Publicidade

Por Da Redação; Para O TechTudo


Batman: Arkham Knight, o novo jogo do herói para Xbox One, PlayStation 4 e PC, foi revelado antes da hora por um vazamento, mas seria na verdade uma revelação exclusiva de uma revista americana do mês de abril. Agora, as informações sobre a versão de demonstração apresentada para a revista também foram divulgadas. Confira todos os detalhes do novo jogo, que será lançado em 14 de outubro de 2014.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

História

Atenção: a seção a seguir possui spoilers sobre a história de Batman: Arkham Knight e tambem de Batman: Arkham City. Se não deseja ter qualquer tipo de surpresa estragada sobre os jogos, não leia adiante.

O enredo se passará um ano após os eventos de Batman: Arkham City. A criminalidade em Gotham City está diminuindo desde a morte do Coringa e os outros vilões estão bem quietos. Batman sabe que algo está errado e que algo deve estar sendo planejado, mas nada pode fazer até acontecer além de continuar desenvolvendo novas tecnologias de combate ao crime.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Vários outros vilões, como o Espantalho, Pinguim, Duas-Caras, Charada e Arlequina estão planejando derrubar o Cavaleiro das Trevas e contarão com a ajuda de um novo vilão: O Arkham Knight, uma espécie de rival militarizado de Batman que utilizará armas de fogo e deverá bater de frente com ele em vários sentidos.

O personagem Arkham Knight foi criado especialmente para este novo jogo pelo chefe do setor criativo da DC Entertainment, Geoff John, conhecido pelo seu trabalho com o Lanterna Verde e A Liga da Justiça.

Novo vilão Arkham Knight será um rival à altura de Batman (Foto: officialplaystationmagazine.co.uk) — Foto: TechTudo

Cada vilão atacará Gotham de uma maneira, para diluir os esforços do homem-morcego. O Espantalho ameaçará explodir bombas com uma nova versão do seu gás do medo, fazendo com que a cidade seja evacuada, deixando apenas policiais e criminosos. Duas-Caras e Pinguim irão atrás dos policiais de Gordon. Charada ocupará o herói com seus famosos enigmas e desafios. Apenas o papel de Arlequina ainda não está muito claro.

Ao seu lado, Batman terá a Oráculo, Barbara Gordon, dando informações. Assim como nas histórias em quadrinhos, a ex-Bat Girl está em uma cadeira de rodas por culpa do Coringa. Barbara aparecerá fisicamente na história e não apenas como uma voz.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

De acordo com os relatos dos desenvolvedores, a ideia de dar um ponto final à série já pairava no ar desde Batman: Arkham City. Agora o novo capítulo Arkham Knight permitirá que eles encerrem em grande estilo.

Gotham City

Batman: Arkham Knight se passará na zona central de Gotham, composta por 3 ilhas. O mapa será 5 vezes maior do que o apresentado em Arkham City, porém a produtora Rocksteady explicou que não se trata apenas de escala. Segundo os desenvolvedores, a intenção não é criar o maior mundo aberto possível, mas sim torná-lo rico, denso e vibrante.

Toda a cidade foi repensada para acomodar melhor as possibilidades de trânsito e permitir que o Batmóvel se locomova por ela. Há mais espaço entre os prédios e como a cidade foi evacuada, qualquer carro que esteja no caminho pode ser destruído sem peso na consciência.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Jogabilidade

A primeira coisa a se deixar claro é que Arkham Knight não terá um modo multiplayer, diferente de Batman: Arkham Origins. A produtora Rocksteady comentou que essa decisão foi tomada para oferecer a melhor experiência single player para os jogadores.

Inicialmente a roupa de Batman é nos mesmos moldes da que ele usa em Arkham City, porém eventualmente ele a troca pela nova versão que vemos nos trailers, mais semelhante a uma armadura. Esta nova roupa aparentemente interage com o Batmóvel e permite que Batman seja lançado de dentro do carro para o ar, como se disparado de um canhão.

A movimentação aérea será bastante melhorada com uma nova Graple Gun, que além de puxar o homem-morcego até o local ainda o lançará para o alto, e um uso mais dinâmico do Line Launcher, que permitirá disparar cordas e criar tirolesas ainda no ar. O jogo pretende equilibrar bem a movimentação tanto planando quanto no Batmóvel.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

O clássico sistema de batalha está de volta, com o simples porém eficiente sistema de contra-ataques ao toque de um botão. A quantidade de inimigos no entanto está bem maior, 4 a 5 vezes a encontrada em Arkham City. Eles podem se aglomerar em grupos de até 50 pessoas, causando tumulto e destruindo coisas por onde passam.

O aumento de adversários será refletido no combate também, conforme Batman poderá efetuar contra-ataques que arremessam inimigos uns contra os outros ou se aproveita de elementos pelo cenário para atacá-los.

Batmóvel

A Rocksteady pretende que o Batmóvel seja apenas o melhor carro de todos os tempos em um videogame, atribuindo a ele algumas habilidades incríveis. Basta o toque de um botão, o carro virá ao chamado de Batman, que o dirigirá pelas ruas de Gotham com direito a saltos, turbos e giros de 180º para mudar de direção sem dificuldade.

O Batmóvel será baseado na recente franquia de filmes O Cavaleiro das Trevas de Christopher Nolan, mais próximo de um tanque, e será quase indestrutível. Ele é à prova de balas, pode destruir obstáculos como barricadas, árvores, carros e até mesmo cantos dos prédios. Praticamente nada pode pará-lo.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

O veículo será também uma ferramenta de combate, podendo disparar vários mísseis imobilizadores contra inimigos e até mesmo atropelá-los, apesar de que eles não ficarão parados esperando isso acontecer.

Em certo momento o Batmóvel é usado para resolver um desafio do Charada, que envolve dar três voltas nos túneis subterrâneos de Gotham com um aparelho que atrapalha o jogador a completar o percurso.

Detalhes técnicos

A produtora Rocksteady mencionou que considera Arkham Knight um verdadeiro jogo “next-gen”, justamente porque escolheu não lançar também versões para o Xbox 360 e PlayStation 3. Segundo a desenvolvedora isso permitiu que eles explorassem muito mais o potencial dos novos consoles.

Batman: Arkham Knight (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

O jogo está usando uma versão melhorada da Unreal Engine, a mesma da geração passada, com tecnologia de física Apex para os tecidos. A capa de Batman ou o casaco de Gordon movimentam-se de maneira realista com o vento. Não haverá cutscenes no jogo, todas as cenas serão feitas com os próprios gráficos, assim como em Ryse: Son of Rome.

Para fins de comparação entre os modelos, um personagem em Arkham Knight tem tantos polígonos quanto um ambiente inteiro em Arkham Asylum. Para alcançar o nível de detalhes apenas do Batmóvel seria necessário um Xbox 360 inteiro, sem considerar o resto do jogo.

Dublagem

Após sua ausência em Batman: Arkham Origins, Kevin Conroy irá novamente viver o Cavaleiro das Trevas como a voz de Batman em Arkham Knight. Além dele, temos o retorno de Tara Strong como a Arlequina, Troy Baker como Duas-Caras, Nolan North como o Pinguim e Wally Winger como o Charada.

Mais do TechTudo