Por Thássius Veloso; do Tecnoblog


O jornal inglês The Sun divulgou, na última sexta-feira (16), informações que apontam um crescimento de pelo menos 30% nas vendas de ficção erótica no formato e-book. Segundo a publicação, o aumento se dá principalmente graças ao desenvolvimento dos e-readers, como o Kindle, da Amazon.

As mulheres compõem a maior parte dos usuários de e-books eróticos (Foto: Reprodução/DailyMail) — Foto: TechTudo

O jornal afirma que os leitores de conteúdo adulto estão trocando com frequência cada vez maior as cópias em papel pelo formato digital. Aliás, a transição se mostra ainda mais constante entre as leitoras mulheres, já que elas constituem a maior parte da audiência que compra e lê ficção erótica em e-books.

Um dos livros de conteúdo adulto de maior sucesso atualmente chama-se Fifty Shades of Grey ("Cinquenta Tons de Cinza"), da escritora inglesa E.L. James. Ele aparece na lista dos mais vendidos do jornal The New York Times, bem como na Amazon e na Barnes & Noble.

O sucesso dos e-books eróticos pode ser explicado também pela grande discrição dos e-readers. Como nas publicações virtuais não há capa, ninguém próximo do leitor fica sabendo o que ele está lendo. Além disso, a compra dos livros digitais é feita sem intermédio direto de vendedores, já que eles são comercializados pela Internet, o que contribui para a popularização do formato.

Mais do TechTudo