Jogos de ação

17/03/2015 14h00 - Atualizado em 17/03/2015 14h00

DmC Devil May Cry: confira as novidades da Definitive Edition

Rafael Monteiro
por
Para o TechTudo

DmC: Devil May Cry Definitive Edition traz o mais recente capítulo da série remasterizado para a nova geração: PlayStation 4 e Xbox One. A Capcom e a Ninja Theory fizeram um trabalho mais detalhado no título para tentar agradar mais os fãs da série do que quando foi lançado originalmente. Confira as diferenças entre os jogos.

DmC e Devil May Cry 4 serão relançados no Xbox One e PS4

DmC: Devil May Cry Definitive Edition traz mais mudanças do que a maioria dos remasters (Foto: Divulgação)DmC: Devil May Cry Definitive Edition traz mais mudanças do que a maioria dos remasters (Foto: Divulgação)

História

Diferente dos outros capítulos da série, DmC: Devil May Cry não tem ligação com os Devil May Cry originais. O título trata-se de um reboot da franquia que redefini o papel de todos os personagens e o mundo em que atuam. A Definitive Edition não muda praticamente nada na história, com exceção de algumas cenas alteradas e a adição de uma nova animação, que não havia ficado pronta para o game original.

Gráficos

Geralmente, os jogadores esperam de uma versão remaster gráficos aprimorados. DmC Devil May Cry teve melhorias feitas nos modelos dos personagens, no cenário e agora roda em uma alta resolução de 1080p a 60 quadros por segundo (FPS), aumentando a fluidez do movimento.

Jogabilidade

A Capcom e a produtora Ninja Theory realizaram um trabalho mais detalhado nas mudanças da jogabilidade do que a maioria dos remasters costumam fazer. A equipe buscou na comunidade de fãs da série sugestões e críticas. 


Para começar, agora está mais fácil encaixar combos, porém, mais difícil alcançar combos maiores. Há uma nova função de mira manual que permite ao jogador escolher quem vai atacar, não mais direcionando seus ataques para o inimigo mais próximo. A função Demon Evade foi melhorada para que você não seja atingido enquanto desvia. Além disso, agora o Dash no ar é triplo e cobre distâncias maiores.

Foram adicionados também vários modos que alteram a maneira de jogar, como o Turbo Mode, que deixa o game 20% mais rápido e frenético. Já no Hardcore Mode, a dificuldade fica mais semelhante aos Devil May Cry clássicos, com inimigos causando mais dano e sem poder lançá-los ao ar com o Devil Trigger.

No modo Must Style, você é obrigado a ser estiloso: você só causa dano aos inimigos se alcançar um Rank S com seus golpes. Gods Must Die traz um nível de dificuldade extremo, com inimigos tão fortes quanto os do Hardcore Mode, porém, mais rápidos e sem oferecer itens ou energia para se recuperar.

DmC: Devil May Cry agora permite que você escolha seus alvos manualmente (Foto: Divulgação)Devil May Cry agora permite que você escolha seus alvos manualmente (Foto: Divulgação)

Censura?

Alguns jogadores reclamaram de uma cena logo no início do game. Por conta de uma palavra com caráter sexual, parte do diálogo entre os demônios Mundus e Lilith, quando eles conversavam sobre dominar o mundo, foi alterado.

Os produtores afirmaram que não foi censura e que há diálogos bem mais sugestivos no resto do jogo. Segundo eles, a cena apenas estava arrastada demais para o começo da aventura, e eles não gostavam o suficiente da fala para mantê-la.

Todos os DLCs

Assim como em vários outros Remasters, DmC traz todos os conteúdos, antes oferecidos por download no original, como parte do pacote completo, sem custos extras. Isso inclui toda uma nova campanha com Vergil, irmão de Dante, novas roupas para ambos os personagens e novas armas. O aclamado DLC Bloody Palace, inclusive, estará de volta, contando agora com 60 novos desafios.


Será que o novo Devil May Cry vai vingar? Comente no Fórum do TechTudo.


Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares