Por Rafael Monteiro; Para O TechTudo


Uma estranha onda de banimentos nos servidores de Battlefield 3 está causando bastante rebuliço no fórum oficial do jogo após hackers afirmarem que estão banindo jogadores inocentes. A Electronic Arts negou a falha de segurança, dizendo ser apenas uma incompatibilidade da última versão de seu software, Punkbuster, com alguns antivírus.

Hackers estariam banindo jogadores de Battlefield 3 (Foto: Kotaku) — Foto: TechTudo

Recentemente, vários jogadores estão reclamando com a empresa por terem sido banidos pelo sistema Punkbuster, responsável por detectar tentativas de trapacear no jogo. Ao olhar os registros deles, nota-se que são jogadores exemplares. O erro seria uma falha no sistema que permite que hackers “incriminem” esses jogadores.

Um membro dissidente do site Artificial Aiming, especializado em trapaças em jogos, disse já ter banido mais de 150 pessoas dos servidores com esse esquema, tentando trazer a atenção da Electronic Arts à falha e ao fato de que ele não gosta do sistema Punkbuster. O site disse que o membro não representa sua posição, mas apoia as risadas.

O gerente de comunidade, Daniel Matros, da Electronic Arts, comentou que a empresa está ciente dos problemas, porém os atribui a uma incompatibilidade de sua última versão com alguns antivírus como Kaspersky, Avira e Norton, recomendando que, por enquanto, jogadores acessem servidores que não exijam o Punkbuster.

Via MP1st e Kotaku

O TechTudo apoia o Brasil Sem Vírus, movimento que dissemina práticas de segurança e distribui antivírus gratuitamente. Estima-se que 80% dos brasileiros já estiveram com os computadores ameaçados por vírus e ataques de hackers. Você pode ajudar sua rede de amigos enviando uma vacina para eles. Seja voluntário!

Mais do TechTudo