Publicidade

Por Aline Ferreira; Para O TechTudo


Batizado de ”Door of Hope”, o novo aplicativo está levantando uma grande polêmica entre usuários de smartphones e tablets. O programa promete fazer com que uma pessoa consiga deixar de ser homossexual em apenas 60 dias causando assim, uma grande revolta da comunidade gay.

O aplicativo foi retirado do Google play e do iTunes Store, mas ainda está disponível na web (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

O “Door of Hope” foi desenvolvido pela Setting Captives Free e trata-se de um curso que utiliza preceitos bíblicos para convencer o homossexual que ele tem um problema e precisa de ajuda para encontrar a liberdade deste “pecado”. “Você pode ser libertado da escravidão da homossexualidade através do poder de Jesus Cristo e da cruz”, afirmam.

Em resposta, a comunidade gay criou uma petição virtual pedindo a retirada do aplicativo que estava disponível tanto no App Store quanto no Google Play. A petição alega que este tipo de tratamento oferecido pelo aplicativo pode causar terrível dano ao homossexual por tentar mudar quem ele é ou quem ele ama.

A petição ganhou força na rede e até o momento da publicação deste artigo já contabilizava pouco mais de 61 mil assinaturas. Como resultado, o aplicativo foi retirado do App Store em menos de 24h e, logo em seguida, do Google Play.

Apesar de não estar mais disponível no Google Play e no App Store, o curso pode ainda ser acessado através da página oficial da Setting Captives Free que disponibiliza diversos outros cursos on-line que prometem ajudar a vencer o pecado habitual.

Mais do TechTudo