Amazon Prime Day
Publicidade

Por Gabrielle Garcia, para o TechTudo


O Amazon Prime Day 2022, marcado para os dias 12 e 13 de julho, pode ser uma isca usada por criminosos para fisgar consumidores em busca de ofertas e promoções. Isso porque o evento, exclusivo para assinantes do Amazon Prime, movimenta o e-commerce e gera um alto volume de vendas. Assim, golpistas aproveitam a data para criar sites e anúncios falsos, com visual bem semelhante aos da Amazon, e roubar informações pessoais ou bancárias dos compradores. Por isso, antes de efetuar qualquer compra, vale tomar alguns cuidados para não ser vítima de fraudes ou promoções enganosas. A seguir, o TechTudo reúne cinco dicas importantes para você aproveitar as 48 horas de ofertas do Amazon Prime Day com segurança.

Amazon Prime Day: 6 dicas para aproveitar as promoções na data

Amazon Prime Day: 6 dicas para aproveitar as promoções na data

1. Certifique-se de que você está comprando no site da Amazon

Os criminosos podem criar páginas falsas imitando o layout da Amazon para enganar os consumidores e roubar dados pessoais ou bancários. Trata-se de uma tática comum, aplicada em datas promocionais famosas, como a Black Friday, e também usando o nome de diversos outros varejistas. Por isso, o primeiro cuidado que você precisa ter é checar a URL do site, principalmente quando for redirecionado a ele por meio de posts nas redes sociais, mensagens de e-mail ou aplicativos de mensagens.

Sites seguros possuem certificado HTTPS — Foto: Reprodução/Gabrielle Garcia

Para confirmar que você está realmente no site oficial da Amazon, observe se a URL está escrita de forma correta (amazon.com.br e não amazom.net, por exemplo). Sites falsos geralmente contém erros ortográficos na URL e domínios com finais pouco comuns, como .net, ou .info. Confira ainda se a página é protegida com certificado HTTPS, sinalizado pelo símbolo de cadeado na barra de endereços.

2. Não compre em redes Wi-Fi públicas

Comuns em espaços públicos, as redes sem fio gratuitas fornecem praticidade e comodidade a quem precisa de acesso rápido à Internet, mas não devem ser usadas para fazer compras online. Isso porque esse tipo de conexão é mais suscetível ao ataque de hackers, que podem ter acesso aos dados de todos que estão conectados àquela Wi-Fi. Por isso, apenas insira informações bancárias e faça pagamentos online quando estiver com acesso a uma rede privada e de confiança ou conectado no 4G do seu próprio celular.

Redes Wi-Fi gratuitas não são seguras para realizar compras pela Internet — Foto: Pond5

3. Tenha atenção com promoções via e-mail

Como mencionado anteriormente, datas promocionais são aproveitadas pelos criminosos para aplicar golpes. Entre as estratégias usadas para enganar os consumidores estão os ataques de phishing, em que a vítima é conduzida para sites falsos por meio de links recebidos via e-mail. As páginas comumente contêm formulários que pedem informações pessoais para resgatar ofertas ou anunciam promoções supostamente imperdíveis em nome da loja. Nesse último caso, o site geralmente tem scripts capazes de capturar os dados de cartão de crédito da vítima.

Aqui, a dica é trabalhar com o máximo de atenção e avaliar atentamente as promoções. Em todas as comunicações recebidas sobre o Prime Day, sempre confira se o remetente é mesmo a Amazon. Para isso, tenha atenção especial à grafia do endereço e à sua terminação, que deve ser "@amazon.com.br".

4. Desconfie de ofertas boas demais para serem verdade

O Prime Day é um evento de descontos muito vantajoso, ainda mais para quem procura por produtos da categoria de eletrônicos, que contam com grandes descontos. Sabendo disso, criminosos criam lojas falsas e anunciam ofertas por preços muito baixos para atrair vítimas. Logo, desconfie de promoções absurdas: em muitos casos, os golpistas apenas roubam dados bancários e os utilizam para fazer outras compras. A mercadoria desejada, porém, nunca é entregue.

Produtos com preços promocionais são divulgados na página "Ofertas e Promoções" do site da Amazon — Foto: Reprodução/Amazon

5. Compre com cartão de crédito

O cartão de crédito é a forma de pagamento mais segura para realizar compras pela Internet. Isso porque, em caso de qualquer problema, é possível recorrer à operadora para cancelar a compra e reaver o dinheiro.

Comprar com cartão de crédito pela Internet permite mais segurança para os consumidores — Foto: Reprodução/Getty Images

Se, ainda assim, você não se sente seguro ao comprar com o cartão, saiba que há uma opção ainda melhor: utilizar um cartão virtual temporário. Como sua numeração de identificação e do código de segurança são temporárias, este cartão pode ser usado apenas uma vez, o que ajuda a proteger o consumidor e evitar golpes online. O serviço pode ser solicitado por meio do aplicativo de sua instituição bancária, desde que ela ofereça a tecnologia.

Com informações de: First Option Bank

*Nota de transparência: Amazon e TechTudo mantêm uma parceria comercial. Ao clicar no link da loja, o TechTudo pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação. Os preços mencionados podem sofrer variação e a disponibilidade dos produtos está sujeita aos estoques. Os valores indicados no texto são referentes ao mês de julho de 2022.

Mais do TechTudo