Por Paulo Alves; Para O TechTudo


O Windows Phone, plataforma móvel da Microsoft, ainda não está nos planos dos desenvolvedores do popularíssimo jogo Candy Crush Saga, disponível para Android e iOS, além do Facebook. Em uma entrevista concedida a Bloomberg sobre o mercado de aplicativos mobile, os executivos da King, empresa por trás do game, confessaram que preferem esperar para ver se o sistema operacional vai vingar antes de tomar alguma decisão.

Candy Crush Saga não deverá chegar ao menos por enquanto no Windows Phone (Foto: Reprodução/Google Play) — Foto: TechTudo

Especialmente após a compra da Nokia, a Microsoft vem se esforçando para tentar atrair desenvolvedores de aplicativos para seu SO móvel, inclusive, oferecendo ajuda de custo para promover os apps aos usuários. No entanto, desenvolvedores têm se mostrado resistentes à proposta por acharem prematuro investir tempo em uma terceira plataforma que ainda não se mostrou rentável.

Erro ao instalar o Candy Crush no Android? Descubra como solucionar o problema no Fórum do TechTudo.

Dados levantados pela IDC (International Data Corporation) e divulgados em setembro de 2013 mostram que o sistema operacional móvel da Microsoft detém 3,9% do mercado, contra 16,9% do iOS e 75,3% do Android. A estimativa é que a fatia do Windows Phone cresça até 10,2%, mas só em 2017.

Por consequência, uma pesquisa recente da plataforma de desenvolvimento mobile Appcelerator mostrou que o interesse em fazer aplicativos do Windows Phone tem diminuído desde o início do ano. “Com ou sem a Nokia, a Microsoft precisa demonstrar que pode captar uma fatia concreta do mercado de telefonia móvel”, explica Jeff Smith, CEO da Smule, dona do aplicativo Karaoke Sing.

Via BGR e IDC

Mais do TechTudo