Internet

31/08/2015 16h01 - Atualizado em 08/06/2016 17h45

Os melhores sites e apps para ouvir música online de graça

Melissa Cruz Cossetti
por
Da redação

Ouvir música online e offline, em qualquer lugar, com a comodidade de criar playlists e conhecer novos artistas baseado no seu gosto pessoal parece muito atrativo. Melhor ainda, se todo o serviço de curadoria for feito por especialistas e o custo disso não passe dos R$ 20 mensais ou seja totalmente grátis, em troca de alguns anúncios e peças publicitárias na plataforma. O TechTudo reuniu as 10 melhores e mais populares opções do Brasil, para ajudar você a escolher. Veja a lista de sites e apps e escolha um.

Cinco truques para mudar a URL do YouTube, baixar vídeos e criar GIFs

Apple Music, iPhone (Foto: Maria Clara Pestre / TechTudo)Apple Music, Spotify, Deezer, Rdio e mais opções para ouvir música (Foto: Maria Clara Pestre / TechTudo)


Spotify

Líder no Brasil e no mundo, o Spotify é um serviço de streaming completo. Para os usuários grátis, ele oferece todo o seu acervo online, de cerca de 30 milhões de músicas, em ordem aleatória, com anúncios entre as faixas. Aos pagantes da taxa mensal de R$ 14,90, o pacote Premium dá acesso ao conteúdo sem propaganda, com a opção de pular músicas de maneira ilimitada e fazer o download para ouvir offline. Tem apps para smartphone e computador, além de web player para ouvir sem baixar nada.

Apple Music

O Apple Music é o produto da Apple que pretende destronar o Spotify. O sistema oferece acesso a Beats 1 e outras rádios de graça, mas a gratuidade para por aí. Por US$ 4,99 mensais (a cobrança é feita em dólar), o streaming de música funciona de forma similar ao rival, mas sem propaganda, com recomendações de conteúdo e suporte para ouvir desconectado. Como diferencial, sincroniza conteúdo comprado no iTunes e oferece a Connect, uma espécie de rede social que aproxima artistas e fãs.

Deezer

O Deezer é uma alternativa com "toque francês", que oferece um acervo tão robusto quanto. São mais de 35 milhões de faixas que podem ser ouvidas online no seu computador, tablet ou celular. Assim como os rivais, permite ao usuário criar playlists, importar seus MP3s favoritos e sincronizar faixas para escutar música em qualquer lugar, mesmo quando estiver offine. Assim como o Spotify oferece a playlist "Descobertas da Semana", o Deezer tem o "Flow", que sugere com base nos seus gostos. Custa os mesmos R$ 14,90 por mês, e oferece versão grátis com anúncios e peças de publicidade em áudio.

Google Play Música

Similar ao Apple Music, no Google Play Music não tem música grátis além do período de degustação. Com mais de 30 milhões de músicas e estações musicais selecionadas, a opção do gigante de buscas cria playlists personalizadas de acordo com sua atividade, seu humor ou seu momento do dia. Ilimitado, sem anúncios, em qualquer dispositivo offline e no Chromecast, pelos mesmos R$ 14,90.

Baboom

Kim Dotcom, o cérebro por trás do finado Megaupload, lançou o Baboom. Disponível para Android, iOS e web player. Com a proposta de ser mais favorável aos artistas, repassando uma fatia maior do bolo, o streaming oferece dois tipos de contas: a Padrão (gratuita) e a Premium (paga) US$ 10. Na primeira, música ilimitada e com anúncios. É possível comprar faixas que gostar. Na segunda, ouça tudo offline e tenha experiências exclusivas. Em ambas, é possível criar playlists com até 100 músicas escolhidas.

Napster

O famoso e polêmico sistema de troca de arquivos MP3 por P2P, que protagonizou o primeiro caso jurídico entre a indústria fonográfica e programas de pirataria, mudou de foco e "entrou nos eixos". Lançado em 1999, agora o Napster é um serviço de streaming, com mais de 34 milhões de músicas, sem anúncios e com download ilimitado para ouvir offline. O sistema, que agora respeita todas as leis de direito autoral, oferece 30 dias grátis e custa os mesmos R$ 14,90 mensais que os concorrentes.

Microsoft Groove, o novo Xbox Music

O Xbox Music mudou e agora se chama Microsoft Groove para Windows 10, Xbox One, web player, iOS e Android. Com 30 dias de degustação, o serviço da Microsoft oferece também o Groove Music Pass, que permite baixar músicas favoritas do acervo de mais de 40 milhões de músicas. A assinatura mensal custa US$ 9,99 e a anual US$ 99. Sem anúncios, o sistema adiciona arquivos MP3s  e até mesmo faixas do iTunes ao OneDrive, a nuvem do Windows. Também é possível comprar faixas avulsas.

SoundCloud

O SoundCloud se apresenta como uma plataforma social de áudio, onde todos podem criar áudios e compartilhá-los. Famoso por reunir conteúdo de artistas independentes e gravações inéditas, ele também reúne conteúdo original de bandas e cantores consagrados de todos os ritmos. Há canais oficiais e outros organizados por usuários. Também oferece webplayer e aplicativos Android e iOS. Totalmente grátis, também permite salvar faixas, seguir artistas e criar playlists. Basta criar uma conta.

Tidal

O Tidal chegou no Brasil e ficou famoso por oferecer conteúdo loss less (sem compressão). Comprado pelo rapper Jay Z, todo os seus recursos são pagos, mas podem ser testados gratuitamente em 31 países. Oferece músicas offline, playlists, clipes em vídeo e app nativo que identifica músicas que estão tocando. Há conteúdo exclusivo, lançado apenas na plataforma. O preço, entretanto, desencoraja: são US$ 19,99 por mês. Há aplicativos para desktop Windows e Mac OS, Android, iOS e web player.

Superplayer

Superplayer têm versão para acesso web e aplicativos para dispositivos Android, iOSWindows Phone. Os usuários podem fazer playlists temáticas, com músicas de acordo com o gênero, sentimento e atividades. Cada seção musical do app foi composta por especialistas em músicas daquele segmento, garantindo uma ótima playlist de canções nacionais e internacionais. Com visual que lembra a estética do Windows 8, Superplayer dispensa login para ser utilizado.

Spotify, Rdio ou Deezer: qual é o melhor streaming e por quê? Veja no Fórum do TechTudo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Gentil Message
    2016-01-20T09:58:03  

    o "de graça" foi de brincadeira?

    recentes

    populares

    • Gentil Message
      2016-01-20T09:58:03  

      kkkk

    recentes

    populares

    • Gentil Message
      2016-01-20T09:58:03  

      amigos essa página tá de brincadeira fazendo os outros de palhaços eu tenho servidores no pc que é de graça o Deezer e o Muzzic que conhece sabe o que to falando tenho a muitos anos e uso eles para trabalhos musicais,bom não posso ser tão fominha assim pq amanhã posso precisar das pessoas se encontrarem recursos melhores que eu abraços.

  • Heraldo Souza
    2016-06-24T18:30:32

    A redatora MELISSA CRUZ é estagiária !?!?!? parece não sabe o significado de "de graça"...

  • Carlos Santos
    2016-06-09T21:24:28

    Superplayer????? Música repetida e de baixa qualidade só se for...