Publicidade

Por Arize Oliveira; da Redação


Proxy é o termo utilizado para definir os intermediários entre o usuário e seu servidor. Todos os dados que deseja acessar na internet são disponibilizados por um servidor. Logo, o servidor proxy atende seus pedidos e repassa os dados do usuário à frente. O cliente conecta-se a um servidor proxy, requisita algum serviço e cabe ao proxy enviar a solicitação do endereço local para o servidor, traduzindo e repassando o seu pedido para o seu PC.

Essa solicitação pode ser algo como um arquivo, um site na web, ou qualquer outro recurso disponível em outro servidor. Esse endereço local da sua máquina não pode ser acessado por qualquer rede externa. O proxy conecta o seu computador a uma rede externa, como a internet. Representando a 'identidade do seu PC' no servidor de destino da sua solicitação.

O que é proxy? (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Para burlar bloqueio

O proxy esconde o endereço do seu computador. Essa representação oculta é que permite os usuários navegarem anonimamente. Na prática, você acessa um site que desvia o caminho convencional de solicitação e engana o bloqueio. É só informar o site que deseja visitar e o web proxy redireciona. 

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

Firewall e Proxy

Proxies funcionam como firewall e filtro de conteúdo. É um mecanismo de segurança para proteger a identificação da sua máquina por qualquer servidor. Se pessoas mal intencionadas conseguirem o endereço do seu computador (IP), o seu PC pode ser invadido ou outra pessoa pode navegar usando o seu endereço. Conexões abertas de proxy (open proxy) podem facilitar o acesso a sua máquina. Isso é perigoso porque você pode ter sua senha de banco roubada ou sofrer outros tipos de fraudes.

Melhorar o desempenho

Em alguns casos, os proxies ajudam na aceleração do acesso à internet. Isso é possível porque seu registro da página acessada fica guardado na cache. Nas próximas vezes que você acessar novamente aquela página, não será mais necessário "se apresentar". Com o registro gravado, o acesso seguinte fica mais rápido porque não será necessário refazer o primeiro reconhecimento do destino.

Mais do TechTudo