Produtividade
Publicidade

Por Raisa Monteiro Capela, Para o TechTudo


Fazer a bateria de celulares Android e iPhone (iOS) durar mais é possível de algumas maneiras. Mesmo que as fabricantes tentem aumentar a durabilidade das cargas, as diversas funcionalidades fazem com que o tempo de utilização dos aparelhos seja maior, o que compromete a energia mesmo assim. Porém, alguns truques de configuração e recursos nativos podem ajudar as reservas a durarem mais tempo, sem precisar recorrer a carregadores portáteis ou fazer pausas prolongadas. Veja, a seguir, 7 truques úteis para economizar a bateria do celular.

Conheça alguns truques para otimizar a duração da bateria de celulares Android e iPhone (iOS). — Foto: Reprodução/Witty

📝 Usar smartphone carregando pode viciar a bateria? Comente na discussão do Fórum do TechTudo.

1. Diminua o brilho da tela

Reduzir o brilho da tela é uma forma de prolongar a vida útil da bateria, especialmente se o celular possuir uma tela maior. Assim, usar o brilho em 75% pode ser o ideal, já que a porcentagem é suficiente para ter boa navegabilidade. Nesse sentido, opte por usar os 100% de brilho somente em lugares com excesso de claridade ou em horários de pico solar, por exemplo.

Para ajustar o brilho da tela de celulares Android, deslize o dedo de cima para baixo para abrir a barra de navegação. Então, diminua a intensidade do brilho ao arrastar para o lado direito. Já no iPhone, abra "Ajustes" > vá em "Tela e Brilho" > e arraste o controle para diminuir.

Reduzir o brilho do celular é um método para poupar a bateria — Foto: Reprodução/Raisa Capela

2. Use o modo de economia de energia

Ao ativar o recurso “Economia de energia”, os celulares automaticamente fazem alterações em certas ferramentas, como a diminuição da resolução da tela e o nível de brilho; suspensão da atualização de aplicativos; limitação da velocidade do processador e a desativação de recursos secundários. Assim, os usuários podem conseguir que a bateria dure mais tempo, de forma significativa.

Para ativar no Android, basta deslizar o dedo para baixo e abrir a barra de notificação. Em seguida, toque em “Economia de bateria”. No iPhone, acesse "Ajustes" > "Bateria" > e selecione o “Modo de pouca energia”.

Economia de bateria restringe atividade de apps do sistema e limpa o cache quando o dispositivo é bloqueado — Foto: Reprodução/Raisa Capela

3. Desligue o Bluetooth

Recursos de conectividade, como o Bluetooth, são alguns dos principais responsáveis pelo consumo de energia do celular. Por isso, nos momentos em que a ferramenta não estiver em utilização, lembre-se de desativá-la.

Para isso, em smartphones Android, basta arrastar o dedo para baixo e abrir a barra de navegação. Então, toque no ícone do Bluetooth e desabilite a função. Já no iPhone, acesse “Ajustes” > toque em “Bluetooth” > e desative.

Deixar o Bluetooh ativado desnecessariamente consome energia do celular — Foto: Reprodução/Raisa Capela

4. Verifique acessos desnecessários à sua localização (e desligue)

Muitos aplicativos coletam dados de Localização em segundo plano, e tal prática pode acabar por reduzir o tempo útil de vida da bateria. Nesse sentido, pode ser útil alterar as configurações de rastreio, já que, dessa forma, os softwares só irão checar a localização quando for, de fato, necessário.

Para isso, no Android, abra a barra de notificações > toque no ícone “Localização” e desative-o. No iPhone, vá em “Ajustes” > selecione a opção “Privacidade” > toque em “Serviços de localização” > e escolha a opção “Nunca” para desativar a localização de todos os apps. Caso queira, também é possível fazer uma seleção individual dos apps.

Desativar a localização, além de economizar bateria, aumenta a privacidade do usuário — Foto: Reprodução/Raisa Capela

5. Habilite o modo noturno

Ativar o modo noturno faz com que todas as interfaces de aplicativos sejam escurecidas, o que pode trazer cerca de 60% de reserva de energia. Isso pode trazer uma economia especialmente significativa para celulares com tela OLED, uma vez que não utilizam iluminação traseira.

Para habilitar o modo noturno nos celulares Android, basta abrir a barra de navegação e tocar no ícone “Modo escuro”. No iPhone, acesse “Ajustes” > toque em “Tela e Brilho” > vá em "Aparência" e ative o modo escuro.

Modo Noturno deixa a interface de todos os apps escuro — Foto: Reprodução/Raisa Capela

6. Feche apps que estejam funcionando em segundo plano

Além de sobrecarregarem a memória RAM do smartphone, aplicativos abertos em segundo plano costumam consumir muita bateria e dados móveis. Por isso, a fim de economizar a reserva de energia do celular, lembre-se de fechar os softwares de vez quando terminar de utilizá-los.

Para fazer isso, no Android, toque no ícone do quadrado, localizado no canto inferior direito na interface principal do telefone. Então, todos os apps abertos no momento serão exibidos. Para fechar cada um deles, deslize-os para o lado. Já no iPhone, arraste a tela para cima ou aperte o botão de Home. Feito isso, arraste os apps para cima.

Fechar apps em segundo plano, além de economizar bateria também poupa dados móveis — Foto: Reprodução/Raisa Capela

7. No pior dos casos, use o modo avião

Em situações emergenciais, colocar o celular no modo avião para economizar bateria pode ser ideal, uma vez que o recurso desativa todas as conexões do celular (Bluetooth, Wi-Fi, dados móveis e até sinal de área). Dessa forma, como apps e serviços ficam inoperantes, a bateria é poupada ao máximo.

Para ativar o modo avião no Android, basta abrir a barra de navegação > tocar no ícone do avião. No iPhone, acesse “Ajustes” > e pressione no ícone do avião para ativá-lo.

O recurso "Modo avião" economiza bateria mais bloqueia toda a conectividade do aparelho — Foto: Reprodução/Raisa Capela

Com informações de Support Apple

Veja também: Como usar o app MAX Battery para economizar bateria do celular Android

Como usar o app MAX Battery para economizar bateria do celular Android

Como usar o app MAX Battery para economizar bateria do celular Android

Mais do TechTudo