Publicidade

Por Da Redação; Para O TechTudo


A Microsoft aparentemente vai incluir uma nova versão do Surface Book, notebook conversível anunciado no início do mês. O modelo, que chegou a ser incluído na loja oficial da companhia mas já foi retirado, possui GPU Nvidia e sai a US$ 1.699 (cerca de R$ 6.600). O preço é um dos mais baixos da linha, que conta com variantes de até US$ 3.199 (R$ 12.500).

O que tornou esta variante barata foi a redução do armazenamento. Todas os modelos com placa gráfica discreta apresentados anteriormente têm 256 GB de SSD, enquanto a nova versão possui só 128 GB. Assim, seu preço ficou idêntico ao do Surface Book com os mesmos 8 GB de RAM e processador Core i5, mas sem a GPU Nvidia e com o dobro de memória.

Em todas configurações, o híbrido de notebook e tablet possui tela touch de 13,5 polegadas, com 3.000 x 2.000 pixels e 267 ppi. O clipboard apresenta câmeras traseira e frontal, com resolução de 8 e 5 megapixels, respectivamente – a principal grava em 1080p. Há duas portas USB 3.0, entrada para cartão SD, Bluetooth 4.0 e Wi-Fi a/b/g/n e ac. A bateria tem 12 horas de autonomia.

O que muda de uma versão para outra, além do armazenamento e placa gráfica, são as opções de processador e RAM. O consumidor pode escolher entre modelos com 8 GB ou 16 GB de RAM, e também entre chipset Core i5 ou i7. A configuração mais básica disponível – com Core i5, 8 GB de RAM, 128 GB de armazenamento e sem GPU dedicada – custa US$ 1.499 (R$ 5.800).

O Surface Book roda Windows 10 Pro e vem com uma versão de testes do Office instalada. O dispositivo acompanha a Surface Pen, que permite maior precisão ao desenhar e escrever na tela do tablet.

O corpo, contando com o teclado destacável, pesa 1,5 kg e está disponível na cor prata. Ele começa a ser vendido nesta segunda-feira (26) nos Estados Unidos, mas ainda não há informações sobre disponibilidade no Brasil.

Mais do TechTudo