Publicidade

Por Raquel Freire; Para O TechTudo


Juntas, três câmeras Leica arrecadaram € 3,6 milhões, cerca de R$ 9,7 milhões, em leilão de máquinas fotográficas antigas realizado no dia 24, na Áustria. A mais cara entre elas é a M3D, vendida por € 1,6 milhão, equivalente a R$ 4,3 milhões, o maior preço cobrado por um exemplar do modelo até agora.

As três câmeras Leica leiloadas por 3,6 milhões de euro (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo

O preço atingido supera em mais de dez vezes o lance inicial, de € 150 mil. A justificativa para a câmera ter alcançado essa marca é que ela foi usada pela lenda viva David Douglas Duncan, um dos mais importantes fotógrafos do século XX, amigo de ninguém menos que Pablo Picasso.

As outras duas Leica foram uma Luxus banhada a ouro de 1929, arrematada por € 1 milhão; e a primeira M3 produzida (número de série 700001), que custou € 900 mil. Ainda assim, o posto de câmera mais cara da história continua com a Leica da Série Zero, vendida num leilão realizado em maio por € 2,16 milhões, equivalente a R$ 5,8 milhões.

Outros modelos também foram negociados no evento, que recolheu mais de € 8 milhões. Além de máquinas antigas, foram negociadas na ocasião fotografias valiosas e outros itens ligados à arte.

Mais do TechTudo