Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Webinar é termo usado para nomerar conferências, reuniões ou seminários realizados pela Internet. A ideia é usar plataformas específicas de comunicação em tempo real, com vídeo e áudio, para transmitir palestras, discussões, apresentações e aulas para um público grande ─ que pode ser privado ou aberto.

Ao usar softwares específicos, quem realiza a apresentação pode lançar mão de slides, links, mostrar telas do computador e interagir com uma audiência que pode ser formada por pessoas do mundo todo. Além disso, é possível convidar participantes por meio de links e inclusive avisá-los que a apresentação está perto de ocorrer. O termo webinar vem de web-based-seminar, ou “seminário baseado na web”.

Webinar consiste em uma palestra ou conferência realizada por meio da Internet — Foto: Melissa Cruz/TechTudo

A definição mais precisa de webinar é a de uma conferência via Internet na qual a comunicação se dá em via única: o apresentador é quem comanda a sessão e tem a palavra. Contudo, há possibilidade de interação entre participantes e o apresentador via chats.

Do que você precisa?

Apresentador

Para conduzir um webinar, você precisa de um computador, acesso à Internet, câmera (ou webcam), microfone (ou headset). Além disso, você também vai precisar de algum aplicativo específico, ou acesso a uma plataforma web que ofereça os recursos necessários para a condução do seu seminário via Internet. Um exemplo é o aplicativo GoToWebinar.

Para quem assiste

Se a sua ideia é assistir a um webinar, tudo depende da plataforma usada por quem o organiza: se a escolha é de um aplicativo, você provavelmente terá que instalá-lo no seu computador e participar do evento como participaria de uma conversa em grupo em um mensageiro mais simples. Caso o modelo escolhido seja uma plataforma web, então você terá que acessar o site que organiza o webinar. É provável que você precise de uma conta e o convite para ter acesso à apresentação, caso ela seja privada ─ geralmente é acessível apenas com uma senha.

É possível realizar um webinar no YouTube?

Sim, não só no YouTube como em outras plataformas que contenham o recurso de fazer um vídeo ao vivo, como Facebook e Hangout. Assim, usando a transmissão ao vivo e o chat, é possível conduzir uma apresentação na rede. Entretanto, algumas ferramentas não serão tão intuitivas: mostrar a tela do computador, alternar para uma apresentação, por exemplo, podem não ser ações triviais para muita gente e fazer falta para quem apresenta o webinar.

A vantagem de sites e plataformas especializadas nesse tipo de aplicação é a oferta desses recursos de uma forma mais bem resolvida e adaptada às necessidades de quem apresenta e de quem assiste. Contudo, os softwares expecíficos, em sua maioria, são pagos. O GoToWebinar, por exemplo, custa $ 89 (aproximadamente R$ 283 em conversão direta) e dá direito a vídeos com até 100 participantes.

Recursos de um webinar

Em termos de plataformas para esse tipo de comunicação, existem desde aplicativos específicos, que precisam estar instalados nas máquinas de todos os participantes, a sites, que realizam o processo de transmissão via Internet. Dentre os recursos oferecidos estão o download do conteúdo transmitido, gravação enquanto assiste aos vídeos, compartilhamento nas redes sociais, visualização de links enviados pelo apresentador e convite via e-mail ─ inclusive com lembrete do horário de inicio das apresentações. Além disso, em alguns casos, é possível até organizar enquetes e votações com os participantes.

Existem sites e aplicativos especializados para a realização de um webinar — Foto: Reprodução/Filipe Garrett

Só uma pessoa fala?

Não é uma regra, mas um modelo: em geral, um palestrante e sua equipe conduzem o webinar. Mas algumas plataformas oferecem recursos que permitem que a palavra seja dada a qualquer participante. Além disso, embora a ideia seja de que o apresentador é quem fala, há uma série de ferramentas de chat para que a audiência faça perguntas, ou interaja entre si. Muitos webinar costumam oferecer sessões de debate depois do término da apresentação.

Mais do TechTudo