Publicidade

Por Calebe Aires; Para O TechTudo


Um smartphone com o Windows Phone 7 você edita textos, planilhas, assiste vídeos, acessa e acompanha a web e instala aplicativos com soluções e serviços para o nosso dia a dia. A Nokia quer trazer tudo isso para os seus aparelhos.

A decisão que a Nokia tomou ao fechar uma parceria de peso com a Microsoft, para distribuição global de smartphones com o OS Windows Phone 7, foi um importante passo para sua sobrevivência em um mercado bem competitivo.

Nokia com Windows Phone 7? (Foto: Arte) — Foto: TechTudo

As notícias são animadoras para o mercado de aparelhos móveis. A popularização dos smartphones e o poder de soluções e serviços que eles oferecem permitiu que as duas empresas se unissem.

Já existe um concenso que em breve os aparelhos móveis superarão os desktops. Com o advento dos smartphones em sistemas que comportam tecnologias móveis como o OS da Apple e o Android, a Nokia se via em um beco sem saída com o seu Symbian e MeeGo (que ainda nem foi lançado).

Enquanto a Microsoft recebe uma grande força para popularizar seu sistema, a Nokia recebe em seus aparelhos, que possuem hardwares de ponta, uma saída para se manter no topo entre os players do mercado, que sobe em proporções aceleradas.

Alguns olham para a pareceria na espera de que haja um grande avanço em termos de software de ponta em um excelente hardware, mas é certo que as empresas apostam suas expectativas nas vendas de smartphones para os próximos anos.

Segundo Gatner, estima-se que no quarto semestre de 2010 foram vendidos 100 milhões de smartphones em contrapartida de 95,6 milhões de Pcs vendidos. A Nokia entende que o Windows Phone 7 será o seu grande propulsor de vendas, a Microsoft se alegra em saber que seu sistema estará nas vitrines de milhares de lojas em todo o mundo.

Mais do TechTudo