Publicidade

Por Gabriel Ribeiro; Para O TechTudo


O Google lançou, na última quarta-feira (27), o Nexus 4 no Brasil. Dono de um hardware potente e de sucesso em todo mundo, o aparelho se esgotou por aqui em seu primeiro dia de vendas. Porém, nem tudo foram flores no caminho da famosa linha com Android Puro. O TechTudo preparou um especial com a evolução dos smartphones Nexus desde o seu primeiro modelo, lançado em janeiro de 2010, para você entender o assunto. Confira:

- Nexus One

Apesar de ser bem avaliado pela crítica especializada, Nexus One não foi bem nas vendas. (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo


O primogênito dos Googlephones era considerado um top de linha para os padrões da época. Fabricado pela HTC, o aparelho era equipado com um Qualcomm Snapdragon de 1 GHz e um processador gráfico Adreno 200. No entanto, o que mais chamava a atenção era a tela de AMOLED 3,7 polegadas com resolução de 480 x 800 pixels. Para comparar, o iPhone 3GS – outra novidade na época – tinha apenas 320 x 480 pixels de resolução.

Apesar de receber boas notas em avaliações e ser considerado pela mídia especializada como um dos poucos aparelhos capazes de usufruir de toda a capacidade do Android 2.1 (Eclair), o Nexus One não agradou o consumidor. Nem a publicidade – uma das poucas –  na página inicial do Google foi capaz de reverter o fracasso nas vendas.

Um dos motivos foi a decisão da companhia de apenas vender o Nexus One em sua própria loja virtual. O objetivo da empresa era bom, na teoria: fazer com que os compradores não ficassem dependentes dos planos das operadoras. A ideia, porém, não deu dado certo. Em pouco menos de oito meses o Google declarou a morte de seu primeiro smartphone, fechando a loja online e parando sua produção, deixando as vendas restritas às lojas parceiras em poucos países da Europa e da Ásia. Muitos rumores apontavam que o Nexus One até desembarcaria no Brasil, mas isso não se concretizou.

- Nexus S

Nexus S foi um dois primeiro celulares a ter embutido o NFC, tecnologia que permite pagamentos por aproximação. (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo

Aproximadamente um ano após o lançamento do primeiro Nexus, em dezembro de 2010, o CEO do Google, Erich Schmidt, apresentou o Nexus S. O aparelho foi fabricado pela Samsung, grande parceira do Google e uma das responsáveis pela popularização do Android.

O Nexus S tinha como ponto alto o processador. Equipado com um ARM Cortex A8 de 1 GHz, o aparelho ganhou destaque pela velocidade e a competência ao rodar aplicativos pesados, assim como a fluidez do Android Gingerbread sem modificações. Outra característica interessante era NFC embutido. O Nexus S foi um dos primeiros smartphones a ter a tecnologia que permite troca de informações por aproximação, como pagamentos.

O Google aprendeu com o erro de estratégia de vendas do seu primeiro smartphone e vendeu o Nexus S tanto em lojas físicas quanto online. Porém, assim como seu antecessor, o Nexus S nem chegou ao Brasil.

- Galaxy X (Nexus)

Galaxy Nexus foi o primeiro Googlephone a ser comercializado no Brasil. (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo

Ao contrário de seus irmãos mais velhos, o Galaxy Nexus finalmente aportou em terras tupiniquins. Chamado de Galaxy X no Brasil, o terceiro aparelho da linha de smartphones do Google foi lançado em novembro de 2011. Veio ao mundo equipado com um processador dual-core ARM Cortex-A9 de 1.2 GHz, uma das configurações mais parrudas da época. O aparelho tinha, ainda, tela Super AMOLED de 4,65 polegadas e resolução de 1280 x 720 pixels; o que fez com que a tela voltasse a ser um dos destaques da linha.

Com hardware de ponta, o Galaxy Nexus usava tranquilamente toda a capacidade do Android 4.0 (Ice Cream Sandwich) e é considerado até hoje um dos melhores aparelhos com o sistema operacional do Google. Algumas funcionalidades como o “Face Unlock”, que desbloqueava o aparelho por reconhecimento facial, e a possibilidade de aplicar filtros em gravação vídeos ao vivo foram vistos com bons olhos pelo público.

- Nexus 4

Nexus 4 é o melhor aparelho já criado para os sistema operacional Android. (Foto: Reprodução) — Foto: TechTudo

Confeccionado pela LG, o Nexus 4 é o caçula dos aparelhos desenvolvidos pelo Google e o mais potente da família. Lançado recentemente no Brasil a R$ 1.699, o aparelho traz algumas características dos antecessores, como o sistema operacional sem modificações e o NFC.

O smartphone é equipado com um processador quad-core Snapdragon S4 Pro de 1.5 GHz. Somado os 2 GB de memória RAM e ao display de 1280 x 768 pixels, o Nexus 4 cumpre com louvor todas as tarefas, das básicas aos jogos hardcore. Com o Android 4.2 (Jelly Bean) nativo, o aparelho é atualmente um dos carros chefes do sistema.

A câmera de 5 megapixels, presente desde o primeiro aparelho da linha, recebeu um upgrade. O Nexus 4 tem uma câmera de 8 megapixels capaz de gravar vídeos em Full HD (1080p). Há também a possibilidade de produzir imagens panorâmicas em 360°, como no Street View, utilizando o app Photosphere.

Confira abaixo o quadro completo com a evolução:

Tabela

  Nexus One Nexus S Galaxy X (Nexus) Nexus 4
 
Tela 3,7 polegadas 480x800 pixels 4 polegadas 480x800 pixels 4,65 polegadas 720x1280 pixels 4,7 polegadas 768x1280 pixels
Hardware Processador Snapdragon 1 GHz 512 MB de RAM Processador Cortex A8 1 GHz 512 MB de RAM Processador dual-core 1,2 GHz 1 GB de RAM Processador quad-core 1,5 GHz 2 GB de RAM
Armazenamento 4 GB expansível até 32 GB 16 GB 16 GB 16 GB
Sistema Android 2.1 Eclair Android 2.3 Gingerbread Android 4.0 Ice Cream Sandwich Android 4.2 Jelly Bean
Câmera 5 megapixels 5 megapixels 5 megapixels 8 megapixels
Bateria 1400 mAh 1500 mAh 1750 mAh 2100 mAh
Conexões 3G, Wi-Fi, Bluetooth 2.1 3G, Wi-FI, NFC, Bluetooth 2.1 3G, Wi-Fi, NFC, Bluetooth 3.0 3G, Wi-Fi, NFC, Bluetooth 4.0
Mais do TechTudo