Por Da Redação; Para O TechTudo


O Moto G 3 conta com um recurso nativo para gerenciar a bateria do smartphone. Com ele, é possível descobrir quais aplicativos estão consumindo mais energia do celular e encerrá-los. Também é possível tomar outras medidas para poupar a carga do celular, como diminuir o brilho e desativar as notificações do aparelho. 

Veja como usar o recurso e aproveitar ao máximo os 2.470 mAh do seu smartphone - sem precisar baixar nenhum aplicativo extra. 

Passo 1. No seu Moto G 3º Geração, acesse o menu central e depois toque em “Configurar”;

Acesse as configurações do Moto G 3 no menu Android (Foto: Reprodução/Barbara Mannara) — Foto: TechTudo

Passo 2. Role a tela até encontrar o item “Dispositivo” e toque na opção de “Bateria”. Note que há um gráfico no topo mostrando o gasto diário, horário de pico, porcentagem da bateria e quantas horas falta para acabar. Toque nele para mais detalhes;

Acesse o gráfico de consumo no Moto G 3 (Foto: Reprodução/Barbara Mannara) — Foto: TechTudo

Passo 3. Role a tela para observar quais recursos estão consumindo a bateria do celular. Caso algum aplicativo esteja na lista, clique sobre ele e depois em "Forçar Parada”;

Encerre os recursos que estão drenando a bateria do celular (Foto: Reprodução/Barbara Mannara) — Foto: TechTudo

Passo 4. Também é possível economizar bateria ajustando conexões e recursos, como o brilho e tempo ativo da tela. Para isso, selecione o item, toque no botão “Tela”, no exemplo, e faça ajustes nos níveis de brilho, reduza o modo de espera, desative notificações e mais;

Ajuste os recursos de tela para economizar bateria (Foto: Reprodução/Barbara Mannara) — Foto: TechTudo

Passo 5. Note que o Wi-Fi ligado de forma desnecessária também pode gastar a carga. Selecione o item correspondente na lista, toque em “Wi-Fi” e desligue a chave ao lado de “Ativado”. Essa configuração é recomendada quando o usuário está navegando pela rede 3G/4G.  

Desative conexões desnecessárias no Moto G 3 (Foto: Reprodução/Barbara Mannara) — Foto: TechTudo

Pronto. Agora basta ficar de olho no consumo de carga do Moto G 2015 para saber quando é a hora de colocar ele na tomada.

Mais do TechTudo