Publicidade

Por Da Redação; Para O TechTudo


A LG lançou recentemente no Brasil dois modelos "irmãos" do top de linha LG G3. São os LG G3 Stylus e o LG G3 Beat, que trazem preços e especificações técnicas inferiores às do smartphone original, mas podem ser interessantes para alguns usuários que querem economizar.

Os novos modelos prometem satisfazer quem procura um celular para funções mais básicas, sem deixar de lado o design elegante. Esse é o seu caso? Então, veja o comparativo entre os membros da família G3 e descubra qual combina mais com o seu dia a dia.

O LG G3 conta com Android 4.4.2 (KitKat), Bluetooth, NFC, 3G e 4G (Foto: Lucas Mendes/TechTudo) — Foto: TechTudo

LG G3

O modelo original, mais conhecido e avançado dos três, tem uma tela de 5,5 polegadas com resolução 1440 x 2560 pixels (534 ppi) e mede 146,3 x 74,6 x 8,9 mm, com só 149 g de peso. É um aparelho ao mesmo tempo grande, leve e fino, que conta com a qualidade de imagem altíssima no seu display.

Para quem deseja entretenimento e performance de alto nível, é a melhor escolha. Isso porque tem o hardware mais robusto da série: com processador quad-core de 2,5 GHz, memória RAM de 2 GB ou 3 GB e espaço para armazenamento de arquivos de 16 GB ou 32 GB, além de uma bateria de 3.000 mAh.

Na fotografia e filmagem, o aparelho também é top de linha, com imagens estáticas de até 13 megapixels e vídeos com qualidade 2K. Sua câmera traseira conta ainda com o estabilizador de imagem ótico, flash dual-LED e autofoco. A frontal tem 2,1 megapixels para videochamadas. Pode ser encontrado por preços a partir de R$ 1,7 mil.

LG G3 Stylus

A variação Stylus do G3 tem esse nome porque vem acompanhada de uma caneta stylus, ideal para quem precisa trabalhar com desenhos, gráficos e planilhas no seu gadget. No entanto, o aparelho tem especificações técnicas bem mais modestas que as oferecidas pela versão original.

G3 Stylus conta com caneta para os usuários (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

A tela tem o mesmo tamanho, 5,5 polegadas, mas resolução bem menor, de apenas 540 x 960 pixels (200 ppi). Ou seja, a qualidade de imagem não é tão boa. Seu corpo também é mais robusto, com 149,3 x 75,9 x 10,2 mm, e além disso, ele é mais pesado, somando 163 g.

Na parte interna, então, as diferenças são ainda maiores: processador quad-core de 1,3 GHz, 1 GB de RAM e 8 GB para armazenamento de arquivos. Só a bateria, com 3.000 mAh, e a câmera, com 13 megapixels, se assemelham ao G3 original. O preço, porém, é menor: R$ 1.199.

Qual smartphone é o melhor, LG G3 ou Xperia Z2? Descubra no Fórum do TechTudo.<b></b>

LG G3 Beat

Assim como o Stylus, o G3 Beat é uma variação bem mais modesta do G3 original. Ele conta com o hardware menos atrativo da linha, porém seu preço é o mais competitivo: R$ 999. No LG G3 Beat, a tela tem as mesmas 5,5 polegadas dos outros modelos, mas com 1280 x 720 pixels, gerando uma qualidade melhor que a do Stylus.

Beat é o modelo mais barato, custando só R$ 999 (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Além disso, ele é o mais leve da linha, com 134 g, e seu corpo mede 137,7 x 69,6 x 10,3 mm. Ou seja, é mais portátil do que o Stylus, sendo a melhor opção para aquele usuário que busca um gadget com tela grande. Porém, não é possível exigir muito de suas especificações.

Ele tem 8 GB de memória interna, 1 GB de RAM, câmera traseira de 8 megapixels, bateria de 2.460 mAh e processador Snapdragon 400 de 1,2 GHz, quad-core. Tanto Beat como Stylus têm ainda os recursos inovadores do G3, como Clique e Fotografe, Smart Keyboard, QuickMemo+ e Quick Selfie.

Conclusão

A linha G3 da LG tem modelos bem variados e cuja diferenciação pode ser feita de maneira bastante simples: o top é o G3, o Stylus é voltado para os negócios e Beat pode ser a opção para o usuário que deseja um smartphone de qualidade, mas não quer (ou não pode) gastar muito.

A melhor opção em performance é o gadget “original”, que também acaba sendo o mais caro. A diferença de preço entre eles, especialmente entre o G3 e o G3 Stylus, não chega a ser tão grande, e talvez valha o esforço para adquirir o modelo principal, e obter um aparelho com melhor desempenho.

Mais do TechTudo