Amazon defende autopublicação para escritores no Wired Festival Brasil

KDP foi tema de mesa durante o evento, que contou com a participação de autores independentes.

email facebook googleplus pinterest twitter whatsapp

Por Isadora Díaz, do Wired Festival Brasil 2017, São Paulo

O Kindle Direct Publishing, da Amazon, foi tema de mesa no Wired Festival Brasil 2017 nesta quinta-feira, dia 8. A ferramenta, desenhada para que escritores possam publicar seus próprios livros de maneira independente, é uma alternativa ao mercado editorial tradicional. O KDP tem como principal vantagem a praticidade e a promessa de um percentual de ganhos de até 70% sobre preço de capa de um livro oferecido na loja virtual.

Ricardo Garrido, Alexandra Farah e Raiam Santos na mesa da Amazon no Wired Festival Brasil 2017 (Foto: Divulgação) Ricardo Garrido, Alexandra Farah e Raiam Santos na mesa da Amazon no Wired Festival Brasil 2017 (Foto: Divulgação)

Ricardo Garrido, Alexandra Farah e Raiam Santos na mesa da Amazon no Wired Festival Brasil 2017 (Foto: Divulgação)

O sistema foi apresentado no evento pelo gerente geral de aquisição de conteúdo para Kindle da Amazon Brasil, Ricardo Garrido. De acordo com ele, a possibilidade de se autopublicar fez com que vários autores independentes despontassem como expoentes na rede e ainda revelou alguns novos nomes da literatura.

Além disso, o KDP tem sido gradativamente adotado também por autores já consagrados, que optaram pela ferramenta pela baixa burocracia e pelo elevado percentual pago pelos direitos autorais a cada livro vendido. Um exemplo é o escritor Paulo Coelho, com alguns livros virtuais disponíveis diretamente na Amazon.

Estande da Amazon com Kindles no Wired Festival Brasil 2017 (Foto: Helena Yoshioka) Estande da Amazon com Kindles no Wired Festival Brasil 2017 (Foto: Helena Yoshioka)

Estande da Amazon com Kindles no Wired Festival Brasil 2017 (Foto: Helena Yoshioka)

Dois autores estiveram presentes na mesa e contaram um pouco sobre a própria experiência com a ferramenta. A jornalista Alexandra Farah, autora de "101 filmes para quem ama moda", escolheu o KDP como plataforma para a veiculação de seu primeiro livro, que foi escrito usando o Word. Além dela, Raiam Santos falou sobre a publicação de seus sete livros, entre eles o best-seller da Amazon Brasil "Hackeando Tudo", sua primeira obra e a de maior sucesso.

O Kindle Direct Publishing é uma ferramenta gratuita, disponível a todos os usuários e compatível com arquivos Word, ePub, HTML, PDF, Mobi e Kindle 8. Os livros cadastrados online podem ser acessados por leitores de mais de 170 países.

MAIS DO TechTudo