Publicidade

Por Da Redação; Para O TechTudo


Comprar um celular com Windows Phone em 2016: eis a dúvida de muitos. O sistema que popularizou os smartphones da linha Lumia tem avaliações positivas no Brasil, mas perde muitos usuários para o Android e o iPhone (iOS). Isso tudo é devido à falta de apps e outros problemas.

Ainda assim, os telefones da Microsoft – e da Nokia – chamam atenção pelos preços interessantes, câmeras boas e alto desempenho. A marca ainda apresenta opções de smartphones com configurações melhores, como o Lumia 930 ou o Lumia 950 XL. Vale a pena investir em um smartphone com Windows Phone? Descubra cinco motivos para comprar e cinco para fugir da plataforma móvel. 

Windows Phone é bastante popular no Brasil, mas tem enfrentado problemas (Foto: Divulgação/Microsoft) — Foto: TechTudo

Motivos para comprar

1. O sistema tem bom desempenho e custo-benefício

Desde o sucesso do Lumia 520, a Microsoft tem focado em lançar aparelhos baratos e de bom desempenho. Um exemplo disso é o Lumia 435, que conta com TV Digital e suporte a DualSIM. Ele custa a partir de R$ 370 em lojas online. O smartphone recebeu nota máxima no review do TechTudo nos quesitos desempenho e custo-benefício. 

Outros aparelhos bem avaliados pelo TechTudo também foram o Lumia 535 e o Lumia 640, que também tem preços competitivos. Os dois telefones têm telas gigantes, processadores quad-core e vão receber atualização para o Windows 10 Mobile.

2. Os Lumias continuam tendo boas câmeras e aplicativos para fotos

A Nokia e a Microsoft ganharam destaque graças às câmeras PureView dos Lumias. O grande destaque fica para o Lumia 1020 – e sua resolução de incríveis 41MP – e para o Lumia 730, com câmera grande angular para selfies. É possível conferir dicas para fazer melhores fotografias com os celulares.

Para completar, os aplicativos nativos para capturar e editar imagens são muito satisfatórios, como Lumia Selfie, que traz diversos filtros e correções para rostos e o Cinemagraph, com ótimas animações e fotos no estilo GIF. 

3. Lumias recebem atualizações durante muito tempo

Após deixar usuários do Windows Phone 7 sem atualizações, a Microsoft tem atualizado todos os Lumias lançados desde 2012. Um bom exemplo disso é o Lumia 920, apresentado há quatro anos, que deve receber o Windows 10 Mobile, assim como smartphones recentes. Entre os dispositivos com Android, por exemplo, o Galaxy S3 tem a mesma idade do Lumia 920 e parou de ganhar atualizações depois da versão 4.3 (Jelly Bean). 

A vantagem de continuar com o sistema atualizado é ter acesso às versões mais recentes de jogos e apps. Além disso, os aparelhos Lumia tendem a receber as atualizações de segurança mais novas, enquanto celulares Android podem ficar sem cobertura mais rapidamente. 

4. O sistema é muito usado no Brasil

Embora a participação tenha caído para 1,1% nas vendas em todo mundo, o Windows Phone é o segundo sistema mais popular do Brasil. Por aqui, a plataforma da Microsoft cresceu de 4% para 5,1% no fim de 2015, segundo o Kantar WorldPanel, ficando à frente do iPhone (2,8%) e perdendo para o Android (91,8%).

Lumia 435 é opção barata e popular no Brasil com Windows Phone (Foto: Divulgação/Microsoft) — Foto: TechTudo

A boa notícia para quem pensa em comprar um Lumia é que o número, possivelmente, fará com que mais apps nacionais ou serviços focados no Brasil sejam lançados para a plataforma. Um exemplo disso foi o Nubank, disponibilizado após forte mobilização de usuários do Windows Phone em redes sociais.

5, O Windows 10 Mobile pode melhorar problemas com apps

Previsto para chegar nos próximos meses, o Windows 10 Mobile traz dois grandes trunfos para aumentar a loja do sistema: os aplicativos universais e a portabilidade de programas do Android e iOS. Algumas opções já estão disponíveis, como o app TuneIn Radio e todos os games da franquia Candy Crush Saga. No entanto, é preciso aguardar para ver se a expectativa da Microsoft vai se concretizar.

Motivos para fugir do Windows Phone

1. Falta de aplicativos ainda é um grave problema

Completando seis anos em fevereiro, o Windows Phone ainda não conseguiu resolver sua maior fraqueza: a falta de bons apps no sistema. Ainda hoje, smartphones Lumia não têm aplicativos de peso como Tinder, Snapchat e Periscope, contando apenas com versões não-oficiais, que nem sempre funcionam corretamente. Além disso, serviços do Google, como Gmail e YouTube, continuam indisponíveis.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone.

Outro problema na Windows Store é a baixa qualidade ou até mesmo o abandono dos programas já existentes. O Instagram continua na versão beta desde 2013, o Facebook não tem várias das funções presentes no Android ou iOS, e o Waze sequer tem outras vozes de navegação. Há ainda serviços que simplesmente retiraram seus apps da loja, com destaque para a rede social Pinterest.

2. A Microsoft atrasa demais

Um ponto que tem estremecido a relação entre a Microsoft e os clientes são os constantes atrasos da empresa. O Windows 10 Mobile, por exemplo, estava previsto para chegar ao Lumia até dezembro. Apesar disso, seis meses após a chegada para PC, o sistema ainda não foi liberado, nem conta com previsão de lançamento.

Outro caso que irritou usuários foi a Cortana em português, que deveria chegar para os participantes do programa Windows Insider até o fim de 2015. No entanto, o executivo da empresa Gabe Aul confirmou o atraso para este ano, sem revelar o motivo.

3. É possível encontrar aparelhos Android com bom custo-benefício

Apesar de o Lumia 435 ser imbatível, há aparelhos Android com preços bastante competitivos, sistema atualizado e a loja de aplicativos Google Play Store completa. Entre os exemplos estão o Redmi 2 e o Redmi 2 Pro, que custam R$ 499 e R$ 699, respectivamente. Para completar, o popular Moto E 2 tem preço de somente R$ 649. 

4. Até os apps da Microsoft chegam mais completos no Android e iPhone

A Microsoft poderia compensar a falta de apps de terceiros com opções próprias no Windows Phone, mas não é isso que a empresa tem feito. O Office Mobile e o OneNote são mais completos no iPhone e no Android do que no atual Windows Phone 8.1, mesmo problema encontrado no Outlook. A empresa, por sua vez, promete apps renovados no Windows 10 Mobile. 

Qual é o melhor sistema operacional móvel? Comente no Fórum do TechTudo.

Em outros casos, aplicativos da fabricante foram lançados nas plataformas rivais, mas não têm nem previsão de chegada aos Lumias. O Mimicker Alarm, por exemplo, é um despertador exclusivo para Android, o Tossup organiza encontros em grupos, e o Fetch reconhece a raça do cachorro pela foto. Esses todos estão indisponíveis no Windows Phone.

5. A Microsoft demora a lançar os celulares no Brasil

Lumia 950 XL ainda não tem previsão para chegar ao Brasil (Foto: Reprodução/Elson de Souza) — Foto: TechTudo

Quem acompanha as notícias sobre smartphones pode se decepcionar quando o assunto é Lumia. Apesar da popularidade do sistema no Brasil, novos telefones, como Lumia 950 e Lumia 550, ainda não têm previsão de desembarcar no país. Esses aparelhos contam com especificações mais poderosas, Windows 10 de fábrica e recursos como o modo Continuum

A decepção, aliás, deve ser ainda maior para quem busca ter as configurações mais avançadas no celular. Afinal, o Lumia 950 XL vai ter lançamento no Brasil com processador Snapdragon 810, ao mesmo tempo em que telefones equipados com chips mais poderosos, como o Snapdragon 820, começam a ser anunciados.

Mais do TechTudo