Por Da Redação; Para O TechTudo


O Instagram tem um novo aplicativo de compartilhamento de fotos e vídeos, o Bolt. O app, disponível para Android e iOS, usa os mesmos comandos do concorrente, que requer um toque para enviar fotos e um toque longo para vídeos. A novidade, porém, chega inicialmente só a três países: Nova Zelândia, Singapura e África do Sul.

Bolt é o novo app do Instagram para envio de fotos e vídeos que se autodestroem (Foto: Divulgação/Instagram) — Foto: TechTudo

Curiosamente, o Bolt tem função similar ao Slingshot, app lançado recentemente pelo Facebook, dono do Instagram. A aposta, no entanto, é a comunicação entre duas pessoas, já que o aplicativo não permite enviar fotos ou vídeos para vários contatos ao mesmo tempo.

Além disso, os contatos do Bolt são alimentados pela agenda do aparelho, assim como o WhatsApp, por exemplo. O Slingshot, por outro lado, é integrado com os seus amigos do Facebook. Ele permite – e até encoraja – o compartilhamento de fotos, imagens e mensagens com várias pessoas ao mesmo tempo.

Já a interface do aplicativo não tem semelhança com os seus maiores concorrentes, mas com um app pouco popular, o Taptalk. O design coloca na tela os rostos dos contatos em círculos. Para o envio de conteúdo, basta tocar uma vez para foto e manter pressionado para vídeo. Caso o usuário se arrependa do envio, é só sacudir o telefone para cancelar.

Instagram Direct é um dos poucos recursos do app que usam HTTPS para se conectar à Internet (Foto: Divulgação/Instagram) (Foto: Instagram Direct é um dos poucos recursos do app que usam HTTPS para se conectar à Internet (Foto: Divulgação/Instagram)) — Foto: TechTudo

Qual é o melhor smartphone para tirar "selfies"? Descubra no Fórum do TechTudo

Vale lembrar que o Instagram já tem uma função de troca de fotos e vídeos privados: o Instagram Direct. Esse serviço, porém, funciona de maneira diferente, principalmente por causa da velocidade de compartilhamento. Enquanto o Instagram Direct não requer resposta imediata, Bolt pretende engajar os usuários de forma muito mais ativa.

Também é importante notar que, mesmo pertencendo ao Facebook, o Instagram tem equipes de engenharia e design completamente separadas. Isso permite a criação de produtos diferentes e, de certo modo, até concorrentes. A opção inicial pelos três países serve para testar a performance do Bolt antes de chegar a mercados mais exigentes, como EUA e Europa.

Via The Verge

Mais do TechTudo