Por Da Redação; Para O TechTudo


O Windows 10 vai ganhar uma nova versão do Windows Defender. Voltado para clientes corporativos, o Windows Defender Advanced Threat Protection para empresas oferece uma nova camada de proteção, que passa a funcionar mesmo depois de alguma infecção por arquivo malicioso. A nova versão do antivírus vai estar disponível apenas para usuários que fazem parte do Windows Insider e não estará liberada para download para usuários comuns.

A Microsoft explica o novo Microsoft Windows Defender como um complemento para as medidas de segurança já integradas ao Windows 10. O serviço funciona depois que ocorre uma invasão, isolando a ameaça e provendo os responsáveis por uma rede de informações para controle da ameaça e identificação de pontos fracos na estrutura.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

De acordo com a Microsoft, o Advanced Threat Protection opera aliando as tecnologias já usadas no Windows Defender para identificação de vírus, mas expande essas capacidades com diversos recursos que funcionam a partir da nuvem. Como, por exemplo, a possibilidade de detonar arquivos suspeitos em máquinas virtuais rodando em servidores da Microsoft, isolando completamente uma rede corporativa de qualquer ameaça proveniente desse tipo de arquivo.

Por enquanto, o Advanced Threat Protection é uma evolução do Windows Defender - pré-instalado no Windows, para rodar em computadores e redes que aplicam o serviço da Microsoft em larga escala e deve ser lançada oficialmente na atualização Redstone do Windows 10. A chegada desse serviço tão especializado para usuários domésticos não é garantida.

Qual é o melhor antivírus móvel? Veja as dicas no Fórum do TechTudo.

Via Windows, ZDNet

Mais do TechTudo