Por Da Redação; Para O TechTudo


Resident Evil 7 pretende levar a famosa franquia de terror de volta as suas raízes com grande foco no medo e tensão em vez de ação como os recentes capítulos. O game tem uma série de mistérios para manter os jogadores interessados até seu lançamento em 24 de janeiro no PS4, Xbox One e PC. Confira algumas dessas curiosidades e bizarrices:

Uma distante ligação

Desde a revelação da demo The Beginning Hour os jogadores mais fiéis da franquia reclamaram que não parecia haver ligação com os capítulos anteriores de Resident Evil. No entanto, uma foto encontrada na demo revelou que a corporação Umbrella, os antigos vilões da série, espionavam a família Baker, atuais vilões, há algum tempo.

Resident Evil 7 exibe uma pequena ligação com a Umbrella, empresa vilã da série (Foto: Reprodução/DTG Reviews) — Foto: TechTudo

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Assim como aconteceu em Resident Evil 4, no qual os zumbis e o T-Virus foram trocados pelos “ganados” e “las plagas”, os interesses da Umbrella envolviam encontrar acontecimentos incomuns em qualquer parte do mundo para transformá-los em armas. As propriedades sobre-humanas dos Bakers com certeza seriam úteis para os objetivos da companhia.

O atual mundo de Resident Evil

Algo que nem todos os jogadores perceberam é que Resident Evil 7 se passa no mesmo mundo criado pelos seis capítulos anteriores. Cronologicamente seus eventos ocorrem em meados de 2017, 4 anos após os acontecimentos de Resident Evil 6 que foram no final de 2012. Este é um mundo que já viu o poder das armas biológicas, no qual infestações de zumbis realmente aconteceram.

O mundo de Resident Evil 7 conhece os horrores das armas biológicas, como no incidente em Terragrigia (Foto: Reprodução/YouTube) — Foto: TechTudo

Onde estão os outros personagens?

O protagonista de Resident Evil 7 chama-se Ethan Winters, estreante na franquia e um mero civil que se vê em uma situação inacreditável. Segundo os produtores, personagens como Leon S. Kennedy e Chris Redfield ainda estão pelo mundo e enfrentam ataques biológicos, mas a história do sétimo game se passa em um local muito isolado e longe dos olhos da força antiterror BSAA.

Personagens como Chris e Leon ainda existem no mundo de Resident Evil 7, apenas não estão por perto (Foto: Reprodução/Push Square) — Foto: TechTudo

As diversas semelhanças com P.T.

Assim que a demo de Resident Evil 7 foi lançada muitos jogadores perceberam sua extrema semelhança com a demo P.T. do cancelado game Silent Hills da Konami. Ambos os jogos exploravam um retorno a suas raízes de terror com uma inusitada mudança para visão em primeira pessoa para investigar uma casa com visual bem realista.

Até mesmo o conceito de primeiro lançar uma demo cheia de mistérios escondidos com a intenção de angariar interesse para o jogo completo é parecido entre os dois. Os criadores de Resident Evil 7 afirmaram que tudo não passa de coincidência, pois o game já estava em desenvolvimento antes de P.T. ser lançado. Ainda assim é bem curioso que as duas mais populares séries de terror tenham tido a mesma ideia juntas.

Segundo os produtores, Resident Evil 7 tem várias semelhanças com a demo P.T. por coincidência (Foto: Reprodução/Silent Hills Wiki) — Foto: TechTudo

Uma demo em camadas

Ainda sobre a demo de Resident Evil 7, um fato curioso é que ela foi lançada por etapas, as quais lentamente adicionavam mais conteúdo e davam mais pistas aos jogadores. A primeira versão da demo nem mesmo tinha uso para todos os itens, apenas duas atualizações seguintes deram ao jogador um certo senso de conclusão.

A cada atualização da demo de Resident Evil 7 mais novidades eram inseridas, como os estranhos monstros do porão (Foto: Reprodução/YouTube) — Foto: TechTudo

O mistério do Dedo de Manequim

Um dos itens que não tinha propósito inicialmente na demo foi o famoso “Dedo de Manequim”. Havia manequins pela casa, porém eles não tinham braços e o item não tinha qualquer função. Os jogadores começaram a ficar obcecados até que a Capcom emitiu um comunicado que dizia “O caminho por enquanto está fechado, mas paciência...”.

Para acalmar os fãs de Resident Evil 7 a Capcom avisou que era preciso paciência para descobrir a função do Dedo de Manequim (Foto: Reprodução/Reddit) — Foto: TechTudo

Na última atualização da demo, lançada em dezembro de 2016, o Dedo de Manequim foi usado em um complexa enigma que garante ao jogador um novo item, uma “Moeda suja”. De todo o conteúdo da demo The Beginning Hour, apenas essa moeda será transferida para o game completo, apesar de ainda não se saber o que ela desbloqueia.

A garota “fantasma”

Durante a demo de Resident Evil 7 é possível encontrar uma fita VHS que conta a história de uma equipe de TV que esteve na mansão antes do jogador, porém o que nem todos percebem é que há um tipo de “fantasma” no vídeo. Em vários momentos, em locais predeterminados, a imagem de uma garota macabra pode ser avistada antes de rapidamente desaparecer.

A Capcom afirmou que não haverá elementos sobrenaturais no jogo, então a identidade dessa “fantasma” se torna ainda mais misteriosa.

As aparições da garota fantasma na demo de Resident Evil 7 permanecem um mistério (Foto: Reprodução/YouTube) — Foto: TechTudo

Edição de colecionador sem o jogo

Fãs da série que tiverem algum dinheiro extra para investir poderão conseguir uma edição de colecionador de Resident Evil 7 que acompanha uma réplica em miniatura da casa dos Bakers, um pendrive no formato do dedo de manequim e mais.

Curiosamente esta versão não acompanha o jogo em si, prática que tem se tornado mais comum nas edições de colecionador de grandes games.

A edição de colecionador de Resident Evil 7 traz réplicas incríveis, mas estranhamente não acompanha o game (Foto: Reprodução/VG247) — Foto: TechTudo

Mais que uma mansão

Em todos os vídeos promocionais e demos, Resident Evil 7 dá a impressão que jogadores explorarão apenas uma grande mansão da família Baker, mas um detalhe pouco conhecido é que haverá mais locais. Segundo os produtores, a ação do game irá se desenrolar em toda a propriedade dos Bakers, o que inclui outros locais fora da casa inicial e um trailer que Ethan utiliza como base de operações.

Ethan irá usar um trailer fora da casa dos Bakers como base de operações em Resident Evil 7 (Foto: Reprodução/Gematsu) — Foto: TechTudo

História sem fim

Após completar a aventura de Ethan, os jogadores poderão ter algumas surpresas. A Capcom anunciou que lançará mais histórias para o game através de DLCs. O primeiro deles, “Not a Hero” será lançado no segundo trimestre de 2017 e será gratuito. Outros DLCs pagos serão lançados também, como “Ethan deve morrer”, “21″, “Filhas” e “Aniversário de 55 anos de Jack”.

Resident Evil 7 já tem pelo menos 7 histórias extras confirmadas para depois de seu lançamento (Foto: Reprodução/Gematsu) — Foto: TechTudo

Qual o melhor game da série Resident Evil? Comente no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo