Publicidade

Por Da Redação; do MWC 2015


O LG Watch Urbane, na verdade, são dois. O lançamento da empresa sul-coreana deu as caras no MWC 2015 em suas duas versões: o Watch Urbane e o Watch Urbane LTE. Além do nome do segundo já indicar a compatibilidade com chips de operadora, os aparelhos se diferem no design e até mesmo no sistema operacional. Vimos a novidade de perto e você confere nossas primeiras impressões abaixo.

watch urbane (Foto: Isadora Díaz/TechTudo) — Foto: TechTudo


O Watch Urbane "original" segue a linha dos smartwatches convencionais, e até toma emprestado uma pegada do design do último aparelho da companhia, o G Watch R. Apesar disso, ele é notadamente maior e mais pesado que os concorrentes, a tomar como exemplo o Moto 360, que também conta com tela redonda. O fato não é justificado pelo tamanho da tela, uma vez que o relógio da Motorola traz um display de 1,56 polegada enquanto o do novato da LG mede 1,3 polegada.

A diferença de tamanho é inteiramente justificada pelo design: trata-se de um smartwatch bonito e muito bem acabado, com "cara de relógio caro". No MWC, porém, ele perde o posto de mais bonito para o também recém-anunciado Huawei Watch, sobre o qual escrevemos há alguns dias

watch urbane (Foto: Isadora Díaz/TechTudo) — Foto: TechTudo



Como já tem sido comum, o Watch Urbane roda Android Wear na sua versão sem chip, e por isso conta com todos os prós e contras do sistema. É um sistema interessante e promissor? É. Mas ainda faltam aplicativos terceiros compatíveis e mais funcionalidades além do combo principal de central de notificações, monitor fitness e GPS.

Qual o produto mais esperado do MWC 2015? Opine no Fórum do TechTudo.

O Watch Urbane LTE, por outro lado, é um relógio completamente diferente. Aliás, achamos bastante curioso os dois trazerem o mesmo nome, o que pode gerar confusão. De início, o Watch Urbane LTE conta com entrada para chip de operadora, e pode funcionar de maneira completamente independente do smartphone. Ele tem como sistema operacional o webOS, o mesmo presente nas smart TVs da LG e que tem um desempenho bem interessante.

watch urbane (Foto: Isadora Díaz/TechTudo) — Foto: TechTudo


Ele é compatível com alguns aplicativos do Android Wear e apresenta basicamente as mesmas funções principais do Watch Urbane, com a adição de um punhado de programas da LG embarcados. Em relação à bateria, a versão LTE sai na vantagem em termos técnicos, mas isso não deve fazer tanta diferença no dia a dia tendo em vista o consumo elevado do próprio 4G. 

watch urbane (Foto: Isadora Díaz/TechTudo) — Foto: TechTudo


O modelo LTE é bem parecido com a versão do Android Wear, mas conta com a adição de dois botões extras à direita. O com 4G também é um pouco mais robusto e conta com bordas mais espessas de metal, o que se reflete do seu peso: são 115 g, o que faz dele um dos relógios inteligentes mais pesados do mercado. Visto de perto, ele não deixa de ser bonito, embora um pouco exagerado.

watch urbane (Foto: Isadora Díaz/TechTudo) — Foto: TechTudo



Ambos os aparelhos são compatíveis com smartphones que rodem Android a partir da versão KitKat. Os modelos não tem data nem preço para chegar ao Brasil. 

Mais do TechTudo