Publicidade

Por Da Redação; Para O TechTudo


Já parou para pensar que o processador de seu smartphone Android pode ser útil mesmo quando não estiver sendo usado para os fins convencionais? Com o Samsung Power Sleep, é possível utilizá-lo, enquanto o celular carrega durante a madrugada, para ajudar em pesquisas que buscam curas para doenças. O aplicativo nasceu de uma parceria entre a Samsung e a Universidade de Viena.

Samsung Power Sleep torna seu smartphone parte de um supercomputador para cálculo de proteínas (Foto: Divulgação/Samsung) (Foto: Samsung Power Sleep torna seu smartphone parte de um supercomputador para cálculo de proteínas (Foto: Divulgação/Samsung)) — Foto: TechTudo

O procedimento é muito simples. Enquanto o seu smartphone está recarregando, durante a noite, o processador fica praticamente inutilizado, e essa ociosidade pode ser aproveitada para processar grandes volumes de dados, como os cálculos de proteínas referentes a pesquisas científicas sobre alguns tipos de câncer ou o mal de Alzheimer.

O que você achou da ideia de um Nokia com Android? Opine no Fórum.

Aproximadamente 1 MB de dados são recebidos em cada pacote via Wi-Fi, processados e enviados para os servidores da Universidade de Viena. Isso garante que o hardware do seu dispositivo não seja exigido e, ao mesmo tempo, ajuda a acelerar os cálculos que a instituição precisa para avançar nas pesquisas.

Para isso, o Samsung Power Sleep programa o smartphone para trabalhar no período entre o momento em que a bateria é completamente carregada e a hora de acordar. Afinal, a ferramenta é também um alarme e ajuda a fazer os cálculos somente quando o aparelho realmente estiver inativo.

Os responsáveis pelo projeto garantem que nenhum dado do usuário é coletado durante o procedimento, o que é confirmado pelas permissões pedidas pelo programa em seu descritivo no Google Play. Portanto, não há motivos para não usá-lo e contribuir para os estudos.

Via The Verge

Mais do TechTudo