Por Bruno Soares, para o TechTudo


Caixas de som Bluetooth baratas podem deixar o consumidor desconfiado. Por um preço tão baixo, será que o produto vale mesmo a pena? Por isso, antes de se decidir pela compra é bom avaliar as opções. As fabricantes Philips e Multilaser vendem, no Brasil, produtos da categoria que não passam dos R$ 110, sendo alternativas interessantes para quem deseja investir em preço baixo.

Neste comparativo, analisamos as caixas sem fio Philips BT50WX/78 e Multilaser SP174. Se você também está na dúvida, descubra abaixo a melhor opção.

Multilaser ou Philips: quem tem a melhor caixa de som Bluetooth — Foto: Divulgação/Philips

Design: Philips BT50WX/78

No quesito design, temos como vencedora a caixinha BT50WX/78, da Philips. Além de ser bastante portátil, com dimensões de 6,1 X 6,1 x 7,6 cm e peso de 200 g, ela tem um formato cilíndrico que, no site da fabricante, está disponível nas cores branco ou verde com amarelo, o que confere um ar moderno e bastante descontraído ao produto.

Philips BT50WX/78: design mais descontraído — Foto: Divulgação/Philips

A caixa SP174, da Multilaser, não é feia, mas tem um visual mais sério. Com formato retangular, ela é vendida nas cores preto, branco ou rosa e pode parecer uma versão menor dos antigos rádios de pilha. Suas dimensões de 5,3 x 10,6 x 3,6 cm e peso de 300 g fazem com que ela também seja compacta e ideal para carregar na bolsa ou na mochila.

Qualidade do som: Empate

Por conta da sua faixa de preço, nenhuma das duas caixas tem um desempenho de som excepcional, mas podem oferecer música com qualidade aceitável; num volume mais baixo e com qualidade melhor do que a de um celular. Enquanto a caixa da Multilaser oferece uma potência de saída de 8 W, maior em relação aos 2 W da Philips, a concorrente tem a função anticorte, que promete reduzir distorções nas músicas.

Multilaser SP174: assim como concorrente, som não impressiona, mas pode satisfazer — Foto: Divulgação/Multilaser

Compatibilidade e Funcionalidades: Multilaser SP174

Ambas as caixas se conectam a dispositivos via Bluetooth e por entrada de áudio analógica de 3,5mm, mas a caixinha da Multilaser também tem suporte para rádio FM e entrada para cartão de memória micro SD. Isso faz da Multilaser um produto mais completo e de maior compatibilidade do que a concorrente.

Multilaser SP174 oferece mais conectividade — Foto: Divulgação/Multilaser

Uma desvantagem em relação ao speaker da Philips, entretanto, é a bateria. A BT50WX/78 aguenta 6 horas de reprodução antes da próxima recarga, dependendo, é claro, do uso que está sendo feito, enquanto na SP174 esse tempo cai para 4 horas. Mesmo assim, por oferecer mais funções, ela tem mais chances de atenter a diferentes necessidades do usuário.

Preço e Garantia: Empate

A garantia de ambos os produtos é de 1 ano, tempo que deve ser satisfatório para que possíveis defeitos de fabricação venham à tona. E, quando se fala em preço, também não há tanta diferença. É possível comprar a Philips BT50WX/78 por R$ 79,90, mas na maioria das lojas do varejo sugeridas pela página oficial do produto, ela sai por cerca de R$ 109. O mesmo valor se repete no caso da Multilaser SP174 que, na loja oficial, também sai por R$ 109. Dessa forma, o impacto no bolso do usuário não deve fazer muita diferença na hora de decidir qual comprar.

Philips BT50WX/78 e Multilaser SP174: R$ 109 com garantia de 1 ano — Foto: Divulgação/Philips

Conclusão

Houve um empate na quantidade de categorias vencidas por cada caixa. Por isso, antes da fechar negócio, é bom que o usuário preste bastante atenção no tipo de produto que ele procura. Caso considere mais importante que a caixa Bluetooth tenha capacidade de reproduzir música por mais horas, então a Philips BT50WX/78 pode ser uma boa escolha. Agora, se você procura um produto mais versátil, talvez a Multilaser SP174 seja a aposta ideal.

Vale a pena comprar caixa de som Bluetooth? Comente no Fórum do TechTudo

Caixa de som Bluetooth: cinco dicas para usar melhor

Caixa de som Bluetooth: cinco dicas para usar melhor

Mais do TechTudo