Por Filipe Garrett, para o TechTudo


Uma versão falsa da extensão Adblock Plus, usada para bloqueio de anúncios na Internet, foi baixada por 37 mil pessoas. Ironicamente, o plugin não cumpria seu propósito de impedir que a publicidade fosse exibida e apresentava anúncios mesmo após baixado. A extensão passou pela verificação do Google e chegou à Chrome Web Store, loja que contém extensões para o Chrome — e também atende os navegadores Opera e Vivaldi, bem como o próprio sistema operacional Chrome OS.

O Adblock, fabricante da extensão, afirma que a fraude foi detectada e reportada ao Google em 14 de setembro, mas foi retirada da loja apenas dia 6 de outubro. Qualquer pessoa que tenha sido enganada com o plugin falso corre o risco de ter baixado algum material extra e perigoso em seu computador como malware.

Falso plugin "AdBlock Plus" — Foto: Reprodução/Twitter Falso plugin "AdBlock Plus" — Foto: Reprodução/Twitter

Falso plugin "AdBlock Plus" — Foto: Reprodução/Twitter

O falso plugin foi descoberto por um especialista em segurança anônimo, com o usuário "SwiftOnSecurity", que divulgou o ocorrido em sua conta do Twitter. O post menciona os mais de 37 mil downloads da extensão não original.

Um pronunciamento sobre o caso foi publicado no blog da fabricante (adblockplus.org/blog), agradecendo o trabalho do pesquisador anônimo e explicando que a equipe responsável pelo plugin vem trabalhando nos últimos anos para evitar que ataques do tipo ocorram e se aproveitem do seu nome.

Como verificar o download?

A recomendação para quem baixou o Adblock Plus recentemente é checar se fez download do plugin certo ao acessar "Chrome", "Mais ferramentas" e "Extensões". A versão falsa aparece como um app na loja, e não como uma extensão. A original tem como fabricante o site "adblockplus.org".

Segundo o site The Next Web, mais de 1.400 versões falsas foram relatadas nos últimos dois anos, em todos os navegadores. O Adblock afirma que apenas 900 destes itens foram removidos. O que resulta em 500 ameaças ainda circulando.

O que fazer?

Se você baixou a versão falsa, ou desconfia que está usando uma cópia irregular da extensão, a melhor solução é desinstala-la do seu navegador por meio do menu Extensões do Chrome (ou equivalente, caso você use Vivaldi ou outro browser derivado). Saiba remover extensoes do Google Chrome.

Uma vez removida a extensão suspeita, busque sempre baixar a versão correta na Chrome Web Store, ou no site oficial. É importante verificar o nome da fabricante antes de fazer download de complementos para o browser.

Chrome lento e travando muito. Como resolver? Troque dicas no Fórum do TechTudo.

Mais do TechTudo