Por Da Redação; da BGS 2014


League of Legends é um dos jogos mais populares do momento. Prova disso é que, mesmo tendo perdido o campeonato mundial, a equipe Kabum E-Sports mal consegue andar pela BGS 2014 sem receber inúmeros pedidos de fotos e autógrafos. O TechTudo entrevistou o time que está colhendo os frutos do crescimento do e-sports no Brasil e aprendendo a conviver com a fama de ídolos nacionais:

Time Kabun E-Sports colhe frutos de feito inédito para o Brasil (Foto: Matheus Vasconcellos / TechTudo) — Foto: TechTudo

Do anonimato à idolatria

Juntos há pouco mais de um ano, Bruno, Minerva, Pedro, Ziriguidum, Dans, Thiago e Daniel são considerados mitos pelos fãs de League of Legends. "Para nós é muito legal conviver com toda essa torcida. Ano passado, o Campeonato Brasileiro reuniu mil pessoas, depois 3 mil e agora, na última final tínhamos um público de 8 mil pessoas empolgadas no Maracanãzinho", disse Bruno, o diretor da equipe.

O jogador Dans contou que a torcida é essencial para que o time esteja motivado para ganhar: "O melhor de tudo é que eles só veem o que a gente tem de bom. Eles só vem até nós pra elogiar e isso é muito legal. O carinho deles quando a gente vem a um evento como a BGS deixa a equipe muito feliz".

Público lotou o estádio do Maracanãzinho (Foto: Zingara Lofrano / TechTudo) — Foto: TechTudo

Gustavo, que prefere ser chamado pelo seu codinome Minerva, é o jogador mais disputado entre os fãs. Na final do Campeonato Brasileiro de League of Legends, ele foi autor de uma Quadra Kill, eliminando quatro jogadores da equipe adversária e levando o público de mais de 6 mil pessoas ao delírio. "É um prazer esse carinho todo comigo. Sou muito grato a esse público por gritarem meu nome e serem nossa torcida".

No final de setembro a Kabum se tornou a primeira equipe brasileira a participar do Campeonato Mundial na Coréia do Sul e, apesar de ter ganhado algumas partidas, foi eliminada na primeira fase. "Foi uma experiência única, fomos os primeiros brasileiros a conseguir isso e por isso estamos muito felizes", diz Dans.

Agora a Kabum vai disputar uma vaga no Mundial de League of Legends (Foto: Tais Carvalho) (Foto: Agora a Kabum vai disputar uma vaga no Mundial de League of Legends (Foto: Tais Carvalho)) — Foto: TechTudo

E quem pensa que o time brasileiro está de folga curtindo sua fama, está enganado. Pedro "Ziriguidum", treinador da equipe, avisa que a preparação para os torneios do ano que vem já começou: "A preparação pro brasileiro começa bem antes. Assim que ganhamos um campeonato precisamos começar a pensar nos outros para estar bem preparados pra chegar lá bem treinado e ganhar de novo".

Qual é o melhor jogo: DotA ou LoL? Opine no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo