Produtividade
Publicidade

Por Kátia de Jesus Zamboni Moura, para o TechTudo


Planilhas do Microsoft Excel podem ser boas aliadas na organização do negócio e dia a dia de microempreendedores individuais (MEI). Utilizando o editor da Microsoft, donos de pequenas empresas podem monitorar o fluxo de caixa, confeccionar relatórios de venda, gerenciar contatos de clientes, planejar a publicação de conteúdos nas redes sociais e mais. Não é preciso ter conhecimentos avançados no software para editar as planilhas, já que o próprio site da Microsoft disponibiliza diversos modelos prontos para baixar e personalizar como quiser. Pensando nisso, o TechTudo listou seis planilhas do Excel que vão facilitar a vida de quem é MEI.

Lista reúne seis planilhas prontas que podem facilitar a vida de microempreendedores individuais — Foto: Divulgação/Dell

1. Fluxo de caixa

A planilha de extrato de fluxo de caixa (https://templates.office.com/pt-br/Extrato-de-fluxo-de-caixa-TM03107637) permite controlar todo o dinheiro que entra e sai do seu negócio. Ela contempla despesas fixas, como folha de pagamento, aluguel e impostos, e também variáveis, mostrando a situação do caixa — vermelho ou verde — ao fim de cada mês. Ao observar a planilha, o microempreendedor pode entender melhor o momento do negócio e se planejar para reduzir custos ou ampliar investimentos, a depender da situação.

Planilha de fluxo de caixa contempla todas as entradas e saídas do mês — Foto: Reprodução/Kátia Moura

2. Relatório de vendas

Esta planilha (https://templates.office.com/PT-BR/relat%C3%B3rio-b%C3%A1sico-de-vendas-TM03427314) é ideal para controlar o volume de vendas e acompanhar o atingimento de metas. O documento combina funções de fluxo de caixa com estoque, e permite discriminar a data da venda, o produto vendido, o valor da mercadoria e o comprador. Nas duas últimas colunas, é possível monitorar os produtos mais vendidos ao longo do ano e quais são os clientes que mais compram.

Relatório de vendas ajuda MEI a saber quais os produtos mais vendidos e se atingiu as metas do mês — Foto: Reprodução/Kátia Moura

A planilha é ainda um bom guia para elaborar o Relatório Mensal de Receitas Brutas, uma das obrigações previstas em lei para os microempreendedores individuais, o que, por sua vez, facilita o envio da Declaração Anual de Faturamento (DASN).

3. Orçamento mensal

A planilha de orçamento mensal de negócios (https://templates.office.com/pt-BR/Or%C3%A7amento-mensal-de-neg%C3%B3cios-TM23032109) oferece um resumo das principais receitas e despesas da empresa, como as despesas com pessoal e as de ordem operacional. O documento mostra também o percentual que cada despesa representa no faturamento da empresa. Do lado direito da planilha, há um gráfico que fornece ao MEI uma visão geral do orçamento do negócio, o que ser útil para guiar tomadas de decisões.

Com a planilha de orçamento mensal, é possível verificar as principais despesas do negócio — Foto: Reprodução/Kátia Moura

4. Planejamento de redes sociais

Ideal para MEIs que estão começando a investir em estratégias de marketing digital, o calendário de conteúdo de mídias sociais (https://templates.office.com/pt-BR/Calend%C3%A1rio-de-conte%C3%BAdo-de-m%C3%ADdia-social-TM34312278) permite controlar a publicação de conteúdos em diversos canais. Dividindo os meses em abas, a planilha tem células para discriminar a data e hora da postagem, o canal (Twitter, Facebook, Instagram, Pinterest e LinkedIn), o conteúdo do texto, o link e informações sobre o visual do post.

A planilha de controle de redes sociais organiza as postagens diárias em cada uma delas. — Foto: — Reprodução/Kátia Moura

Com a produção de conteúdo organizada, fica mais fácil estabelecer constância nas publicações e, consequentemente, engajar o público-alvo. Quanto mais as pessoas estiverem envolvidas com a sua marca, maiores as chances de elas passarem de seguidores a clientes.

5. Lista de contatos de clientes e fornecedores

A planilha em questão (https://templates.office.com/PT-BR/lista-de-contatos-TM03427396) facilita o acesso às informações de clientes e fornecedores. Nela, é possível inserir dados como nome do contato, endereço de cobrança, cargo do contato, telefone, fax, endereço de e-mail e outras anotações. Ao concentrar essas informações em um só lugar, o MEI consegue agilizar o processo de enviar e-mails ou fazer ligações, por exemplo.

Manter todas as informações de clientes e fornecedores em um único local sempre facilita a consulta quando necessário — Foto: Reprodução/Kátia Moura

6. Agenda de tarefas diárias

A agenda de tarefas diárias (https://templates.office.com/pt-br/Agenda-de-tarefas-di%C3%A1rias-TM02780252) auxilia o microempreendedor no controle de suas atividades, evitando que ele se esqueça de algo importante. A planilha possui três abas. A primeira, "cronograma diário", é dedicada à inserção das atividades do dia e da semana, e tem uma coluna para colocar anotações e tarefas que ficaram pendentes. Na segunda, "agendador de eventos", é possível inserir os principais compromissos do dia. A terceira e última aba, por sua vez, permite configurar intervalos de tempo.

Ter uma planilha que organiza e controla todas as tarefas diárias é fundamental para otimizar tempo do MEI — Foto: Reprodução/Kátia Moura

Veja também: Como colocar marca d’água em planilhas do Microsoft Excel

Como colocar marca d’água em planilhas do Microsoft Excel

Como colocar marca d’água em planilhas do Microsoft Excel

Mais do TechTudo