Core i5 6400 ou Core i5 7400: veja qual processador intermediário é melhor

Conheça em detalhes os Core i5 6400, de sexta geração, e o i5 7400, de sétima, para saber qual dos dois processadores é a melhor escolha

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Filipe Garrett, para o TechTudo

Não é todo mundo que põe a mão no bolso e busca investir pesado nos Core i7 ou Ryzen R7, mais caros na hora de montar um PC novo ou até mesmo realizar um upgrade num computador mais antigo. O mercado de processadores intermediários é muito interessante e rico em opções, já que tanto Intel como AMD costumam desenvolver dezenas de processadores com especificações similares para ocupar essa faixa do mercado.

No comparativo a seguir, você vai descobrir qual é a melhor escolha entre dois ótimos representantes desse nicho: os Core i5 6400 e 7400, quad-cores de sexta e sétima geração da Intel, respectivamente.

Vantagens do Core i5 7400

Core i5 7400 apresenta vantagens de velocidade de processamento e comunicação com a RAM (Foto: Divulgação/Intel) Core i5 7400 apresenta vantagens de velocidade de processamento e comunicação com a RAM (Foto: Divulgação/Intel)

Core i5 7400 apresenta vantagens de velocidade de processamento e comunicação com a RAM (Foto: Divulgação/Intel)

Além de ser mais recente, esse processador apresenta duas vantagens perceptíveis e que podem ajudar o usuário na hora de decidir qual é o melhor investimento.

A primeira delas é a frequência de operação. Essa CPU funciona com velocidades que oscilam entre 3 e 3.5 GHz, enquanto que o 6400 opera numa faixa com teto menor, entre 2.7 e 3.3 GHz. A diferença é até considerável, porque mesmo em modo de baixa demanda, o i5 7400 funciona num piso 300 MHz mais alto do que aquele oferecido pelo 6400. Se você precisa de uma boa CPU para jogos muito pesados e aplicações exigentes, o i5 7400 é melhor escolha.

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Outra vantagem perceptível do processador da sétima geração está no suporte à memória. O Core i5 7400 suporta DDR4 até 2.400 MHz, enquanto o i5 6400 estaciona em 2.133 MHz. Essa velocidade mede o ritmo de troca de dados entre CPU e RAM durante a operação do sistema e, em geral, quanto mais rápida for essa comunicação, superior será o desempenho do sistema: somem os gargalos de leitura de memória e o computador passa a impressão de ser muito mais rápido.

Mas essa vantagem é relativa a dois aspectos: primeiro, você precisa usar RAM que tenha especificações que tirem proveito dessa vantagem. Segundo, essa vantagem só vai ser perceptível em aplicações que precisem de muita memória.

Vantagens do Core i5 6400

Core i5 6400 não apresenta vantagens de preço no mercado brasileiro (Foto: Divulgação/Intel) Core i5 6400 não apresenta vantagens de preço no mercado brasileiro (Foto: Divulgação/Intel)

Core i5 6400 não apresenta vantagens de preço no mercado brasileiro (Foto: Divulgação/Intel)

A situação do i5 6400 é complicada do ponto de vista técnico: a CPU da sexta geração não tem rigorosamente nenhuma vantagem técnica em relação ao 7400: inferior em velocidade e especificações de memória, ela também fica para trás em suporte a novas tecnologias (Optane só funciona na sétima geração). Outros aspectos técnicos, como TDP e quantidade de cache registram empate entre as duas CPUs.

Mais antiga, seria de se considerar que essa CPU seja encontrada num preço mais acessível no mercado, o que também é questionável: as grandes lojas do ramo no mercado brasileiro colocam o i5 6400 numa faixa que oscila entre R$ 720 e R$ 750. O Core i5 7400, superior tecnologicamente e bem mais rápido, pode ser adquirido no Brasil numa faixa que vai de R$ 730 a R$ 780.

Conclusão

Core i5 7400 é uma melhor escolha em todos os sentidos (Foto: Divulgação/Intel) Core i5 7400 é uma melhor escolha em todos os sentidos (Foto: Divulgação/Intel)

Core i5 7400 é uma melhor escolha em todos os sentidos (Foto: Divulgação/Intel)

É comum que, de uma geração para outra, as diferenças entre processadores sejam pequenas a ponto de que, em muitos casos, investir na versão mais antiga faça sentido do ponto de vista do custo-benefício: ainda que mais lenta, a CPU com mais tempo de mercado tende a ter preços mais baixos, compensando o desempenho inferior para uma grande quantidade de consumidores.

Mas nesse caso, numa comparação entre i5 6400 e i5 7400, essa situação não se repete. Em termos de desempenho, o processador da sétima geração, mais novo, é bem superior, especialmente se pareado com RAM DDR4 de 2.400 MHz. O maior desempenho não representa maior consumo, já que tanto 6400 como 7400 dissipam 65 watts de energia e, como se não bastasse tudo isso, o preço dos dois produtos é equivalente.

A não ser que os preços do i5 6400 caiam vertiginosamente, possibilidade em aberto conforme o produto vai ficando mais antigo no mercado, não há razão, no momento, para fugir do 7400: mais rápido, mais avançado e com preço equivalente, o i5 mais novo é, de longe, a melhor escolha do momento.

MAIS DO TechTudo