Por Rafael Monteiro; Para O TechTudo


Em eventos pré-Brasil Game Show 2013 empresas como Activision Blizzard e Warner apresentaram novidades que estarão disponíveis para o público da feira a partir do primeiro dia, 25 de outubro. Entre os destaques sobre o que rolou está o polêmico preço do PS4 no Brasil, abordado durante a conferência da Sony. O evento seguirá aberto até o dia 29 para o público pagante, no Expo Center Norte em São Paulo.

Confira a cobertura em tempo real da BGS 2013 no Techtudo!

Mark Stanley - palco com ps4 BGS 2013 (Foto: Foto: Diego Borges/ TechTudo) — Foto: TechTudo

Activision Blizzard

A primeira conferência do dia foi a da Activision Blizzard, focando-se no entanto apenas no lado Activision da empresa. Segundo palavras da própria companhia, o mercado brasileiro os está agradando. Porém, se por um lado Call of Duty: Black Ops 2 registrou a maior pré-venda de um jogo no país, por outro é inviável trazer os bonecos de Skylanders SWAP Force a um preço acessível.

A conferência não trouxe muitas novidades para o público brasileiro, mas mostrou alguns dos grandes títulos que a Activsion está produzindo, como Call of Duty: Ghosts, disponível para testes no evento, e Skylanders Swap Force, com seus bonecos que trocam de corpo.

Destiny, o novo título da produtora Bungie, criadora da série Halo, será publicado pela Activision e também esteve presente na conferência. A empresa disse que irá lançar o jogo oficialmente no Brasil, e segundo o que vimos mais tarde na conferência da Sony, ele estará tradzido para o português.

Call of Duty: Ghosts (Foto: Divulgação) (Foto: Call of Duty: Ghosts (Foto: Divulgação)) — Foto: TechTudo

Warner Bros. Interactive / Electronic Arts / Disney

A conferência da Warner se focou bastante nos jogos, mas também tinha um forte lado de negócios. Já trabalhando com o mecado brasileiro há algum tempo, a Warner Bros. firmou parcerias com empresas como Electronic Arts e Disney, para trazer vários conteúdos localizados para o português.

A conferência teve um pouco de Batman: Arkham Origins, para animar os fãs do Cavaleiro das Trevas e mostrar o modo multiplayer, além de uma participação especial de Disney Infinity, disponível para testes no evento e uma exibição de algumas novidades sobre a série de futebol da EA Sports.

Batman: Arkham Origins (Foto: Divulgação) (Foto: Batman: Arkham Origins (Foto: Divulgação)) — Foto: TechTudo

Fifa 14 chamou a atenção ao falar sobre seu novo modo Legends, que será exclusivo para consoles da Microsoft, o Xbox 360 e o Xbox One. Nele, usuários poderão controlar grandes lendas do futebol, incluindo alguns nomes famosos da Seleção Brasileira, como Pelé e Romário.

Porém, o real destaque da conferência ficou Dying Light, da desenvolvedora polonesa Techland, a mesma de Dead Island. Mais uma vez jogadores estarão em um jogo em primeira pessoa em um mundo aberto repleto de zumbis, porém o objetivo não será mais enfrentar os mortos-vivos e sim tentar sobreviver.

A mudança no conceito faz com que evitar o conflito se torne mais importante do que vencê-lo e faz com que atitudes inteligentes, porém um pouco covardes, mantenham você vivo por mais tempo. O título tem lançamento marcado para 2014 no Xbox 360, PlayStation 3, Xbox One, PlayStation 4 e PCs, e também será possível testá-lo na feira.

Apesar das inevitáveis comparações, Dying Light não é apenas mais Dead Island (Foto: Divulgação) (Foto: Apesar das inevitáveis comparações, Dying Light não é apenas mais Dead Island (Foto: Divulgação)) — Foto: TechTudo

Sony

De todas as empresas presentes na Brasil Game Show, a Sony era a que tinha mais pressão em cima dela, devido ao recente anúncio sobre o lançamento do PlayStation 4 no Brasil. O console será lançado em 29 de novembro por R$ 3.999, quase o dobro do concorrente Xbox One, que sairá por R$ 2.199.

A conferência começou abordando rapidamente a questão do preço como primeiro tópico, deixando claro que a Sony não está satisfeita com ele e que pretende melhorar esse valor com o tempo. Porém, isso foi o máximo que a empresa comentou a respeito do preço do PlayStation 4 no Brasil.

Gente testando o ps4 na BGS 2013 (Foto: Foto: Diego Borges/ TechTudo) — Foto: TechTudo

A conferência da Sony se focou em novidades como adições à linha Favoritos do PlayStation 3, trazendo jogos como Sonic Generations, Borderlands e Super Street Fighter 4 por R$ 79, e a localização de jogos para o português, incluindo toda a sua linha de títulos First Party.

Apesar do óbvio problema com o preço, a Sony demonstrou um grande investimento no mercado brasileiro, com versões em português de Killzone: Shadow Fall, Infamous Second Son, The Order 1886 e Knack. A empresa também anunciou o lançamento oficial da PS Plus no Brasil, com todas as vantagens do serviço por um preço menor que a versão dos Estados Unidos. A PS Plus terá pacotes de 1 mês por R$ 19,99, 3 meses por R$ 34,99 e 1 ano por R$ 99,99.

Killzone Shadow Fall será dublado em português (Foto: Diego Borges / TechTudo) — Foto: TechTudo

Os jogos independentes também ganharam espaço, como o jogo de ação Helldivers, demonstrado em multiplayer com quatro pessoas, o divertido título Pain da produtora argentina QB9, que se tornará gratuito, e uma rápida menção ao primeiro jogo brasileiro a ser lançado para plataformas PlayStation, Freekscape: Escape from Hell, da Kidguru. Segundo a Sony, há 19 desenvolvedores brasileiros trabalhando em suas plataformas no momento.

Porém, não há dúvidas que o ponto alto da conferência foi a surpresa no final. Após anunciar uma parceria com o Instituto Ayrton Senna, a Sony revelou que Gran Turismo 6 contaria com a presença do lendário piloto brasileiro Ayrton Senna, com direito a uma edição especial temática do PlayStation 3 acompanhando o jogo.

Mais do TechTudo