Publicidade

Por Aline Jesus; Para O TechTudo


Uma menina de 16 anos, grávida, pode ser condenada na Austrália por conta de ameaças no Facebook. A menina está sendo acusada de perseguir uma colega pela rede social, dizendo inclusive que “iria ofendê-la verbalmente até que ela se matasse”. A jovem foi detida após ser flagrada perseguindo a vítima dos insultos na rua e pode pegar até cinco anos de prisão.

Menina de 16 anos grávida é presa depois de ameaças pelo Facebook (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo

De acordo com o jornal Herald Sun, nem mesmo as ameaças das autoridades impediram a garota de continuar o bullying online. Segundo informações do diário, pouco após ser julgada em uma corte apenas para crianças e adolescentes, ela voltou ao Facebook e escreveu: “Dane-se a ordem de restrição, vou matá-la. Ela está morta”.

A menina está sendo julgada por seis crimes, incluindo ameaça de morte, e pode ficar na cadeia por até cinco anos caso seja condenada. Ela pagou fiança e aguarda a sentença, que sai em outubro, em liberdade. A advogada da menina alegou que ela não entendia a gravidade de suas ações, que foram motivadas por uma discussão em sala que lhe rendeu uma exclusão da aula.

Os casos de cyberbullying seguem se tornando cada vez mais frequentes. No entanto, as vítimas parecem estar mais dispostas a revidarem, mesmo que seja por meio de processos judiciais – como aconteceu na Georgia, em abril, quando uma menina processou as criadoras de um perfil fake com o seu nome no Facebook.

Via Daily Dot

Mais do TechTudo