Por Da Redação; Para O TechTudo


O recurso que permite adicionar ao YouTube vídeos com 60 FPS (frames por segundo), anunciado em junho, finalmente chegou para o usuário comum. O Google não anunciou oficialmente, mas diversos usuários já conseguiram fazer upload neste formato de vídeo desde a última quarta-feira (29).

Ativando a visualização de vídeos com 60 fps no YouTube (Foto: Reprodução/Marvin Costa) (Foto: Ativando a visualização de vídeos com 60 fps no YouTube (Foto: Reprodução/Marvin Costa)) — Foto: TechTudo

Para assistir aos vídeos em 60 quadros por segundo, por enquanto, é preciso ter Google Chrome ou Safari, com suporte a HTML5 player. Certifique-se também de escolher a resolução 720p ou 1080p na configuração do player. A busca do YouTube já entrega (youtube.com/results?search_query=60+FPS) vários exemplos de vídeos com este framerate, publicados por usuários do mundo todo.

De acordo com o site TechCrunch, vídeos que foram gravados em 60 quadros por segundo, mas publicados antes deste dia, continuam sendo reproduzidos há 30 FPS. Para o referido site, o YouTube confirmou que o recurso está aberto para o público, sem muitos detalhes.

Conseguir hospedar vídeos no YouTube em 60 FPS é uma reivindicação antiga do público gamer, que representa uma grande fatia dos produtores de vídeos do site do Google. Uma grande quantidade de jogos para PC e consoles já conseguem rodar nesta taxa de atualização há algum tempo.

Busca do YouTube já apresenta milhares de vídeos com 60 FPS (Reprodução) — Foto: TechTudo

O significa FPS?

O termo “quadros por segundo” significa a quantidade de “frames” que um dispositivo consegue exibir dentro deste período de tempo. Quanto maior for esta taxa, maior será a fluidez, seja do vídeo gravado, ou do game que está sendo jogado. Essa qualidade extra pode ser melhor notada em cenas de ação.

Mais do TechTudo