Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Aryzon é um headset de realidade aumentada compatível com telefones celulares, que busca se tornar uma alternativa de baixo custo para quem quer curtir essa tecnologia sem precisar gastar muito.

O Aryzon é classificado pelos seus criadores como o “Cardboard para a realidade aumentada”, fazendo referência ao headset de papelão Google Cardboard, que promove acesso a experiências de realidade virtual de baixo custo. Apresentado no Kickstarter, o projeto do Aryzon chama a atenção pelo montante arrecadado, suficiente para tirar a ideia do papel.

Aryzon permite acessar realidade aumentada com baixo custo e apenas um smartphone — Foto: Divulgação/Aryzon

Embora possa ser comparado à iniciativa de caráter mais simples do Cardboard, o Aryzon é um acessório mais complexo. O headset conta com um conjunto de espelhos e lentes estereoscópicas que, combinadas à tela do celular, criam a sensação de imagens holográficas tridimensionais no ambiente.

Aplicativo do TechTudo: receba as melhores dicas e últimas notícias no seu celular

Usando o papelão para a estrutura, o Aryzon é vendido desmontado. O uso do material simples contribui para que o dispositivo tenha preço tão baixo: o custo de uma unidade, via Kickstarter, fica em US$ 30 (R$ 99, em conversão direta), exatamente 1% do valor cobrado pelo HoloLens, headseat de realidade aumentada da Microsoft, atualmente vendido para desenvolvedores.

Em termos de conteúdo, o Aryzon chega ao usuário com um aplicativo específico que dará acesso a materiais de realidade aumentada. Os criadores do produto, no entanto, prometem expandir o catálogo com novidades ao longo do tempo.

Uso do papelão garante custo baixo ao Aryzon, que custa 1% dos US$ 3.000 de um HoloLens — Foto: Divulgação/Ary

Entre as aplicações mais evidentes da tecnologia, estão o entretenimento com jogos e outras experiências, além de uso em treinamentos e simulações.

A campanha do Aryzon corre por mais 26 dias. O valor de uma cota básica, com direito a uma unidade do headset, fica em € 29 (R$ 106 em conversão direta). O frete para o Brasil fica em R$ 22 e as entregas começam em setembro.

Mais do TechTudo