Bancos digitais
Publicidade

Por Julio César Gonsalves, Para o TechTudo


Cancelar Pix após confirmação é um procedimento indisponível, devido à forma imediata como as transferências são realizadas. Porém, ao fazer Pix para a pessoa errada ou ser vítima de um golpe, algumas medidas podem ser tomadas para tentar reaver o dinheiro. No Nubank, uma função do app para celulares Android e iPhone (iOS) pode ser usada pela pessoa que recebeu o valor por engano para fazer a devolução. Já no caso de fraudes, outros mecanismos devem ser usados. A seguir, veja o que fazer ao enviar Pix errado.

Fazer Pix errado pode ter solução de duas formas; veja o que fazer para cancelar transferencia Pix — Foto: Divulgação/Nubank

Como depositar dinheiro físico no Nubank? Confira no Fórum do TechTudo.

É possível cancelar Pix no Nubank?

Geralmente, uma transferência Pix leva poucos segundos — por esse motivo, não há mecanismos para cancelar o procedimento após confirmação do processamento. De acordo com o Banco Central do Brasil, este tipo de transação só pode ser interrompida antes que o usuário faça a confirmação do pagamento. Então, ao fazer um Pix no Nubank e perceber algum problema na hora do preenchimento das informações, por exemplo, aproveite o momento para cancelar a ação.

Como funciona o Mecanismo Especial de devolução do Pix?

Em 2021 foi criado o Mecanismo Especial de Devolução Pix, que visa facilitar o estorno de valores no caso de fraudes ou falhas operacionais. No caso de alguém que foi vítima de golpe, o banco do qual partiu a transação tem até 90 dias para solicitar o dinheiro de volta para a instituição de destino. Ao receber a solicitação, o banco de destino fará uma análise. No caso do Nubank, esse processo pode levar até sete dias — e, durante o prazo, o valor em questão fica bloqueado.

No caso de confirmação da fraude, a instituição notificará o titular da conta que recebeu a transferência e, depois, devolverá o dinheiro. Mas, caso esteja tudo certo, o dinheiro será desbloqueado na conta de destino.

Já quando o problema ocorre por erro do banco, como em casos de transferências duplicadas, o procedimento é parecido: a instituição que fez o envio solicita a devolução para o banco que recebeu o dinheiro, mas, neste caso, ele tem 24 horas para analisar a situação. Porém, em ambas as situações, a devolução total estará sujeita ao valor disponível na conta de destino. Ou seja, se quando o problema for identificado não houver mais saldo suficiente na conta que recebeu a transferência, a devolução será apenas parcial.

Nova função disponível na Nubank e em outros bancos facilita a recuperação de valores enviados por Pix durante fraudes — Foto: Divulgação

O que posso fazer caso envie um Pix errado?

Se apenas enviou o dinheiro para uma pessoa errada ou colocou um valor a mais, existe uma medida que pode ser tomada. Nestes casos, a solução é conversar com a pessoa que recebeu a transferência e negociar a devolução. A Nubank possui no aplicativo uma função que permite ao usuário restituir valores recebidos por engano rapidamente.

Para isso, basta abrir o app, tocar na conta e procurar no histórico a transferência em questão. Então, é só apertar sobre ela e ir ao botão “Precisa fazer reembolso?”. Na sequência, informe o valor a ser devolvido e confirme.

Sempre confira os dados de sua transferência por Pix — Foto: Marcela Franco/TechTudo

Se por acaso não tiver o contato do destinatário para o qual enviou o dinheiro, a única opção é esperar que a pessoa tenha o bom senso de devolvê-lo por conta própria através do mecanismo citado acima. De toda forma, o Banco Central recomenda que, para se proteger deste tipo de problema, os usuários sempre confiram atentamente os dados da pessoa que vai receber o dinheiro antes de finalizar a transação.

Com informações de Nubank (1 e 2)

Veja também: Nubank, Inter, Neon e mais: saiba tudo sobre bancos digitais

Nubank, Inter, Neon e mais: saiba tudo sobre bancos digitais

Nubank, Inter, Neon e mais: saiba tudo sobre bancos digitais

Mais do TechTudo