCloud podem ajudar.

Google Drive permite fazer upload de fotos da galeria — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Delete aplicativos que você não usa muito

Aplicativos pouco utilizados também podem consumir a memória do dispositivo desnecessariamente. Por isso, de vez em quando, é recomendado apagar apps que não usar mais para liberar espaço. Para remover aplicativos no iPhone (iOS), toque e pressione sobre o ícone do app e aperte em "Remover". Em seguida, conclua ao selecionar a opção "Apagar app".

Removendo apps do iPhone (iOS) — Foto: Reprodução/Clara Fabro

No Android, é possível excluir apps do dispositivo de maneira similar: toque e pressione o ícone do aplicativo e, em seguida, selecione "Informações do app". Na sequência, aperte em "Desinstalar" e confirme a ação em "Ok".

Desinstalando apps no Android — Foto: Reprodução/Clara Fabro

Delete mensagens antigas

Mensagens recebidas por SMS e apps de mensagens, como o WhatsApp, também podem comprometer parte da memória do celular. Por isso, pode ser interessante excluir os recados antigos com uma certa frequência. O iPhone (iOS) traz uma função que pode ajudar nesse sentido: é possível excluir automaticamente as mensagens antigas recebidas no celular.

Para ativar o recurso, vá até os ajustes e toque sobre "Mensagens". Em seguida, abaixo de "Histórico de mensagens", aperte sobre "Manter mensagens" e selecione um período de tempo para que os recados sejam excluídos de forma automática. As opções são de 30 dias, um ano ou para sempre.

Apagando mensagens antigas de forma automática no iPhone (iOS) — Foto: Reprodução/Clara Fabro

Já em mensageiros, recursos como as mensagens temporárias e mídias de visualização única podem ajudar a manter o celular com mais memória livre.

Delete mídias baixadas em apps

Assim como as mensagens podem comprometer a memória do dispositivo, as mídias recebidas via também podem ocupar boa parte do espaço de armazenamento do celular. Fotos e vídeos recebidos no WhatsApp, por exemplo, costumam ser salvos na galeria do celular de forma automática - o que pode congestionar a memória do smartphone.

No entanto, o mensageiro conta com um recurso de gerenciamento de memória que pode ser útil para apagar conteúdos que foram compartilhados na plataforma e que não são importantes. O procedimento é similar tanto no iPhone (iOS) quanto no Android e, para usá-lo, é preciso abrir o WhatsApp e acessar as configurações.

Em seguida, toque em "Armazenamento e dados" e, depois, em "Gerenciar armazenamento". Por lá, você pode conferir a quantidade de memória ocupada pelas mídias do mensageiro, além de poder organizá-la das mais pesadas para as mais leves, e excluí-las para liberar espaço.

O recurso para gerenciar armazenamento no WhatsApp permite excluir itens pesados do celular — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Limpe o cache do navegador no celular

A memória cache do navegador também pode ocupar grandes quantidades de memória do celular, o que pode deixar o dispositivo mais lento para abrir páginas, apps e carregar sites. Para limpar os dados de navegação e deixar o iPhone (iOS) mais rápido, abra os "Ajustes" e procure pelo Safari. Em seguida, aperte em "Limpar Histórico e Dados dos Sites" e conclua em "Limpar tudo".

Ação para limpar dados de navegação no Safari do iPhone — Foto: Reprodução/Marvin Costa

Se usar o Google Chrome ou outro navegador no iPhone (iOS) sem ser o Safari, o procedimento para limpar a memória cache é um pouco diferente. Primeiro, será necessário abrir o app do navegador em questão. Depois, toque sobre o ícone de reticências, no canto inferior direito, para acessar as configurações. Em seguida, aperte em "Privacidade" e em "Remover dados de navegação". Conclua o procedimento em "Limpar dados de navegação".

Ação para acessar a ferramenta para limpar o histórico do Google Chrome no iPhone — Foto: Reprodução/Marvin Costa

No Android, para limpar os dados de navegação, abra o app do Google Chrome e toque sobre o ícone de reticências no canto superior direito da tela. Em seguida, pressione sobre "Histórico" e, depois, aperte em "Limpar dados de navegação...". Selecione o período de tempo desejado, e marque as caixas ao lado de "Histórico de navegação", "Cookies e dados do site" e "Imagens e arquivos armazenados em cache". Em seguida, toque em "Limpar tudo".

Limpar cache: Chrome permite fazer limpeza de forma fácil no celular Android — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Com informações de ReviewGeek e The Verge

Veja também: 7 funções que seu celular tem e você não conhece!

7 funções que seu celular tem e você não conhece!

7 funções que seu celular tem e você não conhece!

Mais do TechTudo