Por Raquel Freire, para o TechTudo


O mês de julho foi cheio de novidades para o mercado de celulares. O aplicativo Sarahah chegou agitando as redes sociais e reacendendo polêmicas enterradas com o antigo Secret. A Motorola lançou o Moto Z2 Force, celular premium que está confirmado para chegar ao Brasil em edição turbinada. A Samsung não ficou para trás e apresentou uma variante ainda mais potente do poderoso Galaxy S8 Plus.

O mês também foi marcado pelas diversas dicas para o WhatsApp, que animaram usuários tanto do Android quanto do iPhone (iOS). O TechTudo também alertou sobre golpes para roubo da Apple ID e sobre a queda de preço do iPhone SE, o que fez sucesso entre os internautas.

Relembre os principais assuntos do universo mobile no mês de julho — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Relembre os principais assuntos do universo mobile no mês de julho — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Relembre os principais assuntos do universo mobile no mês de julho — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Sarahah: o app de mensagens anônimas que virou febre

A chegada do Sarahah foi um dos eventos que mais movimentaram o mundo da mobilidade no mês passado. O app, que conta com versões para Android e iPhone (iOS), além do site oficial, funciona como um espaço para envio e recebimento de mensagens sem identificação. A proposta é que as pessoas façam críticas, elogios ou perguntas que não fariam sem o anonimato, contribuindo para que o usuário melhore suas atitudes.

O aplicativo para celular pode ser baixado gratuitamente e requer somente um email válido para ser usado. Depois de criar a conta, o usuário precisa apenas divulgar o link via Facebook, Twitter ou WhatsApp para que os amigos possam enviar as mensagens anônimas.

Vídeo mostra o que é o Sarahah e como funciona a rede social de mensagens anônimas

Vídeo mostra o que é o Sarahah e como funciona a rede social de mensagens anônimas

Quem cansar da brincadeira poderá excluir o perfil no serviço a qualquer momento.

Celulares turbinados

Julho foi palco de importantes novidades também em hardware. O Moto Z2 Force foi finalmente anunciado e mostrou uma tela 'inquebrável' como um dos seus principais atrativos. O TechTudo pôs as mãos no novo smartphone e testou a resistência da tela, que se manteve sem rachaduras após sucessivas quedas. No entanto, experimentos realizados pela imprensa internacional posteriormente comprovaram que o componente não é tão resistente a arranhões.

O modelo premium da Motorola tem especificações interessantes, como câmera dupla de 12 megapixels, display com resolução Quad HD, processador Snapdragon 835, memória RAM de 6 GB na versão brasileira e opções de armazenamento de 64 GB ou 128 GB. Embora esteja confirmada para o Brasil, a segunda geração do Z Force ainda não tem data nem preço de lançamento por aqui. Nos Estados Unidos, o celular fez sua estreia por US$ 720, aproximadamente R$ 2.270 sem os impostos de importação.

Moto Z2 Force: conheça especificações do lançamento da Motorola

Moto Z2 Force: conheça especificações do lançamento da Motorola

A Samsung chamou atenção para si com o lançamento de uma versão turbinada do Galaxy S8 Plus. O modelo traz 6 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento, superiores aos 4 GB de RAM e 64 GB de espaço interno do produto original. O preço acompanhou o upgrade: o aparelho custa R$ 4.799, sendo vendido exclusivamente na cor preta. De resto, a ficha técnica se manteve igual, com telona de 5,8 polegadas, câmera traseira de 12 megapixels e bateria de 3.000 mAh.

iPhone roubado: criminosos aplicam golpes para conseguir Apple ID da vítima

Um novo golpe foi revelado pelo TechTudo. Criminosos estão enviando e-mails e SMS falsos como se fossem do serviço Find My iPhone, da Apple, para donos de aparelhos roubados ou furtados. O objetivo é descobrir o login e a senha do Apple ID das vítimas, o que dá aos infratores acesso às informações armazenadas no iCloud.

Neste golpe, do tipo phishing, o usuário é direcionado para um site falso da Apple ao clicar no link da mensagem. A semelhança com a página oficial da empresa engana os antigos donos do iPhone, que acabam informando os dados corretos. Com a ID, os hackers conseguem desativar o app Buscar iPhone, que localiza o dispositivo iOS e permite seu bloqueio de forma remota, conseguindo vender o celular no mercado ilegal.

Golpe para descobrir Apple ID de usuários de iPhone utiliza e-mail falso da Apple — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo Golpe para descobrir Apple ID de usuários de iPhone utiliza e-mail falso da Apple — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

Golpe para descobrir Apple ID de usuários de iPhone utiliza e-mail falso da Apple — Foto: Anna Kellen Bull/TechTudo

iPhone SE está R$ 1 mil mais barato: conheça especificações

E por falar no iPhone, o modelo SE ficou R$ 1 mil mais barato. A versão de 16 GB, que foi lançada em 2016 por R$ 2.699, alcançou o preço de R$ 1.750 em julho deste ano. Em uma recente pesquisa de satisfação nos Estados Unidos, o aparelho foi considerado o queridinho dos consumidores americanos.

O telefone com preço mais baixo (para os padrões da Apple) traz tela de 4 polegadas (1136 x 640 pixels), câmera principal de 12 megapixels e frontal de 1,2 MP. O processador é o A9 de 64 bits, que, junto com a memória RAM de 2 GB, faz rodar o iOS 10. A versão de 16 GB ainda é encontrada nas cores prateado, dourado, cinza-espacial e ouro rosa.

iPhone SE ficou R$ 1 mil mais barato desde o lançamento em 2016 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo iPhone SE ficou R$ 1 mil mais barato desde o lançamento em 2016 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

iPhone SE ficou R$ 1 mil mais barato desde o lançamento em 2016 — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Digitação fácil: iPhone tem atalho para inserir informações pessoais

O sistema de digitação fácil no iPhone bombou no mês passado. Pouco conhecida pelos usuários, a função "Substituição de Texto" permite adicionar atalhos para frases ou palavras mais usadas.

A ferramenta, que funciona em qualquer dispositivo iOS, é configurada através do menu Ajustes. Uma vez habilitada, o usuário poderá inserir e-mail, nome, sobrenome, endereço e outros dados frequentes de maneira bem mais rápida.

Função de digitação fácil no iPhone — Foto: Reprodução/Helito Bijora Função de digitação fácil no iPhone — Foto: Reprodução/Helito Bijora

Função de digitação fácil no iPhone — Foto: Reprodução/Helito Bijora

WhatsApp

Quem usa o WhatsApp também pôde aprender uma série de truques que facilitam o manuseio do app. Um deles é usar o mensageiro como bloco de notas, criando conversas consigo mesmo no mensageiro. Assim, o usuário pode armazenar dados importantes para consultar facilmente depois.

Outra dica é usar a formatação rápida de texto para colocar a fonte em negrito, itálico, espaçado ou tachado sem decorar código nenhum. A função está disponível apenas no app para smartphones Android, assim como o Gravador do WhatsApp, que permite enviar áudios de até 15 minutos sem pressionar o botão de microfone.

Gravador do WhatsApp permite enviar áudios sem pressionar microfone — Foto: Caio Bersot/TechTudo Gravador do WhatsApp permite enviar áudios sem pressionar microfone — Foto: Caio Bersot/TechTudo

Gravador do WhatsApp permite enviar áudios sem pressionar microfone — Foto: Caio Bersot/TechTudo

O WhatsApp também ganhou destaque devido a uma matéria exclusiva que revelou a possibilidade de contaminação por vírus. A análise feita pela ESET a pedido do TechTudo confirmou que os usuários de WhatsApp Web ou WhatsApp Desktop devem tomar medidas para se proteger.

Em entrevista, o especialista em segurança Camillo Di Jorge recomendou que os internautas confirmem a origem de um arquivo anexos antes de abri-lo.

WhatsApp Web: usuário recebeu arquivo PDF contaminado — Foto: Reprodução / ESET WhatsApp Web: usuário recebeu arquivo PDF contaminado — Foto: Reprodução / ESET

WhatsApp Web: usuário recebeu arquivo PDF contaminado — Foto: Reprodução / ESET

A volta da Nokia e da BlackBerry

Em 2017, Nokia e BlackBerry retornaram ao mundo dos celulares. Depois de um longo tempo no ostracismo, as marcas que dominaram os anos 2000 estão de volta com outras empresas por trás, em uma tentativa de usar os nomes já famosos para alavancar novos produtos.

A HMD Global é a atual dona dos direitos de uso da marca Nokia, que apareceu na MWC 2017 para relançar o clássico tijolão 3310 e aprensentar três novos smartphones. O mesmo fenômeno ocorreu com a BlackBerry, cujos direitos foram cedidos à TCL. Também na MWC, a companhia anunciou seu primeiro smartphone após a aquisição, que resgata o teclado físico QWERTY característico da linha. O modelo tem previsão de chegada ao Brasil em outubro deste ano pelo preço de R$ 3.500.

Nokia e BlackBerry retornam ao mundo dos celulares — Foto: Thássius Veloso/TechTudo Nokia e BlackBerry retornam ao mundo dos celulares — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Nokia e BlackBerry retornam ao mundo dos celulares — Foto: Thássius Veloso/TechTudo

Mais do TechTudo