Drones

16/02/2017 06h00 - Atualizado em 16/02/2017 10h41

Confira cinco drones de brinquedo vendidos no Brasil

Raquel Freire
por
Para o TechTudo

Os drones têm despertado cada vez mais interesse de adultos e crianças. Não é por acaso: se há algum tempo os brinquedos apenas se pareciam com aviões e helicópteros, hoje eles voam de verdade, filmam e fazem manobras em 360º.

Confira os principais lançamentos de drones em 2016

É importante ter um cuidado especial quando os quadricópteros são destinados aos menores – por isso, o TechTudo fez um guia sobre o que considerar na hora de comprar um drone para crianças. Se você já está ciente e quer comprar um drone de brinquedo para sua filha ou filho sem gastar muito, veja a lista abaixo com cinco modelos vendidos no Brasil. Os preços variam de R$ 250 a R$ 520.

1. Drone X-Quad

Drone infantil X-Quad (Foto: Divulgação/DTC)Drone infantil X-Quad (Foto: Divulgação/DTC)

Com movimentos em 360º, o X-Quad é um drone que atinge até 24 km/h. O controle remoto funciona com 4 pilhas AAA, enquanto o quadricóptero é equipado com bateria recarregável de 350 mAh. A caixa acompanha quatro hélices e quatro parafusos sobressalentes, além de uma chave philips, para facilitar a manutenção.

O produto, que tem garantia de 3 meses, é indicado para crianças com mais de 12 anos e possui autorização de OCP’s (Organismos de Certificação de Produtos). O preço médio do drone X-Quad é de R$ 250.

2. Drone Seeker AF911

Drone Seeker AF911 com câmera HD (Foto: Divulgação/FQ777)Drone Seeker AF911 com câmera HD (Foto: Divulgação/FQ777)

O Seeker AF911 é um drone para crianças a partir de 8 anos, mas que tem especificações de gente grande. O brinquedo traz câmera HD para captura de fotos e vídeos, consegue girar em 360º e conta com giroscópio de 6 eixos, que dá mais estabilidade.

Sua bateria de 600 mAh permite que o Seeker AF911 fique até 9 minutos no ar, onde pode se distanciar até 150 metros do controle remoto. A embalagem inclui hélices sobressalentes, chave phillips, pen drive e cartão SD de 1 GB, além dos itens básicos. O drone custa em torno de R$ 280.

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

3. Drone Sky Laser

Drone Sky Laser BR 385 (Foto: Divulgação/Multilaser)Drone Sky Laser BR 385 (Foto: Divulgação/Multilaser)

Por aproximadamente R$ 440 é possível comprar o drone Sky Laser, da Multilaser. O quadricóptero voa até 80 metros de altura e 50 metros na horizontal em relação ao controle remoto, tendo três modos de velocidade e 8 funções direcionais. A bateria de 500 mAh consegue uma autonomia de voo de aproximadamente 6 minutos. Ele conta com câmera HD (720p) e armazena fotos e vídeos no cartão microSD, suportando mídias de até 16 GB.

A caixa acompanha um cartão de memória de 2 GB, além de itens como hélices reservas, proteções extras para as hélices, seis pilhas para o controle remoto, adaptador de microSD para USB e chave phillips. Com controle homologado pela Anatel, o produto é recomendado para maiores de 12 anos e tem garantia de um ano.

4. Drone V686k

Drone V686k com câmera (Foto: Divulgação/Wltoys)Drone V686k com câmera (Foto: Divulgação/Wltoys)

O V686k, da Wltoys, consegue se conectar a smartphones através de rede Wi-Fi própria, que não requer internet. A conexão permite visualizar as imagens capturadas com a câmera VGA em tempo real, além de salvar vídeos e fotos direto no celular.

O giroscópio com seis eixos dá estabilidade ao voo, que pode durar até 8 minutos com sua bateria de 730 mAh. O V686k é guiado por controle remoto, do qual consegue se distanciar 150 metros verticamente e horizontalmente. O aparelho sai por R$ 480, aproximadamente.

5. Drone ML2122

Drone ML2122 (Foto: Divulgação/FQ777)Drone ML2122 (Foto: Divulgação/FQ777)

Equipado com uma câmera HD, o drone ML2122 filma em 720p e tira fotos de 2 megapixels. Ele alcança até 80 metros em relação ao controle, tanto verticalmente quanto horizontalmente, e voa por aproximadamente 9 minutos. O quadricóptero possui sistema de detecção de perda de energia, reduzindo a altitude automaticamente quando a bateria de 600 mAh está acabando.

O ML2122 também consegue voar à noite, graças às luzes de LED na carcaça. O aparelho também conta com sistema de Wi-Fi para visualização dos vídeos em tempo real e em primeira pessoa. O drone acompanha quatro hélices e protetores de hélices extras, fora bateria, carregador, chave phillips e outros componentes. No varejo nacional, o drone da FQ777 sai por R$ 520.

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

recentes

populares

  • Edison Morais
    2017-02-16T11:52:55  

    EU VOU COMPRAR UMA PORCARIA DESSA PRA FICAR 6 MINUTOS OU NO MAXIMO 9 MINUTOS VOANDO? QUE DIZER SE EU NÃO FICAR ESPERTO JA ERA O DRONE KKKKKKK SAI FORA

    recentes

    populares

    • Edison Morais
      2017-02-16T11:52:55  

      Pior foi comigo amigão, o bendito drone acabou a bateria a caiu na cabeça de uma moça, preju de quase R$ 1000,00 com essa brincadeira, drone porcaria nunca mais!!!

    recentes

    populares

    • Edison Morais
      2017-02-16T11:52:55  

      quer comprar compra direito "phatom 4" fora isso nem me da que eu não quero

  • Jose Antonio
    2017-02-18T12:11:40

    Esses drones e de lei ter motores extras e baterias extras, nao duram...

  • Aroldo Junior
    2017-02-16T23:14:57  

    Comprei um syma x5c, durou 30 minutos e estraguei um motor. Lá se foram meus reais

    recentes

    populares

    • Aroldo Junior
      2017-02-16T23:14:57  

      Cara dá p comprar qualquer peça nos sites da china tipo a deal extreme focal price e gear best Já comprei carcaça p meu V686k que custou 10,00 reais.

  • Hipocampo Nervoso
    2017-02-16T12:53:22  

    Amigos, drone não é brinquedo. Acho até que deveria ter seu uso regulamento pela Anvisa.

    recentes

    populares

    • Hipocampo Nervoso
      2017-02-16T12:53:22  

      Drone é Regulamentado sim pelo DECEA, ANAC e Anatel

  • Rico Colecionador
    2017-02-16T13:05:41  

    Por isso que a reportagem menciona "DRONES DE BRINQUEDO". Se vocês estão procurando aparelhos para alcance de distância e altura maiores e que tenha mais autonomia de vôo, tem dezenas de opções de drones (que não sejam de brinquedo) no mercado. Basta pesquisar.

    recentes

    populares

    • Rico Colecionador
      2017-02-16T13:05:41  

      Perfeito. Um pior do que o outro.

  • Herculano Souza
    2017-02-16T12:25:37

    Quando o drone alcançar a altura máxima já está na hora de voltar, se não já era a bateria kkkkk